Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

O grande plano dos bibliotecários mais corajosos é revelado no Syfy

TheMagicians.jpg

 

As aventuras do mais famoso grupo de bibliotecários da Metropolitan foram mais arrojadas e surpreendentes desta vez... A terceira temporada da série The Librarians chega ao fim, mas o ímpeto da magia continua a trazer consequências para os nossos heróis. O que podemos esperar antes do pano cair? Todos os pormenores no Syfy.

 

Estamos em contagem decrescente para o final da terceira temporada de uma das mais mágicas séries do Syfy, The Librarians. Por enquanto, só sabemos que a magia continua a exercer um forte impacto em Nova Iorque, em grande medida devido ao manto negro vestido por Apep, o Deus do Caos Egípcio – e o vilão e maior adversário da organização centenária secreta liderada por Flynn Carsen, Jake StoneCassandra e Ezequiel Jones.

 

Todavia, durante a sua demanda contra as forças do mal, as ações dos bibliotecários continuam a ser investigadas ao pormenor pela general Cynthia Rockwell (Vanessa Williams), responsável pela agência governamental secreta D.O.S.A. (Department of Statistical Anomallies).

 

Até ao fim da sua jornada, o mais famoso grupo de caçadores de relíquias continua a desvendar mistérios que se pensavam indecifráveis, a enfrentar ameaças sobrenaturais e a esforçar-se ao máximo para salvar os misteriosos artefactos ancestrais que vão surgindo pelo caminho. Será que o lado negro da feitiçaria vai levar a melhor? Serão as consequências da magia irreversíveis? Fiquem a saber tudo no último episódio de The Librarians, dia 25 às 22h10.

 

 

Batalhas finais? #SóNoSyfy

 

 

The Librarians (The Librarians) – EUA, 2014

Int: Noah Wyle, John Larroquette, Rebecca Romijn, Lindy Booth, John Kim, Christian Kane

Emissão: novos episódios quartas às 22h10. Último episódio dia 25 às 22h10.

CASUAR: Showcase FNAC

 

Depois de um 2016 de afirmação no panorama musical português, com a edição do primeiro álbum a solo, CASUAR: inicia 2017 com um showcase ao vivo na FNAC dos Armazéns do Chiado no próximo dia 21 de Janeiro pelas 17h.

Oportunidade mais que ideal para escutar as canções de “Game Over”, entre elas “Fuga” e “Mero Passo”, perfeitos exemplares da indie pop singular e inventiva que nos apresenta neste projecto one man band, já disponível para compra nos locais habituais e para escuta nas principais plataformas de streaming.

🔺 ZARATAN EVENTS ▶ 20 ▶ 21 ▶ 22 ▶ JAN 🔺

439608d5-4773-4080-8d1c-35238b54b58f.png

 

a-nimal + Projéctil

Concerto / Concerto
21 de Janeiro às 19h00 / January 21 at 7pm
Entrada Livre para sócios (quota anual 3 euros) / Free entry for members (3 euros annual fee)


A Besta inicia o ano com uma residência sonora na Zaratan, com um conjunto de concertos. O primeiro desses concertos terá lugar no dia 21 de Janeiro, a partir das 19h, na Carvoaria.
a-nimal vive desde 2009 e tem assumido diferentes peles e integrado diferentes membros. Do seio de a-nimal e do seu contacto com o "outro" nasceu A Besta. Agora, depois de entender a completa futilidade de assumir seja o que for, a-nimal é um quarteto que toca a música que faz, mas nem sempre. Voltam à Zaratan para tocar temas novos, alguns novos até para o quarteto. Projéctil é o corpo embrulhado num lençol deixado na fábrica abandonada, a apodrecer, para nunca mais ser encontrado. É a nuvem de fumo e o forte odor a queimado, vindo do quarto. É o tombar inaudível do encontro do indivíduo com a sua natureza. Numa experiência sonora com raízes industriais, André Calvário (baixo/electrónica) junta-se a Tiago Eira (sintetizador/electrónica), de forma a explorar paisagens sonoras electrizantes e ritmicamente desconcertantes.

 

572e7b3b-2e31-4189-9950-7cef1ebaf68b.jpg

 

MATINÉ XITA

João Raposo + Migas + Tomás Varela + DJ Meiaz

Concertos / Concerts
22 de Janeiro às 17h00 / January 22 at 5pm
Entrada Livre  / Free entry 

No dia 22 de Janeiro, pelas 17 horas, a Zaratan convida para uma matiné de concerto organizada pela editora de música independente XITA RECORDS, com concertos de João Raposo, Migas e Tomás Varela e DJ set de DJ Meiaz.
João Raposo é um adolescente lisboeta que desde sempre aprendeu e esteve próximo da música como sua componente criativa.Toca guitarra e canta sobre o seu dia-a-dia questionando a sua existência e a dos que o rodeiam tendo em conta as suas relações amorosas e de amizade pura. As canções do Tomás Varela significam que o samba pode soar no Inverno de Lisboa. O sol surgirá em Janeiro se o rapaz de cabelo em excesso e óculos sobre explorados tocar na guitarra as suas letras de eleição. Migas são Manel Lourenço (Primeira Dama) e António Queiroz (Kerox), ou seja, são melhores amigos e fazem música. Produzem em palco doses prováveis de drum machines, teclas distorcidas e vozes repetidas em delays. A oscilação premeditada não afecta em nada a vontade, de em toada, cantar a muitas vozes. DJ Meiaz são Tomás Queiroz e Leonor Barroco, amigos de longa data que partilham um gosto musical extremamente pop, 00's, solto e repleto de um "à vontade" contagiante. Vieram lembrar -nos de que os "guilty pleasures " de guilty não têm nada. É a meias, mas as meias pausadas é o Tomás que manda.

 

3ee4ff24-2802-4546-9fd1-5ce28fa20c2b.jpg

 

MATINÉ XITA

João Raposo + Migas + Tomás Varela + DJ Meiaz

Concertos / Concerts
22 de Janeiro às 17h00 / January 22 at 5pm
Entrada Livre  / Free entry 

No dia 22 de Janeiro, pelas 17 horas, a Zaratan convida para uma matiné de concerto organizada pela editora de música independente XITA RECORDS, com concertos de João Raposo, Migas e Tomás Varela e DJ set de DJ Meiaz.
João Raposo é um adolescente lisboeta que desde sempre aprendeu e esteve próximo da música como sua componente criativa.Toca guitarra e canta sobre o seu dia-a-dia questionando a sua existência e a dos que o rodeiam tendo em conta as suas relações amorosas e de amizade pura. As canções do Tomás Varela significam que o samba pode soar no Inverno de Lisboa. O sol surgirá em Janeiro se o rapaz de cabelo em excesso e óculos sobre explorados tocar na guitarra as suas letras de eleição. Migas são Manel Lourenço (Primeira Dama) e António Queiroz (Kerox), ou seja, são melhores amigos e fazem música. Produzem em palco doses prováveis de drum machines, teclas distorcidas e vozes repetidas em delays. A oscilação premeditada não afecta em nada a vontade, de em toada, cantar a muitas vozes. DJ Meiaz são Tomás Queiroz e Leonor Barroco, amigos de longa data que partilham um gosto musical extremamente pop, 00's, solto e repleto de um "à vontade" contagiante. Vieram lembrar -nos de que os "guilty pleasures " de guilty não têm nada. É a meias, mas as meias pausadas é o Tomás que manda.

Chris Noth e Keisha Castle-Hughes confirmados como parte do elenco de 'Manifesto' | Nova produção do Discovery Channel

image003.jpg

 

image002.jpg

 

O Discovery Channel acaba de anunciar que o Chris Noth – ator que ficou famoso pelo papel de Big na série Sexo e a Cidade – e a jovem atriz Keisha Castle-Hughes (da Guerra dos Tronos) são as novas confirmações para o elenco da muito antecipada série ‘Manifesto’, que irá estrear já este ano. Produzida por John Goldwyn, como consultor para o Discovery Channel, pela Lionsgate, Trigger Street Productions e pelo Discovery Channel, a série vai contar a história de como o FBI desmascarou Ted Kaczynski (Paul Bettany), também conhecido como o “Unabomber”, um dos criminosos estrategas mais conhecidos do mundo. As filmagens arrancam já no final de Janeiro em Atlanta sob a alçada do realizador Greg Yaitanes.

 

Noth junta-se assim ao elenco ao dedicar-se ao papel de Don Ackerman, o Chefe do FBI da Bay Area Divisonal, que supervisiona as forças policias dedicadas ao ‘Unabomber’. Já a atriz Keisha Castle-Hughes estreia-se no papel de Tabby, uma agente de rua que se torna parceira do agente do FBI Jim ‘Fitz’ Fitzgerald (Sam Worthington), um dos melhores agentes profilers da história do FBI.

 

Famosos por diversos trabalhos em que participaram, Chris Noth e Keisha Castle-Hughes marcam agora presença na televisão americana com a estreia de ‘Manifesto’, uma série produzida pela Trigger Street (do Kevin Spacey e da Dana Brunetti’s), escrita por Andrew Sodroski e produzida e realizada pelo galardoado com um Emmy Greg Yaitanes. A série faz parte de uma estratégia de grande títulos e conteúdos, delineada por Rich Ross, Presidente do Grupo Discovery, Animal Planet e Science Channel. Ross recrutou ainda o produtor John Goldwyn para guiar a iniciativa. Goldwyn também foi produtor executivo da minissérie do Discovery ‘Harley and the Davidsons’, que alcançou 4.4 milhões de espetadores em setembro, tornando-se na minissérie mais vista em três anos e meios.

SLOW J - "Pagar as Contas" é o novo single e já passa nas rádios. Tema conta com a participação de Gson e de Papillon.

"PAGAR AS CONTAS" É O MAIS RECENTE SINGLE DO PRIMEIRO LONGA DURAÇÃO "THE ART OF SLOWING DOWN"

 

Um dos álbuns mais esperados de 2017 tem saída marcada para o dia 10 de Março
 


Slow J está de volta em 2017 para lançar o sucessor "The Free Food Tape". "Pagar as Contas" é o novo single de "The Art of Slowing Down", o primeiro longa duração de um dos mais promissores artistas nacionais e que tem lançamento marcado já para 10 de Março

"Pagar as Contas" conta com a participação de Papillon  (GROGNation) e de Gson (Wet Bed Gang), que acabam por dar uma "visão" de três perspectivas diferentes sobre um dilema em comum.

O novo tema, como o próprio nome indica, fala sobre a pressão de pagar as contas, tanto as de água, luz ou gás,  como as contas do karma, tanto do ponto de vista de um jovem adulto a atingir a independência financeira como da perspectiva de um filho que vê o pai chegar a casa cansado e deprimido anos a fio.

Fica a pergunta, será que é assim que a vida deve ser vivida?

 

 

KADYPSLON Showcases FNAC

 

Numa altura em que o seu primeiro longa-duração está quase a ver a luz do dia, Kadypslon prepara-se para uma pequena digressão pelas FNAC lusitanas que servirão de apresentação a “Refúgio”, o novo registo. Não faltarão à chamada canções como “Malta Perdida”, “Rise & Shine” ou “Realidade”, canções que têm marcado o percurso do rapper lisboeta. Conheçam as datas:

 

20.01 | FNAC @ Almada Fórum, 22h

27.01 | FNAC @ Alegro Alfragide, 21h30

ESPECIAL SEXY WEST NO FOX MOVIES

image004.jpg

 

ESPECIAL SEXY WEST: 28 e 29 de janeiro, a partir das 21h15

Burt Reynolds, James Stewart, Paul Newman, Raquel Welch, Robert Redford são nomes incontornáveis dos westerns americanos que fizeram as fantasias de homens e mulheres em todo mundo pela sua sensualidade e charme. O FOX Movies relembra estes ícones do cinema num especial denominado “Sexy West”, que terá emissão no canal nos dias 28 e 29 de janeiro com a estreia de quatro filmes protagonizados por estas estrelas de Hollywood.

 

O filme ‘Bandolero!’, de 1968, marca o arranque do especial e conta com a participação de James Stewart e da sensual Raquel Welch. O filme conta a história de Mace (James Stewart) que tem a missão de libertar um grupo de rebeldes, um dos quais o seu irmão, das catacumbas onde estão presos. A missão arrasta-o e ao irmão numa perseguição até ao México, onde acabam por se unir na luta contra bandidos mexicanos e com o irmão de Mace, a seu pedido, a deixar de vez o mundo da criminalidade.

 

Ao filme ‘Bandolero!’ segue-se ‘Dois Homens e Um Destino’, um clássico de 1969, vencedor de quatro Óscares da Academia e que conta com a fantástica dupla Paul Newman e Robert Redford nos papéis das famosas personagens Butch Cassidy e The Sundance Kid. O filme retrata a viagem de dois ladrões de bancos e comboios do Oeste, que rumam até à Bolívia para fugir à lei.

 

 

No segundo dia do especial “Sexy West”, os espectadores poderão ver ‘100 Armas ao Sol’ (1969) e ‘Um Homem’ (1967), que voltam a ter como protagonistas Raquel Welch e Paul Newman, respetivamente.

Casino Estoril renova noite de animação musical em 2017

 

O Casino Estoril oferece, em Janeiro, um renovado programa de animação musical no Lounge D. Com entrada livre, o público poderá assistir, de Quarta-Feira a Domingo, a partir das 22 horas, a diversificados espectáculos de rock, pop soul, r&b swing, samba, bossa nova, jazz e, ainda, dj sets. O ambiente festivo prolonga-se até de madrugada.

 

Ciclo de Fado às Quartas-Feiras

Com uma expressiva afluência de público, as noites de fado prosseguem, em Janeiro, no Lounge D com uma série de actuações a não perder. São diferentes estilos interpretativos que estarão em destaque às Quartas-Feiras, a partir das 22 horas.

 

Os Marialvas actuam, logo, no dia 4, seguindo-se José da Câmara e Cláudia Leal no dia 11 de Janeiro. Cristiano de Sousa e Ana Margarida sobem ao palco no dia 18 e, posteriormente, Peu Madureira e Ana Sofia Varela serão os protagonistas no dia 25 de Janeiro.

 

Concerto de Cristina Castro Pereira

Cristina Castro Pereira regressa, no próximo dia 5 de Janeiro, a partir das 22 horas, ao Casino Estoril para interpretar numerosos êxitos que marcaram diferentes épocas do soul e do rhytm and blues.

 

Cristina Castro Pereira percorre vários hits de diferentes décadas, desde o soul de Aretha Franklin, James Brown ou Joss Stone, ao rhytm and blues de Alicia Keys passando, também, pelos Rolling Stones, Adele, Amy Winehouse, All Green e Tina Turner.

 

Concerto dos Ensemble Acoustic Sessions

Ensemble Acoustic Sessions.jpg

 

Em concerto inédito, os Ensemble Acoustic Sessions actuam, a 6 de Janeiro, a partir das 22 horas, no Lounge D. Trata-se de um projecto de covers semiacústico feito por músicos com experiência no âmbito de animação de várias casas de espectáculos e eventos.

 

O grupo destaca-se sobretudo, pela sua versatilidade e por imprimir uma identidade própria aos temas interpretados através de arranjos musicais distintos. Fazem parte do seu reportório artistas internacionais intemporais como, por exemplo, Bon Jovi, Bryan Adams, Cindy Lauper, Gal Costa, George Harisson, George Michael, Simply Red, Tina Turner, bem como artistas mais contemporâneos como Bruno Mars, Corinne Bailey Rae, Jamiroquai, Kelly Clarkson, Macy Gray, Muse, Texas, sem esquecer grandes talentos da música portuguesa como Adelaide Ferreira, Ala dos Namorados, Dulce Pontes, Expensive Soul, Jorge Palma, Mariza ou Pedro Abrunhosa.

 

Ciclo de dj sets

O programa de animação musical propõe, aos Sábados, um ciclo de dj sets com alguns dos nomes mais conceituados do panorama nacional. No Lounge D estão asseguradas as melhores sonoridades até de madrugada. Dj Escobar será o protagonista já no próximo dia 7, enquanto as actuações do Dj Nuno Garcia estão reservadas para os dias 21 e 28 de Janeiro. A não perder, a partir das 22 horas.

 

Concerto de Sofia Hoffman

Em concerto inédito, Sofia Hoffman, apresenta-se a 12 de Janeiro, pelas 22 horas, no Lounge D do Casino Estoril. A intérprete propõe uma selecção dos melhores standards de jazz e de bossa nova. 

 

A voz de Sofia Hoffmann será acompanhada pelas sonoridades dos instrumentos de três nomes da música em Portugal - Nanã Sousa Dias (Saxofone), Daniel Bernardes (Piano) e Massimo Cavalli (Contrabaixo).

 

Concerto Mimi Froes

Mimi Froes.jpg

 

Com um enquadramento revivalista, Mimi Froes sobe ao palco do Lounge D, no próximo dia 13 de Janeiro, às 22horas, para interpretar um elenco de covers de temas nacionais e internacionais.

 

A jovem compositora e intérprete revela uma assinalável versatilidade, conciliando alguns temas originais com vários de clássicos do panorama musical. A canção "Love Is Something" será um dos destaques da noite.

 

Concerto The Lucky Duckies

Casino Estoril recebe The Lucky Duckies 2.jpg

 

A banda The Lucky Duckies apresenta no próximo dia 14 de Janeiro, pelas 23 horas, o álbum comemorativo de 30 anos de carreira. Fã incondicional da banda, Júlio Isidro será o apresentador deste espectáculo especial. Em 2017, The Lucky Duckies celebram, assim, o seu 30º aniversário, iniciando, precisamente, no Lounge D do Casino Estoril uma tournée especial que comemora esta efeméride.

 

The Lucky Duckies continuam a ser os guardiões dos estilos musicais que fizeram sucesso entre os anos 20 e os anos 60 do Séc. XX, conferindo-lhes uma sonoridade vintage e apresentando-se impecavelmente com um look retro. Nesta noite vai ouvir-se muito swing, rock'n'roll, samba ou bossa nova, entre outros registos musicais.

 

Concerto de Frederico Braga da Costa

Em versão acústica, Frederico Braga da Costa regressa, a 19 de Janeiro, pelas 22 horas, ao Lounge D para interpretar vários temas originais da sua autoria e recriar outros êxitos que marcam o panorama da música internacional.

 

A personalidade e o bom gosto musical são as bases deste conceituado projecto liderado por Frederico Braga da Costa. Do Swing ao Pop, passando por temas originais, Frederico Braga da Costa traz ao Casino do Estoril um largo e vasto repertório, preenchido com grandes êxitos.

 

 

Concerto dos Reckless - Tributo a Bryan Adams

Os Reckless  são uma banda de Tributo a Bryan Adams formada em Cascais, curiosamente, onde o artista viveu durante 5 anos no final da década de 60 e inicio de 70. Trata-se da única banda de tributo ao intérprete canadiano na Península Ibérica e em França. A não perder, a partir das 22 horas, no dia 20 de Janeiro.

 

Amado pelas suas melodias e voz rouca, Bryan Adams, actualmente, com 56 anos "ainda" consegue esgotar grandes salas de espectáculos e estádios com um set list de luxo: “Summer of 69, “Somebody”, “Heaven”, “Run to You”, “Straight from the Heart”, “Everything I Do I Do It For You”, “One Night Love Afair”, “Please Forgive Me”, “Tonight” ou “It´s Only Love”, entre muitos outros são alguns sucessos de Bryan Adams interpretados nos seus espectáculos.

 

Concerto de Rogério Gil “Juke Box”

Bem conhecido dos visitantes do Casino Estoril, Rogério Gil apresenta-se, a 26 de Janeiro, a partir das 22 horas, no Lounge D. Com uma proposta muito interctiva, Rogério Gil convida o público a seleccionar as canções que pretende ouvir. “Músicas à sua Medida” é uma sugestão inédita, em que os espectadores poderão intervir no desenrolar do próprio espectáculo.

 

Concerto Mary and the Freak Brithers

Casino Estoril recebe os Mary and the Freak Brothe

 

Com uma instrumentação invulgar e num registo acústico, os Mary and the Freak Brothers estreiam-se, a 27 de Janeiro, a partir das 22 horas, no Casino Estoril. A banda interpreta grandes clássicos nacionais e internacionais através de um estilo inovador que contagia pela energia e boa disposição. Entre o dedilhar de guitarras, e os arrepios provocados pelo violino destacam-se as sonoridades do reggae-rock acústico.

 

Os Mary and the Freak Brothers reúnem, em palco, o vocalista Henrique Peyssonneau Nunes que será acompanhado por Romeu Ornelas na guitarra e saxofone, João Carlos Gonçalves, na guitarra e saxofone e Maria da Rocha no violino.

 

Programação em Janeiro, de Quarta-Feira a Domingo

Ciclo de Fado: Quartas-Feiras: Dias 4, 11, 18 e 25

Ciclo de dj sets com Dj Escobar: dia 7 e Dj Nuno Garcia: dias 21 e 28

Concerto de Cristina Castro Pereira: Dia 5

Concerto dos Ensemble Acoustic Sessions: Dia 6

Concerto de Sofia Hoffman: Dia 12

Concerto Mimi Froes: Dia 13

Concerto The Lucky Duckies: Dia 14

Concerto de Frederico Braga da Costa: Dia 19

Concerto dos Reckless - Tributo a Bryan Adams: Dia 20

Concerto de Rogério Gil “Juke Box”: Dia 26

Concerto Mary and the Freak Brithers: Dia 27

 

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Estoril é reservado a maiores de 18 anos.

 

POESIA NO MUSEU 2017 | MUSEU NACIONAL DA MÚSICA

PROGRAMA DO V CICLO POESIA NO MUSEU (2017)


18 de Janeiro - Miguel Tamen - João de Deus
22 de Fevereiro - Carla Quevedo - Sweeney Todd
15 Março - António Feijó - Orpheu e Presença
5 de Abril - Frederico Lourenço - São Paulo, poeta
17 de Maio - José Carlos Araújo - Plínio-o-Moço e a Poesia
7 de Junho - Gustavo Rubim - Camilo Pessanha
João R. Figueiredo - Data e tema a confirmar

 

poesia no museu geral certo.jpg

 

Poesia no Museu é um ciclo de conferências sobre poetas ou assuntos relacionados com poesia que vai já no seu quinto ano. Comissários: Helena Miranda e Tomás Castro

 

 

 

1ª Sessão: 18 de Janeiro, pelas 19h | Entrada Livre

 

MIGUEL TAMEN sobre JOÃO DE DEUS
#EntradaLivre

 

poesia tamen 18 jan 2017.png

 

Miguel Tamené Director do Programa de Teoria da Literatura na FLUL e Professor Catedrático. PhD University of Minnesota.
Estudou na Universidade de Lisboa (L, 1982; M, 1985; Agregação, 1995) e na University of Minnesota (D, 1989). É também membro do Departamento de Literaturas Românicas da primeira destas universidades. Foi, entre 2000 e 2014, professor visitante na University of Chicago, e ainda senior fellow no Stanford Humanities Center (2003/4) e no National Humanities Center (2010/11). Os seus interesses incluem filosofia e literatura. Escreveu seis livros, entre os quais Friends of Interpretable Objects (2001) e What Art Is Like, In Constant Reference to the Alice Books (2012). É colunista regular na revista Common Knowledge e colunista semanal no jornal Observador.

 

Sinopse da Sessão: 'João de Deus (1830-1896) foi o primeiro de uma longa linhagem de poetas portugueses a quem se poderia aplicar o título, em Portugal inexistente, de Poeta Laureado. Está, como os herdeiros desse título, sepultado no Panteão Nacional. Foi autor de uma Cartilha que representou para várias gerações a ideia de literacia. Fragmentos dessa cartilha e de poemas seus são ainda lembrados, às vezes de forma truncada. Irá ser tratado como poeta por mérito próprio: serão lidos vários poemas seus que mostram esse mérito.' Miguel Tamen

joao de deus.jpg