Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Cinema no Feminino & Mesa-Redonda "Cinema no Feminino - Ponto da Situação"

11 a 16 de Março de 2013
Goethe-Institut
Entrada Livre

A propósito do Dia Internacional da Mulher e no âmbito do seu 50° aniversário, o Goethe-Institut apresenta o ciclo Cinema no Feminino.
Cada uma das últimas cinco décadas estará representada por um filme de realizadoras alemãs pouco conhecidas em Portugal. O ciclo arranca com obras de três pioneiras do cinema feminino alemão, Ula Stöckl, Helke Sander e Jutta Brückner.
Em Neun Leben hat die Katze, (O Gato tem nove vidas, 1968), Ula Stöckl mostra como cinco mulheres aproveitam a sua "nova liberdade" para se tornarem independentes.
A realizadora Helke Sander é a protagonista do seu filme Die allseitig reduzierte Persönlichkeit (A personalidade reduzida por completo, 1977), no qual a fotógrafa e mãe solteira Edda faz um grande esforço para equilibrar a sua vida pessoal e profissional. Em Hungerjahre. In einem reichen Land (
Anos de Fome. Num pais rico, 1980), de cariz autobiográfico, Jutta Brückner retrata três anos da vida da jovem Ursula numa Alemanha dos anos 50 em pleno milagre económico. Carolina Link (Óscar para Melhor Filme Estrangeiro em 2003) conta em Jenseits der Stille (Para além do Silêncio, 1996) a história de Lara, filha de um casal surdo-mudo que não desiste do seu talento musical, mesmo correndo o risco de se afastar do seu pai.
De Valeska Grisebach, realizadora pertencente à "Nova Escola de Berlim" será exibido, Sehnsucht (Saudade, 2006), que acompanha o dilema de Markus, que apesar de ter um casamento feliz se apaixona por outra mulher.
Por fim, será exibido Die Fremde (A Estrangeira, 2010), prémio LUX 2010, onde Feo Aladag narra a história de Umay que, vítima de maus-tratos, foge do seu marido mas não encontra o apoio familiar que procura.

O ciclo termina com a mesa-redonda Cinema no Feminino – Ponto da Situação, que terá lugar no Sábado, dia 16 de Março às 16h30, na qual cineastas portuguesas e alemãs irão reflectir sobre o cinema feminino na Alemanha e em Portugal.

As convidadas são Jutta Brückner (realizadora) Teresa Villaverde (realizadora), Christine Reeh (produtora/realizadora), Cíntia Gil (doclisboa) e Kaya de Wolff (Universidade Lüneburg).
A mesa-redonda será moderada por Anabela Campos (Jornal Expresso)