Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Festival Sete Sóis Sete Luas

Festival Sete Sóis Sete Luas  
O “Festival Sete Sóis, Sete Luas” decorre de 25 de Junho a de 3 de Setembro na Fábrica da Pólvora de Barcarena acolhendo este ano onze concertos. Os espectáculos têm início às 22H00 e são de entrada livre, limitada aos lugares disponíveis.

Iñaki Plaza e Ion Garmendia (País Basco), pela primeira vez em Portugal, são os primeiros a subir ao palco, no dia 25 de Junho, às 22H00. Depois de integrarem durante seis anos o grupo de Kepa Junkera, os músicos Iñaki Plaza (trikitixa, txalapartas, tubiogh e percussões) e Ion Garmendia (txistu, alboka, txalapartas, tubiogh e percussões), conceberam um projecto baptizado como 20 Hatz Proiekt (Projecto 20 Dedos).

 

Este Festival consiste, desde o seu início, numa proposta cultural inovadora e arrojada, que nos confronta com valores e ideias que se distanciam do omnipresente “mainstream” anglo-saxónico. Como diz Marco Abbondanza, directorartístico do Festival, há no “Sete Sóis, Sete Luas” uma certa ingenuidade “e a ingenuidade é um elemento importante no diálogo porque o transforma num diálogo sincero.”

 

O Festival Sete Sóis Sete Luas, promovido por uma rede cultural de trinta cidades de dez países do Mediterrâneo e do Atlântico - Brasil, Cabo Verde, Croácia, Espanha, França, Grécia, Israel, Itália, Marrocos e Portugal, surge pela primeira vez em Oeiras no ano de 2000 tendo encontrado na Fábrica da Pólvora um dos seus palcos mais importantes.

 

PROGRAMA:

 

2 de Julho . Mercedes Peón (Galiza)
9 de Julho . Eugenio Bennato (Itália)
16 de Julho . Mário Lucio (Cabo Verde)
23 de Julho . Massimo Laguardia (Sicília)
30 de Julho . Banda Del Pepo (Múrcia)
6 de Agosto . Orchestra Popolare Italiana (Itália)
13 de Agosto . Les Voix du 7Sóis (Mediterrâneo)
20 de Agosto . Maria Del Mar (Andaluzia, Cádiz)
27 de Agosto . Rocío Márquez (Andaluzia, Huelva)
3 de Setembro . Kristi Stassinopoulou (Grécia)