Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Festas do Barreiro 2014, de 8 a 17 de agosto

 

Festas do Concelho e da Cidade

 

– As mais de 100 mil pessoas que habitualmente nos visitam serão muito bem-

 

As Festas do Barreiro 2014, de 8 a 17 de agosto, foram apresentadas na tarde de ontem, quinta-feira, 31 de julho, em Conferência de Imprensa, realizada no Clube de Xadrez do Barreiro, com a presença do Presidente da Câmara Municipal do Barreiro (CMB), Carlos Humberto de Carvalho, da Vereadora Regina Janeiro, com a Intervenção Social, Juventude, Desporto, Associativismo, Cultura, Arquivo, Educação, Património Histórico, Saúde e Bibliotecas– Presidente da Comissão de Festas – e representantes dos parceiros da Comissão Organizadora do evento. Preveem-se dez dias de grande animação na zona ribeirinha do Barreiro, na Rua Miguel Pais, Largo Bento de Jesus Caraça, Avenida Bento Gonçalves – Avenida “da Praia” – e imediações. Os espetáculos têm, todos, entrada livre.

 

“Estas Festas são, cada vez mais, aquilo que é um desejo do Executivo que é construir a Cidade com todos”, referiu a Vereadora, no lançamento do evento. Daí a constituição de uma Comissão, que, pelo segundo ano, é formalmente criada.

 

Programação do Palco das Marés

 

O Programação do Palco das Marés abre pelas 22h00 de sexta-feira, 8 de agosto, com um concerto com a banda The Gift. Seguem-se Cais Sodré Funk Connection (a 9 de agosto, pelas 22h00), Cruzados e Maria Café (10 de agosto, 22h00), Caelum’s Edge (11 de agosto, 22h00), Roda Mágica (12 de agosto, 21h30), Bon Sauvage (13 de agosto, 22h00), uma Noite de Fados, com José Guerreiro (fadista), Manuel dos Santos (guitarra) e António Cardoso (viola) (14 de agosto, 22h00), Banda Municipal do Barreiro (15 de agosto, 22h00), D.A.M.A (16 de agosto, 22h00) e, no encerramento da edição 2014, Quim Barreiros (17 de agosto, 22h00). Após o final deste espetáculo, haverá fogo-de-artifício.

 

“As mais de 100 mil pessoas que habitualmente nos visitam serão muito bem-vindas”

 

O Programa das Festas, “de palco”, que representa montantes mais elevados, é financiado “por entidades que, connosco, acham que podem ajudar a projetar o Barreiro e a melhorar as Festas do Barreiro”, registou Regina Janeiro, realçando, ainda, o facto de cinco dos nomes que constam no Programa do Palco das Marés serem oriundos do Concelho.

 

Regina Janeiro sublinhou o “esforço financeiro muito grande por parte da Autarquia mas, também, por parte da população”, de requalificação da zona ribeirinha. A intervenção permitiu “redesenhar” o recinto, surgindo, este ano com uma nova disposição no terreno, proporcionando uma maior fruição da zona. Neste particular, refira-se, a realização, pelas 19h00 do dia 14 de agosto, de uma Sardinhada, na Avenida Bento Gonçalves (Avenida ”da Praia”), as várias atividades preparadas pelos próprios estabelecimentos da Avenida e o alargamento do horário do comércio em duas horas.

 

“As mais de 100 mil pessoas que, habitualmente, nos visitam serão muito bem-vindas”, rematou.

 

Somatório de pequenas ou grandes colaborações

 

“As Festas são, sempre, o somatório de pequenas ou grandes participações, pequenos ou grandes envolvimentos”, realçou o Presidente da CMB, enaltecendo a compreensão de quem vive nas imediações do recinto, que, tendo a vantagem de estar “à porta” do evento, pode, de alguma forma, ser afetado pela sua realização.

 

Sobre aquele que é considerado um ponto-de-encontro de barreirenses e muitos visitantes, Carlos Humberto de Carvalho manifestou o esforço efetuado nos últimos anos “para que as Festas sejam, cada vez mais, da Cidade, do Concelho, e sejam, cada vez menos, as Festas da Câmara”.

 

“Encontro”, “convívio”, “lazer”, “bem-estar”, “descontração”, “descompressão” foram palavras que Carlos Humberto de Carvalho utilizou para caracterizar as Festas, que se procuram que sejam uma “mostra daquilo que se faz no Barreiro”.

 

Triplo mote: 50 Anos de Jogos Juvenis do Barreiro, 40 Anos de 25 de Abril e 30 Anos de Cidade

 

Artesanato, Feirantes, Tasquinhas, Divertimentos, Juventude, Desporto, Exposições, Mostra Empresarial e Institucional, e muita, muita música marcam presença no evento – inspirado por três grandes motes: 50 Anos de Jogos Juvenis do Barreiro, 40 Anos de 25 de Abril e 30 Anos de Cidade.

 

O programa atualizado, planta do recinto e todos os pormenores sobre o evento encontram-se publicados no Jornal das Festas – distribuído por vários locais do Concelho – e encontram-se, atualizados, no Sítio Oficial da CMB na Internet, páginas http://www.cm-barreiro.pt/ e http://www.cm-barreiro.pt/pt/conteudos/municipio/Festas+do+Barreiro+2014/ e no Facebook, https://www.facebook.com/municipio.barreiro.

 

A Comissão de Festas é composta pelas seguintes 14 entidades: Associação do Comércio, Indústria e Serviços do Barreiro e Moita, Associação de Mulheres com Patologia Mamária, Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Pública, Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste, Banda Municipal do Barreiro, CMB, Gasoline – Associação Cultural e Desportiva, Instituto dos Ferroviários, Jardim-de-infância D. Pedro V, Memória Colorida – Associação de Amigos da Colónia de Férias da CUF, Moto Clube do Barreiro, Santa Casa da Misericórdia do Barreiro, Sociedade de Instrução e Recreio Barreirense “Os Penicheiros” e União das Freguesias de Barreiro e Lavradio.

 

Fonte: CMB