Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

M.A.R. Mostra de Artes de Rua | Edição 0.1 | 21, 22 e 23 Setembro | Sines

 Uma programação que se foca, essencialmentUma programação que se foca, essencialmente, na apresentação de projetos de artistas emergentes, no setoDança, Teatro, Circo, Performance, Música, Cineconcerto, Escultura Efémera, Marionetas e Atividades para crianças e famílias, são os ingredientes para a programação deste ano. Inspirados pela expressão “Povos de mar, povos de rua”, aproximaram-se os espetáculos da zona marítima, fundindo os temas do MAR e do AMOR pela junção e significado que a palavra M.A.R. recebe quando nos referimos a ela: (A) M.A.R..r da rua e do

 

 

Pretende provocar a vivência de uma experiência artística e a valorização do património histórico e natural da região, estimular a criação, formação e promoção das artes de rua, e tornar-se um “porto” para artistas e profissionais do setor, nacional e internacional. 

 

a05dd821-d0dd-430c-b929-8eaae3462a20.png

 

circo contemporâneo nacional. e, na apresentação de projetos de artistas emergentes, no setor da rua e do circo contemporâneo nacional. 

 

Para 2017, de Portugal, integram o cartaz o Teatro do Mar em co-produção com a Artelier?; Duo Dream; FIAR; Pedro Mira; Beatriz Silva; Charlie Mancini; Inês Oliveira e Daniel Seabra; Clara Marchana /Magner; Projeto EZ; Ana Jordão; Mica Paprika; Teatro SÓ; Fanfarra Original Bandalheira; DJ Xoices, Companhia XPTO; Helena Reis e Samuel Buton (França).

 

De França chega a companhia Bivouac, de Inglaterra os Acrojou e da Catalunha (Espanha), a Cia La Tal.

Durante três dias, Sines recebe várias propostas artísticas pensadas para todos os públicos, em vários pontos da cidade. A entrada, em todos os espetáculos, é LIVRE.