Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

BIKE Tour Portugal- Passatempo

O Blog Cultura de Borla em parceria com a Music in my soul tem convites para os concertos dos BIKE para todas as datas da digressão (ver abaixo) aos leitores que de 5 em 5 participações

:

 Enviem um email para o culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ir ao concerto de BIKE com o Cultura de Borla" com nome, BI e nº de telefone e a data a que se candidata:

 

Fiéis representantes do rock psicadélico o quarteto brasileiro BIKE segue as pisadas de nomes do calibre de Pink Floyd, Greatful Dead ou os contemporâneos Tame Impala e Pond. E perante um cartão-de-visita deste calibre é impossível resistir aos apelos da digressão ibérica que, sob o selo da Music For All, muito em breve trará pela primeira vez os BIKE à Europa.

Em Portugal passarão pelo Stairway Club, em Cascais (07/06), pela TOCA, em Braga (08/06), pelo Texas Bar, em Leiria (09/06) e pelo Espaço A, em Freamunde (10/06) apresentando as canções de “Em Busca da Viagem Eterna”, disco do qual já foi extraído o poderoso single “Enigma dos Doze Sapos”.

 

image001.jpg

 

A digressão compreende as seguintes datas: 
07.06 | Stairway Club, Cascais, 22h, €5
08.06 | TOCA, Braga 22h30, €3
09.06 | Texas Bar, Leiria, 23h30, €4
10.06 | Espaço A, Freamunde 23h00, €3

 

 

Programação OUT.RA até Julho - Barreiro

A3_FRANÇOIS CARRIER, MICHEL LAMBERT & HUGO ANTUNE

 

Maio, Junho e Julho serão meses particularmente intensos para os lados do Barreiro e para vários dos seus espaços mais emblemáticos.
 
A aliar à continuidade da programação regular “OUT.RA Música”, cujo epicentro em 2017 se tem vindo a deslocar com mais frequência para as instalações da ADAO – Associação Desenvolvimento Artes & Ofícios (colectivo de artistas que tem vindo a recuperar o antigo quartel dos Bombeiros Voluntários Sul & Sueste), as primeiras intervenções da OUT.RA – Associação Cultural no domínio das celebrações do octagésimo aniversário da rede de água pública no Concelho surgem com uma inusitada performance no Reservatório Elevado do Alto da Paiva, com espectáculos a decorrer nas tardes de 27 e 28 de Maio por artistas selecionados na sequência de uma Open Call internacional que resultou em mais de uma centena de candidaturas.
 
A 16 de Junho, inaugura no Auditório Municipal Augusto Cabrita uma exposição que ilustra o trabalho de documentação sonora realizado em volta dos muitos espaços e estruturas que compõem a Rede Municipal de Águas e Saneamento, numa “caça aos sons” que vem complementar o arquivo que tem vindo a mapear as mais diversas paisagens sonoras do Concelho.
 
Já fora do tema da Água Pública – no âmbito do qual se realizarão ainda várias outras actividades até final do ano, a anunciar oportunamente -, mas também em Junho, o trio de Pedro Sousa, Rodrigo Pinheiro e Gabriel Ferrandini - três nomes proeminentes da “Lisbon's New Jazz Vanguard” coberta pela Wire na sua edição de Fevereiro – estabelece residência na Casa da Cultura da Baía do Tejo (o histórico “Cinema da CUF”) para o desenvolvimento de um trabalho mais aprofundado que preparará o primeiro lançamento discográfico da formação. A 8 de Julho mostram o trabalho numa apresentação na Biblioteca Municipal do Barreiro, numa noite que contará também com a actuação do Space Quartet, a actual formação de trabalho de Rafael Toral.
 
Outro trabalho de longo curso que mostrará os seus primeiros avanços resulta da Bolsa de Criação atribuída a um artista local (em 2015 e 2016 o recipiente foi o pianista Tiago Sousa), que neste ano proporciona ao músico e artista sonoro José Bica (Ybasics, Grooveyard Junkies) oportunidade para uma reflexão sonora sobre o património material e imaterial da cidade. O primeiro de três momentos públicos consubstancia-se numa Instalação Sonora Interactiva, de título “Subúrbio Sonoro”, patente na ADAO, com inauguração a 13 de Maio e término a 3 de Junho.
 
A programação regular da OUT.RA continua, após concerto de pré-apresentação de “Casa de Cima”, das Pega Monstro, com o trio do contrabaixista Hugo Antunes e dos canadianos Michel Lambert (percussão) e François Carrier (saxofone) - no dia 2 de Junho no Terraço dos escritórios da associação – e com a apresentação de “Vermelho”, primeiro disco de Bruxas/Cobras, novo duo que junta o baixo de Pedro Lourenço (reconhecido como dos mais únicos ilustradores nacionais e que nos habituámos a ver em palco com nomes como Rafael Toral ou Bernardo Devlin) e a bateria de Ricardo Martins (homem de mil projectos e ainda e sempre lembrado como explosivo motor dos Lobster), a 9 de Junho, na ADAO, numa noite partilhada com os Iguanas, também prestes a lançar novo disco. 
 
 
13 Maio a 3 Junho. ADAO
Subúrbio Sonoro – Instalação Sonora Interactiva por José Bica
Entrada livre. Aberto sábados e domingos das 17h-19h
 
27 e 28 Maio. Reservatório Elevado do Alto da Paiva. 16H e 18h
Música / Sound Art com: 
Melaina Barnes & Jean-Philippe Drecourt
Luís Bittencourt
Alberto Lopes / Sonoscopia
Carlos Santos & Nuno Torres
Entrada livre mediante inscrição obrigatória para info@outra.pt
 
2 Junho. Terraço na Rua Elias Garcia, 38. 18h
Hugo Antunes, François Carrier & Michel Lambert
Entrada livre c/ donativo opcional e reserva obrigatória para info@outra.pt
 
9 Junho. ADAO. 22h30
Bruxas / Cobras
Iguanas
Entrada: 5€
 
16 Junho. Auditório Municipal Augusto Cabrita. 18h30
Inauguração da Exposição 80 Anos da Água
Entrada livre. .
 
8 Julho. Biblioteca Municipal do Barreiro. 22h.
Pedro Sousa, Rodrigo Pinheiro & Gabriel Ferrandini
Rafael Toral Space Quartet
Entrada: 5€
 
 
Mais informações sobre todos os eventos em www.outra.pt

Casino Estoril recebe Caroline Dawson a 27 de Maio

Caroline Dawson.jpg

Em noite de concerto, Caroline Dawson apresenta-se, a 27 de Maio, pelas 23 horas, no Lounge D para interpretar as melhores composições do seu novo álbum “Enigma”. O single “Some Days Lullaby” estará em destaque. A entrada é gratuita.

 

Lançado em 2016, o álbum “Enigma” constitui o início de um diferente ciclo musical. São novas composições, numa abordagem musical intemporal, apresentadas em palco como se de teatro se tratasse em que a música e as palavras ganham o papel de actriz principal.

 

“...A nossa vida é um enigma, e segundo Platão é possível encontrar algumas
soluções ao filosofar. Eu acho que o mais importante é perceber que afinal não
há nada para/a perceber, não existe UMA solução. Nos temas neste meu novo
álbum tento filosofar um pouco sobre a nossa existência.
Enquanto os dias passam /(a vida passa?) tento preenchê-los “escavando”
dentro de mim em busca de letras e melodias, porque ser criativo significa ser
apaixonada pela vida. Oxalá seja uma viagem sempre feliz!”, sublinha Caroline
Dawson.

 

Natural de Noruega, Caroline Dawson passou por várias formas de expressão artística como dança, fotografia branco e preto e cerâmica antes de voltar para a sua primeira paixão, a música.

 

Começou a tocar piano aos 6 anos e, em 1997, nasceram as suas primeiras composições, que originalmente foram baladas intimistas para depois tornarem-se numa mistura de jazz e cabaret, mas sempre mantendo o seu lado intimista.

 

Com a sua voz grave, Caroline Dawson atribui especial importância às palavras, às vezes pessoais, mas sobretudo universais. Caroline Dawson tem sido comparada com várias estrelas da música internacional como, por exemplo, Ute Lemper, Joni Mitchell, Nico dos Velvet Underground e como uma versão feminina de Leonard Cohen.

 

Caroline Dawson concentra-se, actualmente, sobre tudo em cantar e compor. O seu primeiro maxi-single saiu em 2001, e o álbum completo “Have you felt the change?” foi lançada em 2012.

 

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Estoril é reservado a maiores de 18 anos.

Casino Estoril aposta na música ao vivo em Maio

O Casino Estoril sugere, em Maio, um diversificado programa de animação que promete surpreender o público no Lounge D. Trata-se de um cartaz muito versátil que propõe, de Quarta-Feira a Sábado, a partir das 22 horas, diferentes espectáculos de fado, rockpopsoul, r&bjazzfolk e ainda dj sets. O ambiente festivo prolonga-se até de madrugada. A entrada é livre.

 

Ciclo de Fado às Quartas-Feiras

Com um diversificado elenco, o ciclo de noites de fado continua em destaque, às Quartas-Feiras, pelas 22 horas, no Lounge D do Casino Estoril. São diferentes gerações de intérpretes que sobem ao palco para apresentar composições bem conhecidas da “canção nacional”. 

 

Maura Airez e Chico Madureira actuam já na próxima Quarta-Feira dia 3, enquanto Carolina e Filipe Duarte apresentam-se no dia 10. Carmo Moniz Pereira e D. António de Noronha sobem ao palco no dia 17, seguindo-se Margarida Soeiro e António Pelarigo no dia 24. Matilde Cid e Gonçalo Castelbranco serão os protagonistas no dia 31 de Maio.

 

Concerto de Frederico Braga da Costa

Em versão acústica, Frederico Braga da Costa protagoniza, na próxima Quinta-Feira, 4 de Maio, pelas 22h30, um concerto intimista. O artista propõe-se interpretar vários temas originais da sua autoria e recriar outros êxitos que marcam o panorama da música internacional. 

 

A personalidade e o bom gosto musical são as bases deste conceituado projecto liderado por Frederico Braga da Costa. Do swing ao pop, passando por temas originais, Frederico Braga da Costa traz ao Casino do Estoril um largo e vasto repertório, preenchido com grandes êxitos.

 

Concerto Banda Nova

Com uma proposta inédita, o Casino Estoril recebe, na próxima Sexta-Feira, dia 5 de Maio, às 23 horas, a banda Nova no Lounge D. Natural do Porto, o grupo estreia as melhores composições do álbum homónimo “Nova”, no qual se destaca o single “Bússola”.

 

Os músicos Diogo Costa, João Ribeiro e Nuno Sousa formam esta dinâmica banda portuense. Lançado em 2016, o álbum “Nova” reúne 10 temas originais escritos pelos próprios elementos da banda e por Cláudio Alves (Homem Mau), Ivo Magalhães (Lulla Bye), Mike Pestana e Marta Ferraz.

 

Sets com o Dj Zecka Pinheiro

O programa de animação musical inclui, nos próximos Sábados, dias 6 e 13 de Maio, a partir das 23 horas, um dos DJ’s mais conceituados do panorama nacional. Zecka Pinheiro regressas ao Lounge D, assegurando uma criteriosa selecção de sonoridades até de madrugada.

 

Concerto de Sofia Hoffmann

Sofia Hoffman.jpg

 

Bem conhecida dos visitantes do Casino Estoril, Sofia Hoffman, apresenta-se a 11 de Maio, pelas 22h30, no Lounge D. A intérprete propõe uma selecção dos melhores standards de jazz e de bossa nova. 

 

A vocalista de Sofia Hoffmann será acompanhada pelas sonoridades dos instrumentos de dois nomes da música em Portugal - Nanã Sousa Dias, no Saxofone e Nuno Tavares ao piano.

 

Concerto de Rogério Gil “Juke Box”

O Rogério Gil regressa, no próximo dia 12 de Maio, a partir das 23 horas, ao Lounge D. Com uma proposta muito interctiva, Rogério Gil convida o público a seleccionar as canções que pretende ouvir. “Juke Box” é uma inovadora sugestão, em que os espectadores poderão intervir no desenrolar do próprio espectáculo.

 

Concerto de Ana Stilwell

Ana Stilwell.jpg

 

Em noite dedicada ao folk, Ana Stilwell estreia-se, a 18 de Maio, pelas, 22h30, no Lounge D do Casino Estoril. A intérprete impõe em cada palavra um significado forte, recheado de memórias e momentos, na sua essência felizes, com algumas outras de melancolia, tão necessária, como obrigatória para quem canta a vida.

 

Com um disco já editado, Ana Stilwell está na fase final de preparação do seu segundo álbum. Ambos os trabalhos discográficos estarão em destaque no Lounge D. A intérprete será acompanhada pelos músicos Mário Delgado, Jaume Pradas, Marco Reis, João Gomes e Nuno Fernandes.

 

Concerto de Maria Mendonça

Maria Mendonça.jpg

 

Pela primeira vez no Casino Estoril, Maria Mendonça apresenta-se, no próximo dia 19 de Maio, pelas 23 horas, no Lounge D. Trata-se de uma actuação que recria temas intemporais de jazz, bossa nova e pop.

 

Aos 18 anos, Maria Mendonça concilia a frequência da licenciatura em Direito com estudo de música na Jb jazz, dando voz àquela que é a sua grande paixão, a música. “O meu repertório é maioritariamente jazz, bossa nova e pop sendo que gosto, também, de cantar aqueles clássicos. Para mim é fantástico ter a oportunidade de pisar um novo palco para a consolidação de um sonho que sei ser possível”, revela Maria Mendonça.

 

Concerto dos Voodoo Marmalade

Com um álbum editado, em 2014, os Voodoo Marmalade protagonizam, no próximo dia 20 de Maio, a partir das 23 horas, um concerto muito dinâmico no Lounge D do Casino Estoril.

 

Os Voodoo Marmalade distinguem-se por "uma hipnotizante odisseia pelos mais variados estilos musicais, em originais versões acústicas recheadas de boa energia e temperadas pela magia de ukuleles, de um ukulele-baixo e percussão. A juntar ao ensemble instrumental, adicionam-se as vozes de Tiago Albuquerque, André Galvão, Miguel Roquette, João Cabrita e João O’Neillcada uma com a sua característica, personalidade e assinatura pessoal. 

 

Concerto de Rui Faria e Sandra Gonçalves “The Greats 80’s”

Com uma renovada proposta musical, Rui Faria e Sandra Gonçalves actuam, no próximo dia 26, a partir das 23 horas, no Lounge D. Num reencontro com os visitantes do Casino Estoril, esta dupla propõe “The Greats 80’s”, um concerto dedicado a grandes êxitos do poprock e blues que marcaram os anos 80.

 

Concerto de Caroline Dawson

Em noite de concerto, Caroline Dawson apresenta-se, a 27 de Maio, pelas 23 horas, no Lounge D para interpretar as melhores composições do seu novo álbum “Enigma”. O single “Some Days Lullaby” estará em destaque.

 

Lançado em 2016, o álbum “Enigma” constitui o início de um diferente ciclo musical. São novas composições, numa abordagem musical intemporal, apresentadas em palco como se de teatro se tratasse em que a música e as palavras ganham o papel de actriz principal.

 

Programação em Maio, de Quarta-Feira a Sábado

- Ciclo de Fado: Quartas-Feiras: Dias 3, 10 e 17, 24 e 31

Concerto de Frederico Braga da Costa: Dia 4

- Concerto Banda Nova: Dia 5

- Ciclo de sets com Dj Zecka Pinheiro: Dias 6 e 13

- Concerto de Sofia Hoffman: Dia 11

- Concerto de Rogério Gil “Juke Box”: Dia 12

- Concerto de Ana Stilwell: Dia 18

Concerto de Maria Mendonça: Dia 19

- Concerto dos Voodoo Marmalade: Dia 20

- Concerto de Rui Faria e Sandra Gonçalves “The Greats 80’s Ballads”: Dia 26

- Concerto de Caroline Dawson: Dia 27

 

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Estoril é reservado a maiores de 18 anos. 

Casino Lisboa recebe a banda "Keep In The Trunk" de 24 a 27 de Maio

Keep it in the trunk_Foto.jpg

 

O programa de animação musical no Arena Lounge continua a conquistar os visitantes do Casino Lisboa. Com um inédito ciclo de actuações, a banda Keep It In The Trunk apresenta-se, de 24 a 27 de Maio, no Arena Lounge para interpretar grandes êxitos no panorama da pop, soul e blues. A entrada é livre.

 

 

A banda Keep It In The Trunk é um projecto de interpretações únicas que promete surpreender o público. A vocalista Inês Andrade sobe ao palco multiusos do Arena Lounge acompanhada por Tiago Moreira na guitarra, Paulo Calado no baixo e João Colaço na bateria.

 

 

Programação da banda Keep It In The Trunk

Quarta-Feira, 24 de Maio: 22h00 às 22h50 e das 23h10 às 00h00

Quinta-Feira, 25 de Maio: 20h30 às 21h20 e das 23h20 às 00h10

Sexta-Feira, 26 de Maio: 20h30 às 21h20 e das 23h20 às 00h10

Sábado, 27 de Maio: 20h30 às 21h20 e das 23h20 às 00h10

 

As noites de música ao vivo continuam em destaque no Casino Lisboa que recebe, de Quarta-Feira a Sábado, um elenco de jovens bandas nacionais. Com entrada livre, a não perder, no Arena Lounge.

 

Programa de animação musical no Arena Lounge:

- The Peakles: de 31 de Maio a 3 de Junho

 

 

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Lisboa é reservado a maiores de 18 anos.

FESTIVAL EM MAFRA REÚNE ORGANISTAS DAS CIDADES EUROPEIAS COM ÓRGÃOS HISTÓRICOS

image003.jpg

 

 

 

Símbolo da cultura organística em Portugal, o Concelho de Mafra recebe, entre 23 e 28 de maio de 2017, o prestigiado Festival Internacional de Órgão, promovido no âmbito da European Cities of Historical Organs (ECHO). Do programa fazem parte concertos gratuitos por consagrados organistas, que são diretores artísticos desta rede europeia constituída, atualmente, por Alkmaar (Holanda), Bruxelas (Bélgica), Freiberg (Alemanha), Fribourg (Suíça), Innsbruck (Áustria), Mafra (Portugal), Toulouse (França), Treviso (Itália) e Trondheim (Noruega).

 

O património organístico do Concelho de Mafra não se resume ao conjunto único dos seis instrumentos da Basílica do seu Palácio Nacional, que foram concebidos para utilização simultânea. A atividade organeira estendeu‑se a outras localidades, pelo que os concertos realizam-se, também, nas Igrejas de Nossa Senhora do Livramento, Nossa Senhora da Encarnação, São Pedro da Ericeira e São Silvestre do Gradil.

 

Para além destes cinco concertos, este festival – cujo programa está disponível em https://www.cm-mafra.pt/sites/default/files/festival_internacional_orgao_mafra.pdf – integra o concerto de apresentação das obras distinguidas com o “Prémio Internacional de Composição Órgãos do Palácio Nacional de Mafra 2017”, promovido pelo Ministério da Cultura e pelo Município de Mafra, assim como a apresentação do livro “Órgãos Históricos Mafra”, com textos de João Vaz e fotografias de Luís Ramos.

 

Integrando-se no programa de comemorações dos 20 anos da European Cities of Historical Organs e também dos 300 anos do lançamento da primeira pedra do Real Edifício de Mafra, o Festival Internacional de Órgão de Mafra é uma organização do Município de Mafra e da ECHO, com o apoio do Palácio Nacional de Mafra e da Vigararia de Mafra.

 

Os concertos têm entrada gratuita, sendo que, no caso da Basílica do Palácio Nacional de Mafra, esta é sujeita a reserva através dos seguintes contactos telefónicos: 261 817 550 ou 261 817 170.

Noite de fado no Casino Estoril com Margarida Soeiro e António Pelarigo

 

É já na próxima Quarta-Feira, 24 de Maio, a partir das 22 horas, que Margarida Soeiro e António Pelarigo se apresentam no Lounge D para protagonizar mais uma noite dedicada ao fado. Com um enquadramento intimista, esta experiente dupla de intérpretes será acompanhada por Diogo Lucena Quadros e Bernardo Romão, nas guitarras, e Luis Roquette, na viola. A entrada é livre.

 

António Pelarigo

António Pelarigo.jpg

 

 

Um nome familiar a muita gente, mas até agora havia muito poucas gravações suas. António Pelarigo, 61 anos, deambula pelo fado com devoção há décadas, mas tem deixado cair muitas hipóteses (e algumas bem sérias foram) de gravar discos ou de se tornar fadista profissional. Tinha a sua vida, a sua família, o seu trabalho, o resto era, apenas, amor ao canto. Fadistices, como ele diz, com uma ponta de ironia e sem menosprezo. Até que um vizinho ribatejano o convenceu agora a gravar. Músico, também com uma editora, insistiu e ele cedeu. O vizinho é José Cid.

 

Margarida Soeiro

Margarida Soeiro.jpg

 

Margarida Soeiro representa uma das formas mais genuínas e carismáticas que o fado tem. Primeiro as tertúlias, os grupos de amigos depois as casas de fado, mas aquelas casas de fado onde a canção de Lisboa se canta de uma forma livre e espontânea. O seu repertório revisita alguns dos nomes mais importantes da história do Fado, sejam eles os intérpretes, os poetas e os compositores, defendidos com uma capacidade de interpretação única, sem invenções, de uma forma simples e linear mas tão contagiante, como é a própria canção de Lisboa.

 

 

Com um cartaz sempre renovado, o ciclo de noites de fado continua em destaque, às Quartas-Feiras, no Lounge D do Casino Estoril. Carmo Moniz Pereira e Gonçalo Castelbranco serão os protagonistas no próximo dia 31 de Maio.

 

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Estoril é reservado a maiores de 18 anos.

 

 

Noite de fado no Casino Estoril com Margarida Soeiro e António Pelarigo

 

É já na próxima Quarta-Feira, 24 de Maio, a partir das 22 horas, que Margarida Soeiro e António Pelarigo se apresentam no Lounge D para protagonizar mais uma noite dedicada ao fado. Com um enquadramento intimista, esta experiente dupla de intérpretes será acompanhada por Diogo Lucena Quadros e Bernardo Romão, nas guitarras, e Luis Roquette, na viola. A entrada é livre.

 

António Pelarigo

António Pelarigo.jpg

 

 

Um nome familiar a muita gente, mas até agora havia muito poucas gravações suas. António Pelarigo, 61 anos, deambula pelo fado com devoção há décadas, mas tem deixado cair muitas hipóteses (e algumas bem sérias foram) de gravar discos ou de se tornar fadista profissional. Tinha a sua vida, a sua família, o seu trabalho, o resto era, apenas, amor ao canto. Fadistices, como ele diz, com uma ponta de ironia e sem menosprezo. Até que um vizinho ribatejano o convenceu agora a gravar. Músico, também com uma editora, insistiu e ele cedeu. O vizinho é José Cid.

 

Margarida Soeiro

Margarida Soeiro.jpg

 

Margarida Soeiro representa uma das formas mais genuínas e carismáticas que o fado tem. Primeiro as tertúlias, os grupos de amigos depois as casas de fado, mas aquelas casas de fado onde a canção de Lisboa se canta de uma forma livre e espontânea. O seu repertório revisita alguns dos nomes mais importantes da história do Fado, sejam eles os intérpretes, os poetas e os compositores, defendidos com uma capacidade de interpretação única, sem invenções, de uma forma simples e linear mas tão contagiante, como é a própria canção de Lisboa.

 

 

Com um cartaz sempre renovado, o ciclo de noites de fado continua em destaque, às Quartas-Feiras, no Lounge D do Casino Estoril. Carmo Moniz Pereira e Gonçalo Castelbranco serão os protagonistas no próximo dia 31 de Maio.

 

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Estoril é reservado a maiores de 18 anos.

 

 

DISCOTEXAS - 10COTEXAS "THE DISCOTEXAS BAND" NO MUSICBOX- DIA 7 DE JUNHO - 22h00

 

 

2ff5534e-f388-4f95-86d3-bb8aabe80888.jpg

 

 

 

10COTEXAS

THE DISCOTEXAS BAND NO MUSICBOX
DIA 7 DE JUNHO - 22h00

 

As comemorações dos 10 anos da DISCOTEXAS continuam, dia 7 de Junho é a próxima paragem. 

"Family Affair”, o primeiro original da The Discotexas Band, é uma síntese musicada dos 10 anos de Discotexas que agora se comemoram. Inaugura também a compilação 10COTEXAS (com edição a 26 de Maio) que celebra este aniversário tão importante para Moullinex, Xinobi e Da Chick que conceberam a banda para tocar o catálogo da editora, na velha tradição da Motown e Salsoul.

 

Dia 26, sexta-feira, chega às lojas a Colectânea 10COTEXAS que tem já como primeiro single "Family Affair", e é este o pretexto para uma grande festa  com Moullinex, Xinobi e Da Chick a trazerem de volta a The Discotexas Band, dia 7 de Junho, no Musicbox em Lisboa.

2017 é um ano importante. Foi há dez anos que Moullinex e Xinobi criaram a Discotexas, e por muito que soe a lugar-comum, a verdade é que ninguém imaginava que 10 anos depois a Discotexas ainda existisse e muito menos alcançado tudo o que alcançou.

Comprar bilhete simples - €10

Comprar bilhete com direito a colectânea - €12

A 7 de Junho a The Discotexas Band actua no Musicbox e fará jus a este aniversário.