Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Tetra Pak - Corações feitos a partir de embalagens usadas em exposição no Colombo

 

 

O Centro Colombo vai acolher, de 9 a 24 de agosto, cerca de 40 corações construídos por crianças a partir da reutilização de embalagens de cartão para alimentos líquidos. A exposição que estará patente ao público na Praça Central, alia a sensibilização ambiental à arte infantil.

 

A iniciativa dá a conhecer as obras que estiveram a concurso na passatempo “No dia da Mãe, o Coração é Amarelo”, desenvolvidas no âmbito de um concurso escolar promovido pela Tetra Pak em colaboração com a ABAE – Associação Bandeira Azul da Europa e a rede de Eco-Escolas.

 

São mais de 40 corações gigantes construídos por alunos de eco-escolas de todo o país a partir da reutilização de diversos materiais, predominantemente embalagens de cartão para alimentos líquidos.

 

«Mudar mentalidades, alterar hábitos e criar consciência ambiental são alguns dos desafios que temos pela frente. O caminho para o desenvolvimento sustentável tem por base estas premissas e necessita do contributo de todos. Esta foi uma das razões que nos levou a lançar esta iniciativa, sensibilizando a população para a importância de separar e de colocar os seus resíduos de embalagens no ecoponto correto; no caso das embalagens de cartão para alimentos líquidos o ecoponto amarelo», sublinha Ingrid Falcão, responsável de Ambiente da Tetra Pak em Portugal.

Sabia que as embalagens cartão para alimentos líquidos são compostas por 75% de cartão, 20% de plástico (polietileno) e 5% de alumínio? O resultado é uma embalagem de alta qualidade que tirando proveito do melhor de cada material que a compõe permite a conservação dos alimentos durante vários meses sem necessidade de conservantes ou refrigeração. As embalagens asséticas da Tetra Pak impedem a entrada de luz, ar, água e microrganismos e, ainda, protegem o ambiente.

 

Após cumprirem a sua função de levar até nós os alimentos em condições de higiene e segurança, as embalagens não são lixo. Depois de serem colocadas no ecoponto amarelo, podem ser recicladas e transformadas em novos e úteis objetos.