Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

QUATRO PARAGENS NO VIETNAME

De 21 de Agosto a 20 de Setembro
PARAGENS NO VIETNAME

 

Museu do Oriente

Lisboa

 

Exposição de fotografia documental sobre o quotidiano de quatro cidades do Vietname. Um trabalho que resulta da aproximação do arquitecto Ricardo França a estes lugares e às gentes que os habitam.

“Vinte e uma fotos dão forma a um diário visual, instantes da minha viagem/pedaços de um quotidiano viajado pelos Vietnamitas, tantas vezes repetido durante tantos séculos”, como diz o próprio Ricardo França.

É um diário de viagem feito de fotografias intimistas. Há imagens de ambientes únicos, mais e menos formais, sempre irrepetíveis: de trabalho, de lazer, de relações familiares, de preparação e venda de alimentos, de trajes típicos, de momentos fúnebres, de lembranças… É um documento onde identificamos a coabitação serena de práticas culturais modernas e ancestrais. 

Ricardo França nasceu em Lisboa em 1973. Inicia-se na fotografia durante os primeiros anos do curso de arquitectura e, em 1995, viaja pela Índia, país onde dá os primeiros passos na fotografia documental a cor.

Nas viagens posteriores, a sua objectiva entra progressivamente dentro dos lugares que visita, aproximando-se das pessoas e do seu quotidiano.

Três anos e várias viagens mais tarde, decide aceitar trabalho em Macau, experiência da qual resultou a sua primeira exposição individual, Habitar Macau.

A revista Oriente (nº 14) publicou, em 2004, o portfólio Vietname.

 

1 comentário

Comentar post