Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Deolinda

12 de Junho de 2011

23h00

 

 Pç. Independência

 Pinhal Novo

 

 Apresentação de "Dois Selos e um Carimbo".

 

 

Há lá coisa mais "cool" do que as "canções ao lado" dos Deolinda? A banda de Ana Bacalhau pôs "Dois Selos e Um Carimbo" no passaporte e está pronta para seguir para o Dolce Vita Tejo, no dia 21 de Abril.

 

Deolinda chegou para transformar o fado de subúrbio numa "Canção Ao Lado" e deixou toda uma legião de fãs à espera dos desenvolvimentos da personalidade desta figura que lavou a cara à música portuguesa. "Agora sim, damos a volta a isto...", cantava Ana Bacalhau em "Movimento Perpétuo Associativo". E não é que deram mesmo? Deolinda, essa entidade familiar em forma de quarteto, trouxe um sentido de portugalidade simultaneamente inovador e certeiro. "Fado Toninho", "Fon fon fon", "Clandestino" foram algumas das facetas reveladas no álbum de estreia.

 

O novo "Dois Selos e um Carimbo", servido pelo single "Um contra o outro", alimenta esta viagem fatalmente divertida, ternurenta e irónica, que se presta sem reservas a um tom deliciosamente gingão. Mas atenção: a Deolinda cresceu. Em pouco tempo, viu um mundo bem maior do que a sua janela para o subúrbio. Logo, é outro o tom que usa para contar as suas histórias...

PÚBLICO

 

http://www.myspace.com/deolindalisboa

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.