Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Exposição É Proibido Proibir

 

Até 31 de Janeiro
De 3ªf a 5ªf, Domingo das 10h às 20h
6ªf e Sábado das 10h às 22h
 
MUDE
Museu do Design e da Moda
Rua Augusta, 24
Lisboa
_c3_89_20proibido_20proibir_204_m
 

No final dos anos 60 e início dos anos 70 a Europa viveu uma fase conturbada, de revolução de ideais. Por Europa leia-se Itália, Inglaterra e França. Os restantes países sofreram a mesma fase um pouco mais tarde. Nas ruas de Paris escreviam-se motes como “Debaixo das pedras da calçada, a praia!”, “Quanto mais faço amor mais tenho vontade de fazer a revolução (e vice-versa)” e “É proibido proibir!”. Este último apadrinha a exposição que o MUDE inaugura, com cerca de 60 peças pertencentes à época. Maxi-saias, roupa unissexo, hippie, tecidos coloridos estampados, maquilhagens e motivos psicadélicos e étnicos espelham a transformação de mentalidades de então. Por cá, ainda se lavava as mãos com sabonete Lux.Ricardo Quintela

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.