Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

1ª Edição da Bienal do Granito: novas aplicações do granito amarelo em destaque

A Bienal do Granito, que decorre entre maio e setembro tem como objetivo promover a divulgação do granito amarelo e seus derivados. A apresentação das primeiras peças de design dos projetos académicos está agendada para o próximo dia 29 de junho, às 21h30, no Auditório da Assembleia Municipal e a entrada é gratuita.

 

A 1ª Edição da Bienal do Granito, que decorre entre maio e setembro, vai integrar as componentes de cultura, design e escultura e pretende envolver profissionais, estudantes e artistas na criação de novos produtos para o mercado, estimular o desenvolvimento de novos materiais em granito, a introdução de design nos produtos atuais, assim como o estudo técnico do granito.

“A indústria extrativa tem um papel fundamental na economia do concelho. Esta atividade, além dos postos de trabalho que assegura, dá também um grande impulso à economia paralela ligada à restauração, gasolineiras e oficinas mecânicas”, explica Paulo Mota, vereador da Câmara de Mondim de Basto.

Desta forma, a autarquia estabeleceu parcerias com a Escola Superior de Artes e Design de Matosinhos, com o Instituto Politécnico de Viana do Castelo, com a Universidade do Porto e com a Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo. Estas instituições, através dos seus cursos de design ao nível de licenciatura e mestrado, desenvolveram um conjunto diversificado de novas peças.

“Acreditamos que a valorização e a diferenciação dos produtos pode favorecer o investimento em atividades de base inovadora e aumentar a capacidade de iniciativa do tecido empresarial no concelho. Depois de visitarem as pedreiras, os alunos contaram com o apoio das empresas locais ao longo da execução dos projetos académicos, ao nível da partilha de meios tecnológicos”, finaliza o vereador Paulo Mota.

A apresentação das primeiras peças de design dos projetos académicos está agendada para o próximo dia 29 de junho, às 21h30, no Auditório da Assembleia Municipal, e a participação será livre, sem quaisquer custos para a assistência.

Para mais informações consulte o website da 1ª Edição da Bienal do Granito, em Mondim de Basto.

 

 

Programa:

29 de junho – sábado

21h30 – Apresentação dos primeiros trabalhos académicos de design;

22h00 – Inauguração das instalações sonoras do ESMAE;

 

setembro

Encerramento da 1ª Edição da Bienal do Granito

Apresentação das 3 partituras desenvolvidas no âmbito da Bienal do Granito.

 

 

Sobre a Bienal do Granito:

Atualmente, existem 22 pedreiras em laboração no concelho de Mondim de Basto que empregam cerca de 160 pessoas. A maior parte delas tem uma pequena atividade de transformação associada, cujos produtos se destinam, essencialmente, à construção civil. O granito extraído em bruto destina-se, grande parte, para exportação com uma grande percentagem para Espanha.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.