Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Passatempo "Com Umas Asas Enormes"

O blog Cultura de Borla em parceria com a CM de Palmela tem 3 bilhetes duplos para oferecer para a peça COM UMAS ASAS ENORMES para a sessão de 5 de Outubro às 21h30 aos primeiros leitores que enviarem um mail para culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver COM UMAS ASAS ENORMES com o Cultura de Borla" com nome, BI, contacto.

 

 

“Com Umas Asas Enormes” na Festa da Marioneta 

No âmbito da Festa da Marioneta 2011, a companhia alemã Figuren Theater Tubingen apresenta o espectáculo “Com Umas Asas Enormes”, no Cine Teatro S. João, em Palmela, no dia 5 de Outubro, às 21h30.

 

Trata-se de uma peça inspirada na história “Um Senhor Muito Velho Com Umas Asas Enormes”, de Gabriel Garcia Márquez que, pela mistura de mistério e grotesco, convida a uma nova experiência na combinação da imagem com a palavra.

“Com umas asas enormes” é uma organização da Artemrede com a Câmara Municipal de Palmela.

 

 

Ficha Técnica:

Narrador: Jorge Sequerra

Marionetistas: Karin Ersching | Karion Ould Chih | Robert Atzlinger

Encenação: Enno Podehl

Marionetas | Cenografia: Frank Soehnle 

Música: rat’n’X (Stefan Mertin | Johannes Frisch)

Figurinos: Steffen Flohr

Assistência: Ulrike Andersen

Luz: Christian Glötzner 

Som: Christian Brunel 

Técnica: Wolfgang Harmer

M/ 10 anos

Duração: 65 min sem intervalo

 

www.figurentheater-tubingen.de      

Passatempo Cândida - Uma História Portuguesa

O blog Cultura de Borla em parceria com o Teatro Aberto tem 5 bilhetes simples para oferecer para a peça CÂNDIDA - UMA HISTÓRIA PORTUGUESA para a sessão de 29 de Setembro às 21h30 aos primeiros leitores que enviarem um mail para culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver CÂNDIDA - UMA HISTÓRIA PORTUGUESA com o Cultura de Borla" com nome, BI, contacto.

«O TRIUNFO DE UMA VIDA»

De 27 de Setembro de 2011 a 30 de Junho de 2012

Exposição dedicada ao fundador António de Medeiros e Almeida

 
«O TRIUNFO DE UMA VIDA»

NA CASA-MUSEU MEDEIROS E ALMEIDA

Com o cunho de Henrique Cayatte, a exposição conta com instalação sonora e multimédia, disposição de textos, entre outros, para dar a conhecer o homem e o empreendedor que tinha como paixão profunda a arte:
António de Medeiros e Almeida (1895-1986)

 

A Casa-Museu Medeiros e Almeida, no centro da capital, vestiu-se a rigor para receber a exposição que dá a conhecer aos portugueses quem foi António de Medeiros e Almeida (1895-1986). «O Triunfo de uma vida» mostra o homem e empresário de sucesso, a partir de 27 de Setembro até 30 de Junho de 2012.

 

A exposição biográfica e documental, inserida na comemoração dos dez anos de abertura da Casa-Museu Medeiros e Almeida ao público, tem o design de Henrique Cayatte.

 

Toda a casa, incluindo os aposentos privados, como o quarto e a casa de banho, ajudam a contar a história em sete grandes temas. São assim revelados os interesses e investimentos de António de Medeiros e Almeida, como os automóveis Morris, dos quais foi importador e representante em exclusivo, e a aviação, já que foi dono daquela que viria a ser a primeira companhia de aviação com capital cem por cento português, a Aero-Portuguesa.

 

Com uma montagem cronológica, «O Triunfo de uma vida» recorre a diversos meios museográficos: com automóveis da época, instalação sonora e multimédia com a voz do próprio António de Medeiros e Almeida, vídeo, imagens de actualidades, disposição de textos, tudo para recriar um diálogo com a época do fundador.

 

Mais informações em www.casa-museumedeirosealmeida.pt    

Informações:

Tel.             (+351) 21 354 78 92      

E-mail: info@casa-museumedeirosealmeida.pt

Local: Rua Rosa Araújo, 41 - Lisboa

 

 

 

A Rua Continua

 

De 20 de Junho a 1 de Outubro de 2011

Todos os dias 24h.

 

Galeria de Arte Urbana

Topo da Calçada da Glória

Bairro Alto

 

Um grupo de criadores realizou obras em grafitti para os seis grandes painéis que compõem esta galeria ao ar livre, na Calçada da Glória em Lisboa, e que acompanham a subida do conhecido elevador do mesmo nome.

Festa da Marioneta 2011 | Palmela

 

Companhia alemã apresenta “Com Umas Asas Enormes”

 

No âmbito da Festa da Marioneta 2011, a companhia alemã Figuren Theater Tubingen apresenta o espectáculo “Com Umas Asas Enormes”, no Cine Teatro S. João, em Palmela, no dia 5 de Outubro, às 21h30. Trata-se de uma peça inspirada na história “Um Senhor Muito Velho Com Umas Asas Enormes”, de Gabriel Garcia Márquez que, pela mistura de mistério e grotesco, convida a uma nova experiência na combinação da imagem com a palavra.

“Com umas asas enormes” é uma organização da Artemrede com a Câmara Municipal de Palmela.

 

 

Ficha Técnica:

Narrador: Jorge Sequerra

Marionetistas: Karin Ersching | Karion Ould Chih | Robert Atzlinger

Encenação: Enno Podehl

Marionetas | Cenografia: Frank Soehnle 

Música: rat’n’X (Stefan Mertin | Johannes Frisch)

Figurinos: Steffen Flohr

Assistência: Ulrike Andersen

Luz: Christian Glötzner 

Som: Christian Brunel 

Técnica: Wolfgang Harmer

M/ 10 anos

Duração: 65 min sem intervalo

 

Entrada: 4 € (preçário Artemrede)

Descontos de 25% aplicáveis a <25, >65, desempregados, estudantes, grupos >10 pessoas

Lotação máxima 200 espectadores

Informações e reservas através do telefone             21 233 66 30      

www.figurentheater-tubingen.de                                          

 

ATA apresenta “Macbeth” em Pinhal Novo e Poceirão

ATA apresenta “Macbeth” em Pinhal Novo e Poceirão

 

O ATA – Acção Teatral Artimanha, com o apoio da Câmara Municipal de Palmela, apresenta a peça “Macbeth” no dia 1 de Outubro, às 16h00 e às 21h30, no Auditório Municipal de Pinhal Novo, e no dia 15 , às 21h30, no Centro Cultural de Poceirão.

 

“Há uma guerra, com muito sangue, muita violência, muitas mortes e um herói: Macbeth. O herói, numa tragédia, deve sempre ser o protagonista, mas aqui não o é. Por isso Macbeth começa uma outra guerra contra aqueles que são os possíveis personagens principais. A vítima mais óbvia é o Rei, depois os seus descendentes, depois o seu melhor amigo e assim sucessivamente. Os actos violentos de matança tornam-se numa busca prazerosa e obsessiva pelo protagonismo. O herói fica de tal maneira viciado em matar que acaba por fazê-lo a todos os que vivem no palco, inclusive a ele próprio. Todos morrem e não resta ninguém para continuar o morticínio.

Eis então a tragédia que queremos. Uma tragédia contada à nossa maneira, por 17 protagonistas, àqueles que ainda sobrevivem sentados, despercebidamente, no escuro a ouvir.”

 

 

Ficha Técnica:

Actores: Ana Agostinho; Andreia Tomé; Bruna Gramatinha; Bruna Santos; Cláudia Malveiro; Cristiana Umbelina; Gonçalo Mateus; Inês Ribeiro; Inês Silva; Isa Pinto; Joana Duarte; João Dantas; João Santos; Mafalda Reis; Malaika Teixeira; Mariana Sofia; Ruben André

 

Encenação: Óscar Silva

Figurinos: Silvana Ivaldi

Produção: Rui Guerreiro / Ana Guerreiro

Técnica: Nelson Fernandes

Fotografia e Vídeo: Nelson Fernandes

Cartaz: K!m Prisu

Entrada:

Auditório Municipal de Pinhal Novo -  €3 público em geral, €1,5 estudantes

Centro Cultural de Poceirão -  €2 público em geral, €1 estudantes

Informação e reservas:             932731420       ou teatro.artimanha@gmail.com

Org.: ATA – Acção Teatral Artimanha

Apoio: Câmara Municipal de Palmela e TELA – Teatro Estranhamente Louco e Absurdo

 

 

 

 

Câmara de Palmela assinala Dia Mundial da Música com espectáculo “Mi réMiró”

Dia 1 de Outubro | Cine Teatro S. João


 

O Cine Teatro S. João, em Palmela, recebe, no dia 1 de Outubro, às 16h30, o espectáculo “Mi réMiró”, pela companhia Alouette Projects. Promovida pela Câmara Municipal de Palmela, a iniciativa assinala o Dia Mundial da Música.

“Mi réMiró” associa sons e imagens intuitivos, relacionados com as formas observadas nas obras do pintor Joan Miró.  Daqui, nasceram sons e músicas, estranhos e surpreendentes. A acção cénica, em harmonia com a música, ajuda o espectador a apreender a linguagem musical de uma forma completamente natural.

            O espectáculo, com uma componente plástica relevante, apresenta-se como um meio de sensibilizar o jovem público, bem como os seus pais, para a música improvisada e oferece, igualmente, a possibilidade de (re)descobrir a obra do pintor Joan Miró em três dimensões e em música.

 

Ficha Técnica:

Concepção e criação - Etienne Lamaison e Sylvain Peker

Direcção Musical - Etienne Lamaison

Direcção artística e Encenação – Sylvain Peker

Clarinetes, soprano, grave, byrbine  - Etienne Lamaison, Eunice Gil, Marisa Cavaco, Tiago Alves

Voz/Gaita-de-foles/Pandeireta - Joana Negrão

Manipulação Objectos/Marionetas – Sylvain Peker

Construção Objectos/Marionetas  - Marta Fernandes da Silva; Sylvain Peker

Figurinos – Zé Nova

 

A partir dos 2 anos

Duração: 45 minutos

Entrada livre mediante reserva através do telefone             212336630      

Org: Câmara Municipal de Palmela