Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Alterações Climáticas: A Crise que não Sabemos Pensar

17, 24 e 30 mai: 18h30

 

As alterações climáticas estão no centro das atuais preocupações científicas, com uma projeção política e económica que não podemos ignorar. As ameaças que acarretam, para a própria existência do indivíduo, são de tal modo graves, que será adequado considerar que se tornaram numa preocupação transversal ao espetro dos saberes, entrando também no imaginário cultural e na iconografia dos medos das sociedades contemporâneas.
O ciclo de conferências Alterações climáticas: a crise que não sabemos pensar, por Viriato Soromenho-Marques, decorrerá nos dias 10, 17, 24 e 30 de maio. Procurar-se-á debater, essencialmente, quatro facetas consideradas de grande relevância e destaque, em torno do tema das mudanças climáticas:
- A sua dimensão científica, génese de consensos, mas também de disputas;
- A sua projeção política e económica;
- O seu impacto nas nossas categorias éticas e modos de agir moral; o seu impacto, na reflexão de numa finitude histórica, que se estende do indivíduo ao próprio género humano.

 

17 mai
As alterações climáticas como problema político

24 mai
Alterações climáticas, ética e condição humana

30 de mai
As alterações climáticas e o enigma do nosso futuro comum

 

 

Culturgest

Endereço: Edifício Sede da Caixa Geral de Depósitos
Rua Arco do Cego
1000-300 Lisboa

Telefone: 217 905 155

  
#
### 

 

 


Dia Internacional dos Museus

Imagem:

 

 

A 18 de maio celebra-se o Dia Internacional dos Museus, e este ano o tema escolhido para a comemoração é “Museus num Mundo em Mudança: Novos Desafios, Novas Inspirações”. Os Museus mantêm as portas abertas todo o dia e oferecem aos visitantes um conjunto de atividades diversas e de entrada gratuita. À semelhança dos outros anos, a Câmara Municipal de Lisboa assinala o Dia com visitas comentadas, passeios, conferências, oficinas, exposições e programas especiais para crianças.

CASA-MUSEU DR. ANASTÁCIO GONÇALVES
18 MAIO
Visitas Orientadas às Coleções de Arte

CASTELO DE SÃO JORGE
18 MAIO
Visita de Fim de Tarde
18h
Duração: 1h30
Marcação prévia
Lisboa Quem és Tu?
23h
Projeção multimédia nas muralhas do Castelo.
Duração: 35min
Marcação prévia

MUSEU ANTONIANO
20 MAIO
Percurso - Do Museu Antoniano ao Vale de Santo António
14h30
Percurso pelos locais relacionados com Santo António.
Marcação prévia

MUSEU BORDALO PINHEIRO
18 MAIO
Bicharada
10h
Visita guiada à exposição de Teres Cortez com oficina de cerâmica.
1º, 2º e 3º ciclo do ensino básico
Marcação prévia
Rafael Bordalo Pinheiro no I Salão dos Humoristas
11h
Visita guiada à mostra patente sobre o tema.
Duração: 30min
Marcação prévia
Museu Bordalo Pinheiro
11h30
Visita guiada sobre a história do Museu e as principais facetas do artista.
Duração: 60min
Museu Bordalo Pinheiro Tateando
16h30
Visita guiada sobre a história do Museu e as principais facetas do artista.
Público invisual
Duração: 60min
Marcação prévia
Show Cooking Restaurante Clara Chiado
17h30
Prova de vinhos e degustação culinária.
Duração: 45min

19 MAIO
Museu Bordalo Pinheiro Tateando
10h30
Visita guiada sobre a história do Museu e as principais facetas do artista.
Público invisual
Duração: 60min
Marcação prévia
Bicharada com a Artista
11h
Visita guiada com a participação da artista Teresa Cortez.
Duração: 45min
Museu Bordalo Pinheiro
11h30
Visita guiada sobre a história do Museu e as principais facetas do artista.
Duração: 60min
Rafael Bordalo Pinheiro no I Salão dos Humoristas
15h
Visita guiada à mostra patente sobre o tema.
Duração: 30min
Marcação prévia
Concerto pela Orquestra Geração
15h30

MUSEU DA CIDADE
17 MAIO
Conferência “Intervenção Arqueológica na Praça D. Luís I em Lisboa”
17h30

18 MAIO
História da Cidade
História da Cidade
Visita orientada à coleção do Museu.
Marcação prévia
Apoquentações da Lisboa Setecentista
10h30
Visita com animação.
1º, 2º e 3º ciclo do ensino básico
Marcação prévia
Memórias do Papel
10h30, 14h30
Oficina de preservação do papel.
2º e 3º ciclo do ensino básico e secundários
Marcação prévia
A Arqueologia tem Memória
10h30, 15h
Construir o passado na atualidade.
Marcação prévia
Moças, Damas e Donas
14h30
Visita com animação.
Woundscapes
18h
Inauguração da exposição sobre o sofrimento ligado ao percurso migratório e à marginalidade social.

19 MAIO
Um Conto Tradicional no Museu da Cidade
14h30
Teatro de fantoches “O Gato das Botas”.
Pais e filhos (crianças até aos 5 anos)
Marcação prévia
Percurso - Do Museu da Cidade à Praça de Touros
14h30
Visita ao Museu e passeio pelo Campo Grande.
Marcação prévia

20 MAIO
O Campo e a Cidade
14h30
Visita com animação, Lisboa dos séculos XVIII e XIX.
Marcação prévia

MUSEU DO FADO
18 MAIO
Visita Cantada com Lina Rodrigues
16h30, 21h
Marcação prévia

19 MAIO
Visita Cantada com Lina Rodrigues
16h30, 21h
Marcação prévia
Visita Cantada com Duarte
21h
Marcação prévia

MUSEU DA MARIONETA
18 MAIO
Enigmas no Museu
10-12h, 14h-17h
Os visitantes são convidados a solucionar um conjunto de enigmas que os ajudará a conhecer melhor algumas obras em exposição.
Famílias

19 MAIO
Oficina no Claustro “Dragões Refilões”
14h-17h
Famílias
Marcação prévia
À Descoberta das Marionetas
Visita orientada.
Maiores 16 anos
Marcação prévia

20 MAIO
Oficina em Família “A Dança do Dragão”
10h30-12h30
Construção de um dragão gigante.
Um adulto e uma criança com mais de 6 anos
Duração: 2h
Marcação prévia

MUSEU DO TEATRO ROMANO
12 MAIO
Teatro Romano: Uma Marca na História da Cidade
15h
Visita guiada ao Museu e à envolvente deste e do teatro romano.
Duração: 2h

12 A 20 MAIO
Desafio Gráfico no Museu do Teatro Romano
14h
Representação deste monumento romano através do desenho.

18 MAIO
Exposição Temporária dos Trabalhos do Desafio Fotográfico
Exposição Temporária dos Trabalhos do Desafio Fotográfico
Visita Guiada ao Museu do Teatro Romano
10h30
Duração: 2h

Sons pela Cidade

Programa

11 mai: 21h30

Orquestra de Sopros da Metropolitana
Reinaldo Guerreiro - direção musical
Obras de Wolfgang Amadeus Mozart, Charles Gounod e Henri Tomasi

Local: Mercado de Santa Clara (Campo de Santa Clara - São Vicente de Fora)

12 mai: 17h

Percussões da Metropolitana
Marco Fernandes - direção artística
Obras de Dave all, Nigel Westlake e Bela Fleck (arranjo de David Steinquest)

Local: Taberna das Almas (Regueirão dos Anjos, 68/70 - Anjos)

13 mai: 17h

Quinteto de Metais da Metropolitana
Obras de Leonard Bernstein, Joseph Horovitz e Richard Roblee

Local: Comunidade Hindu (Alameda Mahatma Gandhi - Lumiar)

#
 Imagem:
#
Informações Úteis: Entrada livre
Info: 218 170 900/ 218 170 565

Celebre o Dia da Família de forma diferente

JUNTE A FAMÍLIA

NA

CASA-MUSEU MEDEIROS E ALMEIDA

Descrição: AMA 006A Casa-Museu Medeiros e Almeida, em Lisboa, celebra o Dia da Família com entradas grátis. Reúna os familiares mais chegados e não percam a oportunidade de conhecer o vasto e precioso conjunto de obras de arte reunido por António de Medeiros e Almeida. São cerca de 2000 obras que refletem o gosto cosmopolita do fundador da Casa-Museu Medeiros e Almeida e estão ao dispor de todos no dia 15 de maio, das 13h00 às 17h30, e também no sábado seguinte, das 10h00 às 17h30.



Na Casa-Museu, para além da coleção permanente, podem ver ainda duas exposições temporárias, «Spectrum – Novos modos do funcionamento da Imagem na Arte Contemporânea», a mais recente, inaugurada a 8 de maio, e «Triunfo de Uma Vida – António de Medeiros e Almeida (1895-1986)», tudo com entrada livre.



As visitas guiadas, essas, têm um custo de 6 euros por pessoa e é necessária marcação através do 21 354 78 92 ou info@casa-museumedeirosealmeida.pt.



Assim, quem é que vai querer ficar em casa?

Visita orientada às exposições

14 de Maio de 2012

Visitas a partir das 16h | Até 30 maio

 

Transboavista, Rua da Boavista 84

É a sétima ou oitava primeira vez que vou ao Transboavista. E é sempre uma surpresa, mesmo quando acho que vou preparada para ela. É uma primeira vez crónica, . Congénita. Tem fases, é de luas, com tendência para a reincidência. Uma alergia sob pedido. Isso. O Transboavista é uma febre dos fenos em bom. É substituir o pólen por artistas emergentes verticalizados num prédio com muita pinta. Hoje de ser a sétima ou oitava primeira vez que vou ao Transboavista. sei que vai ser surpresa. / Inês Alvim

Fonte: LeCool

Microestruturas

11 e 12 maio de 2012

 

 

Flausina , Calçada Salvador Correia de Sá 18

Anunciado como Microestruturas: Cultura da Distribuição Livre, desagua nas novas instalações da Flausina - nova para quem não deu conta da mudança do espaço da colina para a encosta. Primeiro, este evento é um primor de rigor de ábaco e um negociar ligeiro de contas matemáticas, ora acompanhem o desfiar: 2 dias, com 5 concertos, 1 conversas com Creative Commons Portugal, 5 documentais, 1 debate e 1 ensaio visual. Ou seja, 15 fortes motivos para descer até à Calçada Salvador Correia de . Além dos concertos de Carlos Santos, das conversas em torno das labels, do concerto de Webbens e dos documentários dedicados à música na Internet e ao mercado de distribuição livre, ainda a aflorar nestas jornadas da liberdade. Não é esta a alvorada do novo 25 de Abril? / Fauna Maria

Fonte: LeCool

O amor é uma maldição

10 de Maio de 2012

22h30

 

Etílico Bar, Rua do Grémio Lusitano 8, Bairro Alto

Dizem eles, mas é uma daquelas maldições bem saborosas, comento eu e ainda assino por baixo em tique romântico à Romeu, com sangue dum desvario amoroso. Aos amores que ficavam pelo caminho, apeadas da linha desta vida não quebrada na mão, chamava eu de desamores; fazendo talvez reflexo ao facto de serem tanto amores como rotundos passados. Este é o regresso de mais uma sessão de spoken word a um dos seus mais significantes templos, o Etílico, nome mais solene e ébrio sonante para que se clamem males de amor. O vinho sempre foi, no ir e no vir, tanto como seta de conquista, como de partilha de líquido entre lábios, como para afogar as mágoas do fundo do seu menisco. Daniel Costa-Lourenço e Tânia Ribas Troeira dão o mote, casalmaravilha/wondercouple continuam amaldiçoados de amor a dar música, Cartangas oferece a sua guitarra e tu podes participar, ou por aqui ou , em microfone aberto. / Fernando Mondego (Foto por Geisa Cruvinel)

Fonte: LeCool

Pessoa & Companhia: Pessoa e Álvaro de Campos

10 de Maio de 2012

 

Às 18h30

Casa Fernando Pessoa, Rua Coelho da Rocha, 16

 

 

 

O Álvaro. Obviamente, que não é o Álvaro, “chamem-me Álvaro”, da internacionalização dos pastelinhos. “Num jato, e à máquina de escrever, sem interrupção nem emenda, surgiu a Ode Triunfal de Álvaro de Campos – a Ode com esse nome e o homem com o nome que tem.” É o Álvaro de uma engenharia naval, das onomatopeias, da pressa do futurismo e das tabacarias. “Álvaro de Campos é alto (1,75 m de altura, mais 2 cm do que eu), magro e um pouco tendente a curvar-se.” O Álvaro do opiário e da passagem das horas. “O Álvaro da Lisbon Revisited que dizia “Queriam-me casado, fútil, quotidiano e tributável?” É que se queriam, desistam, que eu não vou nessa. Estou contigo, Álvaro, contigo e com a tua companhia. / Inês Pires *excertos da Carta de Fernando Pessoa para Adolfo Casais Monteiro

Fonte: LeCool

VII Desfile da Máscara Ibérica

 

10 de Maio de 2012

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Desde a Praça do Município até ao Rossio

 

A tradição desfila mascarada pelas ruas de Lisboa, são tantas as vestes e costumes que deslumbram as gentes que assistem. Os tambores marcam o ritmo dos que saltam fazendo soar chocalhos, alguns dançam, outros riem e gritam assustando os que não estão habituados a tais costumes. Sentimo-nos a mergulhar no interior ibérico, descobrindo lendas como a dos homens musgo, assistindo a rituais como o da perseguição às moças solteiras, ou, celebrando a vitória do bem sobre o mal. Um espetáculo que maravilha e de uma riqueza cultural única!!! Junta-te à festa, dança, aplaude, fotografa a máscara que mais te marcou e guarda este tesouro, para que a tradição se mantenha e passe de geração para geração. / Marg Martins

Fonte: LeCool