Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Cinema no Sofá

Sou, Rua Maria nº73 (à Forno do Tijolo)

às 22h todas as 3ªfs

 

Quando comecei a escrever para a Le Cool, ambicioso por falta de melhor termo, queria sempre escrever mais e mais. Queria ser crítico de cinema, arrivista de imprensa, conhecedor imortal dos poemas que definem a cidade que semanalmente publicitamos em apoteose. Queria poder escrever sobre o fazer e estar, mas também o estar sem nada fazer. Queria escrever sobre esse máximo prazer que é ficar sentado no sofá a assistir a um bom filmeMandrião com o copo de refresco e taça de pipocas salgadas nas mãos, sentado no conforto cúbico e algo egoísta do meu sofá. Por preguiça não fazer parte do vocabulário le cooliano por excelência, vi-me negada a tentação. Isto até receber notícias de fumo branco no horizonte. Afinal o posso anunciar, com a chancela fidedigna e ambiciosa do Sou, um ciclo de cinema no sofá, caseiro e intimista, nas poltronas mais confortáveis dos Anjos. É que na verdade, viva Lisboa como viva, Sou daqueles do cinema no sofá. / Von Rau Pipiska

Fonte: LeCool

O Azeite: De um Passo Milenário às Aplicações dos Tempos Modernos

31 mai/12:19h


Instituto Francês de Portugal

Avenida Luís Bívar, 91

 

O azeite é um alimento incontornável que oferece vários benefícios em termos de saúde e bem-estar. A sua origem evoluiu e hoje podemos encontrar vários tipos comerciais assim como diversas denominações de origem. Este Bar das Ciências propõe uma abordagem cultural, científica e gastronómica do azeite nas suas várias aplicações e dá ainda a oportunidade de realizar uma prova comentada de azeites. Conferência-debate em francês com José Gouveia.

Cem Anos de Música Chinesa - Conferência

30 mai: 18h30

 

Centro Científico e Cultural de Macau

Rua da Junqueira, 30

Imagem:

A proferir por Chen Xiaoguang, vice-presidente da Federação de Círculos Literários e Artísticos da China.

A conferência aborda o percurso da música chinesa nos últimos cem anos, desde o início do século XX até aos nossos dias, ao longo de vários períodos históricos da China, como a Guerra Civil, a Guerra Sino-Japonesa e a Revolução Cultural.


Comemoração dos 75 Anos das Bibliotecas de Jardim

 

 

Jardim da Estrela
26 mai/12: 10h30-23h, 27 mai/12: 10h30-19h, 28 mai/12: 10h30-18h
#
PROGRAMA:

26 maio/12
Ioga
10h30
Uma Viagem ao Jardim das Maravilhas
10h30, 15h30
Manta Troca Livros
Livros para trocar, ler e levar para casa.
11h-19h
Mercado de Texturas e Cores
Feira com criadores nas áreas do artesanato contemporâneo e do design, assim como ilustradores.
11h-22h
Letraria: Feira de Livros Infanto-Juvenis
11h-22h
Uma Aula de Música no Jardim
Com os Jovens Violoncelos da Metropolitana.
12h
A Céu Aberto, Serão de Contos
Contos na voz de António Fontinha, Cristina Taquelim e Ana Santos.
21h30

27 maio/12
Tai-Chi
10h30
Mercado de Texturas e Cores
Feira com criadores nas áreas do artesanato contemporâneo e do design, assim como ilustradores.
11h-19h
Manta Troca Livros
Livros para trocar, ler e levar para casa.
11h-19h

28 maio/12
Helen Doron Early English
Aulas de inglês.
Reutilizar para Poupar
Ateliê de reciclagem.
Jogos Ambientais
Oficina para cuidar da natureza.
Álbum Animado
Construção de uma história a partir de fotografias antigas.
Constrói o teu Marcador de Livros
Ateliê de origami.
Manta Troca Livros
Apetece-me
Programa educativo pela Nestlé.
10h30-18h
Poesia no Jardim
Por Luís Filipe Maçarico.
17h

Programação Bartô - Zona Franca | 29 a 31 de Maio 2012

 

 
 

22 Terça-feira 22h
Fado é bondage

Júlia Lopes

dia 22 julia lopes
Verdadeira defensora do fado tradicional, canta com uma garra e força inigualáveis. Esta voz decana tão genuína regressa ao Bartô para nos encher dos sentimentos intensos que recheiam o imaginário do Fado português.

 

23 Quarta-feira 22h
conversas bravias

Magia - no feminino, singular

dia 23 de maio 2012

O ilusionismo é uma arte tradicionalmente masculina... mas "a tradição já não é o que era"! A prová-lo está Francisca Marques Vidal que trará ao Bartô um espectáculo informal com versões magicas de temas do dia-a-dia. Num estilo muito próprio e obrigatoriamente feminino o Bartô vai encher-se de magia.

Produção: Cartola Mágica com o apoio da Associação Portuguesa de Ilusionismo

 

 

24 Quinta-feira quintas dimensões 22h

Flip Grater

flip carter
Dizem que a melhor arte nasce do sofrimento. Pode ser verdade, mas seja como for para Flip Grater, a sua arte é também o antídoto para qualquer dor. A cantora da Nova Zelândia faz música há 7 anos, com três discos bem recebidos, sendo o último ?While I'm Awake I'm at War' , foi editado em Portugal em Março de 2011. Flip tem sido chamada, na Nova Zelândia, de "brunette Stevie Nicks", referência à vocalista dos Fleetwood Mac, cujo single "Careful", de cariz mais country, faz talvez lembrar. Um pouco. Mas o reportório é variado e por vezes aproxima-se de um indie-folk perfumado com melodias delicadas.

Entrado 3 euros

 

 

25 sexta Especial noites femininas 22h

Especial África concerto dj

Gingongo

gigongo


As duas irmãs gémeas Tatiana e Tânia Araújo são as Gingongo. Nascidas em Lisboa, filhas de pais angolanos, partilham desde sempre uma enorme paixão pela música. Participaram em diversos projectos musicais e agora decidem apostar num estilo world music. Apresentam os seus originais produzidos e editados pelas mesmas, oferecendo um espectáculo cheio de paixão e magia onde só os sentidos serão os nossos guias.
Renato - baixo; Gerson Marta - guitarra e vozes; Nir Paris - bateria; Tatiana e Tânia Araújo - vocalistas.
http://www.myspace.com/gingongo/music

 

Lady GBrown

lady g brown
LadyGold&Brown A.K.A LadyGBrown nasce em 2003 quando quis partilhar essa paixão com mais gente. Por influência de amigos como Selekta Lexo (Raska), Dr Bastard entre outros, começou por tocar no Bob Rasta na altura o único bar de reggae no Bairro Alto. Foi residente no bar do Colectivo Club Naval; Mexe Café; Velvet; Mesquita bar; Espaço Groove Art; Summer Echo-Costa da Caparica; Bar L; Groove bar; Maxime; Mood; Souk; Left; Bacalhoeiro; MusicBox; Jamica; Club Europa; Lisboa Festival África/Lisboa Mistura/Festival de Cinema Africano com Colectivo AfroBlu; Club Ferroviario; Bar do Cais; Pensão Amor; Arte & Manha. Faz parte do Colectivo AfroBlu Dj's com João Gomes- Cool Hipnoise, Johny- Cooltrain Crew e Dj Lucky. É um projecto de Música Negra onde fazemos uma viagem desde os anos 60 até aos dias de hoje, MiriamMakeba; Cesária Evora; Salif Keita; Pantera; Jorge Ben Jor; Miles Davis; Elias dia Kimuezo; PauloFlores; Bezzera da Silva; Nigga Poisson e muitos outros. O ritmo saí do continente negro, cruza o Atlântico rumo às Caraíbas e recarrega as baterias em Portugal.

 

 

26 Sábado, Especial noites femininas 22h

Swinging Sisters


A música pode mudar (e muda mesmo) do Soul para o Rock, e depois do Electro para o Ska, e ainda do Yé Yé para o Pós Punk, e voltar ao início, mas o que não muda é a boa disposição e performance informal das três DJ´s que dão pelo nome de Swinging Sisters. A Twiggy, a Lady Brighton e a Miss Parsley. Enquanto colocam as músicas dançam, saltam, fazem que cantam, enganam-se a carregar nos botões, tudo o que nós, humilde público, por vezes temos pudor de fazer. Mas com elas ao vivo o vírus pega-se e somos levados a swingar em uníssono.

 

27 Domingo 22h

Congo Stars

congo stars
Uma banda com sons e ritmos quentes de origem africana. Desde os sukus do Congo Kinshasa, ao semba, rumba, salsa, kilapanga, kizomba, sem esquecer a nova dança lele lele. Não faltem a este espectáculo de prazer musical.

 

29 Terça-feira 22h
Fado é bondage

Esmeralda Amoedo

esmeralda amoedo
Nasceu em Lisboa no bairro da Mouraria. Cantou em quase todas as sociedades de recreio lisboetas, integrou o elenco de várias casas de fado em Lisboa e no Porto e figurou nos cartazes de várias revistas, ao lado de Ivone Silva, Camilo de Oliveira, António Feyo, Francisco Nicholson, Irene Cruz, Manuela Maria, Helena Isabel e Camacho Costa. Presença regular no estrangeiro, ao longo de mais de cinquenta anos de carreira, recebeu vários, entre os quais a Primeira Grande Noite do Fado (1953), o Prémio Carreira pelo Jornal de Notícias e o Prémio Neves Sousa pela Casa da Imprensa.

 


30 Quarta-feira conversas bravias 22h

O mal-estar com o acordo ortográfico

Debate com Teresa Salema e convidados

dia 30 de maio 2012
O Bartô vai receber Teresa Salema, presidente do Pen Club, para um debate sobre o Acordo Ortográfico. Acordistas e anti-acordistas sentam-se à mesa para esclarecer o nosso público e comunidade escolar, num evento em que a participação de todos é essencial. O que sentem? Como o Acordo afecta o vosso dia-a-dia? Responderemos a estas e muitas outras questões nesta noite em que investigaremos o "desacordo em relação ao acordo".

 

31 quintas dimensões 22h

Sérgio Godinho

sergio godinho
Lançamento de dois livros de Sérgio Godinho e conversa entre o autor e João Paulo Cotrim que percorrerá algumas das suas canções.
"Sérgio Godinho e as 40 ilustrações" e livro de crónicas, editora Abysmo.

"Sou um músico. E na música englobo as palavras - nesse aspecto, sou um poeta; englobo o estar em palco - e nesse aspecto, sou um cantor; e sou também um compositor, porque também faço melodias e ritmos. " Sérgio Godinho