Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

5 NOITES, 5 FILMES

 
 De segunda a sexta, às 22h00, na RTP2



CINCO NOITES CINCO FILMES da próxima semana com cinco magníficas histórias de amor.


2ª feira - AS PONTES DE MADISON COUNTY (“The Bridges of Madison County”)
 
No Verão de 1965 Francesca vivia com o marido e os filhos numa quinta isolada em Madison County, no estado do Iowa. O marido e os filhos ausentam-se durante quatro dias para participarem numa feira e Francesca conhece por mero acaso um fotógrafo, Robert Kincaid, que executa um trabalho para a "National Geographic" sobre as belas e tradicionais pontes da região. Francesca e Robert envolvem-se numa bela e intensa paixão...
Já tinham chegado a um ponto da vida em que as expectativas pertenciam ao passado. Contudo, Robert Kincaid e Francesca Johnson, após se conhecerem, não querem perder o amor que encontraram  

Realização: Clint Eastwood
Com: Clint Eastwood, Meryl Streep, Annie Corley, Victor Slezak, Jim Haynie, Sarah Kathryn Schmitt
E.U.A, 1995
   

3ª feira - UM CASAMENTO QUASE PERFEITO (“The Wedding Singer”)  

Robbie Hart era um famoso animador de casamentos até ao dia em que foi abandonado no altar.
Com o coração despedaçado, Robbie transforma-se no mais desastrado de todos os animadores, tornando qualquer casamento no pior dos pesadelos.
Até que um dia durante uma das festas em que participava conhece Julia, e, quando parece ter encontrado uma solução para os seus problemas, eis que surge outro: Julia está para casar.
Agora Robbie, vai ter de encontrar um bom argumento para convencer Julia a desistir de casar.
Uma comédia divertida com uma magnífica banda sonora que inclui temas de: Police, David Bowie e dos Smiths e com a participação de atores como Billy Idol, John Lovitz e Steve Buscemi.  

Realização: Frank Coraci
Com: Adam Sandler, Drew Barrymore, Christine Taylor, Allen Covert, Angela Featherstone E.U.A, 1998        


4ª feira - TIN CUP (“Tin Cup”)

Uma tacada inexecutável. Um romance sem esperanças. O instrutor profissional de golfe Roy McAvoy não resiste a desafios impossíveis. Cada oportunidade é aquilo a que chama um momento especial: "ou definimos o momento ou o momento nos define".
Com um charme fatal e um jogo que consegue fazer par com ferramentas de jardim, Kevin Costner junta-se de novo ao realizador Ron Shelton para mais uma divertida história de relações. Para Roy, o golfe é um jogo de razão... e coração, em que ambos contam. É aqui que entra a psiquiatra Molly Griswold (Rene Russo). Ela é sofisticada e ele um provinciano ingénuo que acredita que só o maior dos feitos a pode afastar de um astuto profissional de golfe (Don Jonhson) e conquistar o seu amor. Para isso, Roy e o seu caddy (Cheech Marin) começam a tentar o impossível: ganhar o Open dos EUA. Com gargalhadas, uma inteligente e irónica guerra-de-sexos e uma tacada com o n.º 7, Tin Cup ao vencer define o momento e a comédia romântica contemporânea.

Realização: Ron Shelton
Com: Cheech Marin, Don Johnson, Kevin Costner, Rene Russo, Rex Linn
E.U.A., 1996      


5ª feira - NOIVA PROCURA-SE (“The Bachelor”)  

Confrontado com a escolha entre casar no prazo de 24 horas ou perder uma herança, Jimmie Shannon, um solteirão inveterado quer chegar quanto antes ao altar. O problema é que a sua adorável namorada o deixou. Com um padre à espera no altar e os minutos a passarem a história vai-se desenrolando.  

Realização: Gary Sinyor
Com: Chris O´Donnell, Renée Zellweger,Hal Holbrock,James Cromwell, Artie Lange, Marley Shelton, Sarah Silverman,Stacy Edwards,Jennifer Esposito,Peter Ustinov,Mariah Carey, Brooke Shields
E.U.A., 1999      


6ª feira - ALGUÉM TEM QUE CEDER (“Something´s Gotta Give”)  

Harry Sanborn é um playboy com a libido de alguém muito mais jovem. Durante um fim de semana romântico com Marin, a sua última conquista, Harry sente-se mal e é hospitalizado.
De regresso do hospital, Harry é assistido pela mãe de Marin, Erica Barry, uma escritora de sucesso divorciada.
É então que Harry descobre um problema de coração bem diferente “do tipo romântico” quando começa a conhecer melhor Erica, uma mulher madura que contra todos os seus instintos naturais ele começa a achar fascinante.  

Realização: Nancy Meyers
Com: Jack Nicholson, Diane Keaton, Keanu Reeves, Frances McDormand, Amanda Peet, Jon Favreau, Paul Michael Glaser, Rachel Ticotin, Paige Butcher
E.U.A., 2003    
 

Passatempo O LIVRO DE MAGIK

O Blog Cultura de Borla em parceria com A COMPANHIA TRIPULARIANTE tem 20 bilhetes de criança para oferecer na compra de um bilhete duplo para O LIVRO DE MAGIK dias 25 e 26 de Maio às 16h no Auditório do Espaço Monsanto aos primeiros leitores que:

 

 

 A entrega do bilhete realiza-se no local mediante um comprovativo em como foram vencedores do passatempo.

 

PASSATEMPO Monstros S.A. (Sem Abrigo)

 

O Blog Cultura de Borla em parceria com  a BUZICO tem bilhetes duplos para a peça Monstros S.A. para os dias 24 e 25 de Maio às 21h30 no  Espaço Clube Estefânia aos primeiros leitores que:

 

 


Sinopse
"Monstros S.A." é o sexto espectáculo levado a cena pela FC Produções Teatrais baseado em textos retirados de "Les Diablogues" e "Les Nouveaux Diablogues" de Roland Dubillard, traduzidos e adaptados por Filipe Crawford. Tendo estreado, em 1996 no Café Concerto do Teatro da Comuna, uma primeira produção baseada nos diálogos filosáficos e absurdos escritos por Dubillard, "Os Monstros Sagrados", a dupla de actores, Filipe Crawford e Rui Paulo, tornou-se rápidamente numa referência de sucesso do "humor inteligente". Seguiu-se em 1997 uma nova adaptação destes textos denominada "Monstros em Cuecas" que estreou no Teatro Maria Matos com a presença do autor, nunca antes representado em Portugal. Em 1999 estreia "Monstros III – O Regresso" e em 2002 "Monstros ConSagrados", perpetuando o éxito de uma dupla cómica que percorreu Portugal de Norte a Sul. A última aparição dos Monstros, estreada em 2006, teve como título "Monstros às Escuras" e contava com a participação de um terceiro actor, Guilherme Noronha, no papel de Jorge.
Agora os Monstros preparam uma nova aventura - "Monstros S.A. – (Sem Abrigo)". Trata-se de uma readaptação de alguns clássicos já representados, como o "sketch" de "Os Monstros Sagrados", que deu nome ao primeiro espectáculo, aos quais se acrescentam novos diálogos do autor, inéditos em Portugal. Desta vez os Monstros estão Sem Abrigo, vítimas da crise, e vivem debaixo da Ponte 25 de Abril. Os seus habituais Smokings encontram-se usados e remendados, deixaram crescer a barba e o cabelo e passeiam pela cidade o seu carrinho de supermercado cheio de objectos que vão encontrando no lixo. Mas, apesar da crise, os Monstros não deixam de manter os seus diálogos filosóficos, absurdos e cómicos, sobre o Teatro, a Música e a Vida, recordando velhos tempos e mantendo a mesma máxima: "nós não tentamos ter graça, limitamo-nos a ser inteligentes e a encarnar a estupidez da nossa época".

Data do espectáculo: 23 de Maio (sexta) pelas 21h30;
Data do espectáculo: 24 de Maio (sexta) pelas 21h30;
Datado espectáculo: 25 de Maio (sábado), pelas 21h30

Classificação Etária: M/ 12 anos
Local: Espaço Clube Estefânia
Morada: Rua Alexandre Braga, 24A

Passatempo O CAPUCHINHO ENCARNADO – nem todos os lobos são maus

 O Blog em parceria com a Animateatro tem bilhetes simples para a peça O CAPUCHINHO ENCARNADO – nem todos os lobos são maus

para o dia 26 de Maio às 16h no CINEMA SÃO VICENTE aos primeiros leitores que:

 

- enviarem um e-mail para culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ir ver O CAPUCHINHO ENCARNADO – nem todos os lobos são maus com o Cultura de Borla" com nome, BI e contacto;

- façam like na página da Animateatro no Facebook;

- partilhem o evento no seu perfil pessoal;

- sejam amigos do Cultura de Borla no Facebook.

 

 

Teatro pela Companhia BYFURCAÇÃO (Sintra)

19 e 26 de Maio│ Domingos
16H │ M6
Duração 55m  

Capuchinho Vermelho é um conto de fadas clássico, de origem europeia, do século 14. O nome do conto vem da protagonista, uma menina que usa um capuz vermelho. O conto sofreu inúmeras adaptações, mudanças e releituras modernas, tornando-se parte da cultura popular mundial, e uma das fábulas mais conhecidas de todos os tempos.
Pretendemos, além de divertir toda a família, mostrar que os lobos nem sempre são maus.

A estória do CAPUCHINHO ENCARNADO é sobejamente conhecida.
Neste espetáculo invertemos o que já toda a gente sabe.
E se o capuchinho não for apenas a doce criança que leva bolinhos à avó, que está doente? E se esta criança for um menino mal-educado e rezingão?
E se o nosso lobo for apenas um apreciador de boa música e gostar de dançar por entre as árvores?
Nesta nossa estória, um rapazinho vai fazer de Capuchinho no teatro da sua escola, e o seu avô tem 3 bilhetes para assistir ao espetáculo. No caminho da floresta, pede ajuda a um animal que lá habita, e que só por acaso é o lobo.
Será que o lobo o vai ajudar?

Texto. original pela bYfurcação teatro numa adaptação do conto tradicional Capuchinho Vermelho | Dramaturgia e Direcção. Paulo Cintrão | Assistência de Direcção. Ricardo Soares
Interpretação. Fábio Ventura, Paulo Cintrão, Ricardo Soares | Música Original. Nuno Cintrão | Cenografia e Figurinos. Paulo Gonçalves | Luminotecnia e Montagem. Nuno Gomes | Ilustração. Alex Gozblau | Arte Final. Pedro Serpa | Operação de Som. Nuno Gomes | Fotografia. Nuno Gomes, Nuno Morais | Vídeo. Ricardo Reis | Comunicação e Assessoria de Imprensa. Marisa Folgado | Assistência de Produção. Carina Soares | Produção Executiva. Ana Luísa Ribeiro, Fábio Ventura | Direcção de Produção. Paulo Cintrão.