Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Vítor Baía e Pedro Ribeiro unem-se à Heineken para levar vencedor à final da Uefa Champions League

 

VU4.jpg

 

 

  O Village Underground Lisboa foi o palco escolhido para o Duelo Final da promoção da cerveja premium Heineken relacionada com a UEFA Champions League “Quem quer ganhar a cada minuto de cada jogo?”. No dia 16 de Maio, os 16 finalistas – primeiros 16 concorrentes a atingir os 2000 pontos nos quizzes que decorrem no site http://starclub-pt.heineken.com – concorrerão a um bilhete duplo para a final da mais prestigiada competição internacional de futebol, que se irá realizar em Berlim, no dia 6 de Junho.

Este Duelo Final terá início às 16h30 e vai decorrer em modo de duelos eliminatórios, que irão apurar o vencedor, começando como tal nos oitavos de final e terminando na grande final onde se disputará o tão cobiçado ingresso para um dos maiores eventos desportivos do ano.

Vítor Baía - host desta promoção desde o seu começo – terá nesta ocasião a companhia do animador de rádio Pedro Ribeiro para “arbitrar” os duelos que irão decorrer no Village Underground Lisboa.

O evento contará também com a presença de futebolistas de Freestyle que mostrarão o seu talento a todos os presentes e terminará com uma atuação do DJ Chief Rodriguez que promete criar um ambiente festivo tanto para o vencedor como para os restantes participantes do Duelo Final.

Recorde-se que a promoção “Quem quer ganhar a cada minuto de cada jogo?” oferece aos participantes a possibilidade de ganhar prémios através da acumulação de pontos conquistados na compra de cerveja Heinekenâ ou através da participação em quizzes sobre a UEFA Champions League.

Clube Ferroviário I Programação Maio

Junta-te ao Clube! 

Em Maio, o Clube Ferroviário tem o programa perfeito para quem quer sair de casa. Atraindo o Verão, as terças-feiras e os sábados passam a ser da world music, das sonoridades exóticas e dos instrumentos exuberantes vindos do mundo inteiro.

 

7c228c70-7df5-47ec-9e31-9f8fc401ce60 (2).jpg

 

Já às quintas-feiras, África visita Santa Apolónia. As sessões da AFROSTATION, com música e muita dança, crescem a cada semana que passa e já conquistaram o estatuto de ‘melhor noite africana da capital’. Este movimento nasceu na Avenida da Liberdade para pôr os fãs dos ritmos africanos a dançarem em plena avenida. Agora a AFROSTATION tem residência em Santa Apolónia, com uma soberba vista sobre o Tejo e orquestradas pelo DJ OCEANO. O encontro acontece todas as quintas-feiras, às 20 horas, no terraço. Estes são apenas alguns dos concertos que vão passar pelo Clube Ferroviário este mês. Mas há mais! 

 

 

O Clube Ferroviário surgiu em 2010 com o intuito de reinventar o conceito de clube social. Passados cinco anos, é um espaço único de encontros e convívio com uma oferta cultural e de lazer incrível. Um exemplo de como Lisboa se reinventa, para quem a habita e para quem a visita. Junta-te ao clube!

db1048f0-58a4-472f-ad92-68fffb6b969e.jpg

 

 

Teatro "O Bando" estreia "Em Nome da Terra" | Vale de Barris - Palmela (1 a 17 de maio)

“Em Nome da Terra”

“O Bando” estreia espetáculo inspirado no romance de Vergílio Ferreira

 

Em%20nome%20da%20Terra.jpg

 

          A sede do Teatro “O Bando”, no Vale de Barris, em Palmela, acolhe, entre 1 e 17 de maio, às 21 horas (quinta a domingo), a nova peça “Em Nome da Terra”, com o apoio da Câmara Municipal de Palmela. Criado a partir do romance de Vergílio Ferreira e com encenação e dramaturgia de Miguel Jesus, o espetáculo, de grande impacto visual, desenrola-se ao ar livre, em torno da «dificuldade de equilíbrio perante a inexorabilidade do tempo», da velhice, uma «história de amor e de desintegração».

 

«Estaremos nus desde o início, sem vergonha anterior.  Nudez primitiva, não a saberemos. Então mergulharemos nas águas do rio.  E olharemos o céu limpo e sem estrelas.  Eu baixar-me-ei e trarei água na concha das mãos.  E direi para toda a história futura: Eu te baptizo em nome da Terra, dos astros e da perfeição.  E tu dirás: são horas».

 

 

Ficha Técnica:

 

A partir do romance de Vergílio Ferreira

Dramaturgia e encenação: Miguel Jesus

Com Rui M. Silva, Ana Lúcia Palminha, Rita Brito e João Neca

Cenografia: Rui Francisco

Assistência de cenografia: Fátima Santos

Música: Jorge Salgueiro

Figurinos: Clara Bento

Desenho de luz: João Cachulo e Guilherme Noronha

Criação: Teatro O Bando

 

Informações e reservas: Teatro O Bando, Vale dos Barris

Apartado 152 │2950 Palmela: Telefone: 21 233 68 50 │ Fax: 21 233 42 41

www.obando.pt | www.facebook.com/bando.teatro | e-mail: geral@obando.pt.

 

 

 

Dia Internacional dos Museus - Programação do Mosteiro de Tibães

NOITE DOS MUSEUS - museus para uma sociedade sustentável
16 maio 2015 – sábado                     
 
20h00 – Acolhimento 
20h30 – Conto: O Romance da Raposa, de Aquilino Ribeiro – pelos atores Eva Paula Fernandes e Jorge Alonso
21h30 – Jantar 
 Ementa:
Entradas
Bifana
Caldo verde
Sobremesa (doces conventuais e fruta)
Bebidas (vinho verde tinto, vinho maduro branco e tinto, sumo de laranja, limonada e água)
Café
23h00 – Momento musical: Jazz
Todas as atividades são gratuitas com exceção do jantar.
Jantar
>Preço: crianças até 12 anos – 10€ | a partir dos 13 anos – 12€
>Inscrição obrigatória e pagamento: até ao dia 14 de maio através do telefone: 253622670

 

DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS – museus para uma sociedade sustentável
18 maio 2015 – segunda-feira
Atividades gratuitas:
 
10h00 – Teatro de Marionetas: Alice no Mosteiro das maravilhas de Tibães
 Mediante inscrição até ao dia 15 maio para o telefone 253622670
min. 10, máx. 50 participantes 
11h00, 15h00 e 16h30 – visitas guiadas ao mosteiro (max. 50 pessoas)
 
15h00 – À descoberta da biodiversidade da cerca
 
Das 9h30 às 18h00 - Visitas Livres ou com audioguia

Torneio de Golfe “Mulheres de Vermelho”

A Fundação Portuguesa de Cardiologia e o Movimento Mulheres de Vermelho organizam no dia 20 de Maio, a partir das 09h30, o Torneio de Golfe Mulheres de Vermelho, no Campo de Golfe da Aldeia dos Capuchos.

 

Este torneio conta com a participação de várias golfistas portuguesas, com activa colaboração da conhecida golfista e Mulher de Vermelho Gilda Paredes Alves. O Movimento Mulheres de Vermelho quer reforçar a mensagem da importância na prevenção das doenças cardiovasculares e a adopção de um estilo de vida saudável para as mulheres.

 

Esta actividade está integrada nas comemorações do Mês de Maio – Mês do Coração e terá um cariz solidário , uma vez que 5€ do valor de cada inscrição reverterá a favor da Fundação Portuguesa de Cardiologia. Inscrições através dos seguintes contactos golf@golfaldeiadoscapuchos.com ou 212 909 046.

 

As doenças cardiovasculares são responsáveis por mais de 22.000 óbitos por ano, devido a acidente vascular cerebral e ataque cardíaco. “Morrem mais de 4000 mulheres que homens por ano devido a doenças cardiovasculares, sendo esta a principal causa de morte nas mulheres portuguesas.” afirma o Prof. Dr. Manuel Carrageta, Presidente da Fundação Portuguesa de Cardiologia.

 

A Fundação Portuguesa de Cardiologia é uma instituição de utilidade pública que tem como objectivo geral a prevenção das doenças cardiovasculares, que constituem a principal causa de doenças e morte da população portuguesa.

 

Veleiro lançado por crianças americanas dá à costa no Pavilhão do Conhecimento

west_leva_portugal-mailing2.png

 


 Em Dezembro de 2013, a escola de Westbrook (Maine, EUA) lançou às águas do Atlântico um pequeno veleiro de 1,42 metros de comprimento equipado com um GPS.

Entregue aos ventos e às correntes oceânicas, o WEST navegou durante quase um ano e veio dar à costa em São Pedro de Moel, confirmando a previsão de investigadores do Instituto Superior Técnico que acompanharam a parte final da viagem com as suas simulações.

O veleiro foi restaurado com o apoio dos Estaleiros da Nazaré e os alunos da Escola Básica Amadeu Gaudêncio e do Externato Dom Fuas Roupinho prepararam a decoração do casco e uma mensagem que vai acompanhar a embarcação na viagem de regresso ao Atlântico.

Antes de se fazer ao mar, o WEST vai estar no Pavilhão do Conhecimento na próxima terça-feira, 19 de Maio, véspera do Dia Europeu do Mar, e os alunos portugueses vão apresentar os projectos e poder finalmente comunicar via skype com os colegas americanos que lançaram o veleiro.

No dia 6 de Junho, integrado no programa da Estrutura de Missão para a Extensão da Plataforma Continental (EMEPC) criado para a Blue Week, o WEST seguirá com os alunos da Nazaré a bordo do veleiro Santa Maria Manuela e será entregue à Caravela Vera Cruz para ser devolvido às águas do Atlântico na rota mais provável para o levar de volta a casa.

A nova viagem do WEST será monitorizada ao longo do próximo ano lectivo por alunos dos dois lados do oceano, num projecto educativo entre escolas portuguesas e norte-americanas que participam no Educational Passages, numa parceria entre a Ciência Viva, a EMEPC, os centros de investigação ISR e MARETEC do Instituto Superior Técnico, e as empresas VALUMA e o OCEAN PUZZLE.

Programa completo em
www.cienciaviva.pt

Romance "Estrangeira a mim mesma"

O romance trata da história de Sophie Pereira, Nascida em França de pais portugueses emigrados nos anos 70, e que é uma jovem em busca de si mesma. Ao longo do romance, acompanhamos o seu dia-a-dia, o seu novo início em que vai ser confrontada com o seu passado e a sua dificuldade em lidar com as suas origens. É com uma pitada de humorismo que vamos assistindo às suas interrogações e ao desenvolvimento das suas relações. 

 

A sua história entrelaça-se com lembranças de familiares que emigraram nos anos 70 e explicita o que vivem os luso-descendentes dessa geração, como também trata da dura realidade dos jovens portugueses que, também hoje, são constrangidos a emigrar por causa da crise económica destes últimos anos. 

https://estrangeiraamimmesma.wordpress.com/?ref=spelling

 

Passatempo The Illusion of Memory - Teatro da Trindade

O Blog Cultura de Borla em parceria com PRODUÇÕES BUZICO tem bilhetes duplos para a peça THE ILLUSION OF MEMORY no TEATRO da TRINDADE para o dia 15 de Maio (24h) aos leitores que de 5 em 5 participações

:

 Enviem um email para o culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver THE ILLUSION OF MEMORY com o Cultura de Borla" com nome, BI e nº de telefone:

 

the_illusion_of_memory_0.png

 

Está em cena no Teatro da Trindade "The Illusion of Memory", um exercício sobre a memória da autoria de Leandro Morgado

"Quantas memórias guardamos fora de nós? E quantas guardamos dentro? E se nos fosse dado um cérebro capaz de memorizar cada instante da nossa vida, de aceder a cada pedaço do passado? Se nos fosse dada a capacidade de lembrar todas as palavras, de todas as páginas, de todos os livros? E se as nossas memórias de tudo existissem sempre? E se isto fosse útil?"

A história guarda memória de indivíduos cuja profissão era não esquecer. Eram conhecidos por mnemonistas e os seus espectáculos eram demonstrações de uma memória surpreendente. Estão agora esquecidos. Eles e as suas memórias.

Depois de Edimburgo, Los Angeles e Nova Iorque, Leandro Morgado apresenta em Portugal The Illusion Of Memory.
Mentalismo, storytelling e ilusão num espectáculo sobre a capacidade de memorizar e a dificuldade de esquecer.
Autoria e interpretação: Leandro Morgado

Passatempo A Noite do Choro Pequeno

O Blog Cultura de Borla em parceria com PRODUÇÕES BUZICO tem bilhetes duplos para a peça A NOITE DO CHORO PEQUENO no TEATRO da LUZ para os dias 15,16 e 17 de Maio aos leitores que de 5 em 5 participações

:

 Enviem um email para o culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver A NOITE DO CHORO PEQUENO com o Cultura de Borla" com nome, BI e nº de telefone:

 

Lisboa anos sessenta. Duas mulheres passam a noite numa estação rodoviária.  Isoladas do olhar dos outros, enquanto aguardam por transporte, atravessam o tempo conversando. Uma espera reencontrar-se com o passado enquanto a outra foge dele. Aos poucos, a conversa entre as duas deixa a verdade à solta e o amanhecer revela duas mulheres diferentes.  Tal como Portugal, à época, estas mulheres estão, também, isoladas do mundo. Educadas no silêncio, habituadas a observar e calar. Esperam. Aguardam que a vida mude, desejam que ela tenha um sentido. Sentem vontade de respirar e de mostrar vontade própria. Pensar e dizer, observar e intervir. Um banco corrido, atravessa o espaço cénico, centrando a ação. Uma divisão entre as duas mulheres. Elas estão no mesmo local e ainda assim separadas.   Mas há mais espaço em volta, há lugar para sentar e deitar, basta querer e a separação acaba. Cabe às personagens decidir quando terminar com o isolamento. 
 
  
 

 


   
   
  
A luz pesa sobre elas e ao longo da ação vai abrindo, criando um “pé direito” que permite outra respiração. Ambas começam presas a uma espera que, no caminhar do espetáculo, se transforma numa vontade de agir. Por fim, quando ambas se libertam, resta-nos a dúvida de como vai ser quando as duas se devolverem ao mundo.   


Ficha Artística e Técnica 
Autor e Encenador: João Ascenso Interpretação: Alexandra Sargento e Sofia Nicholson Direcção Técnica e Desenho de Luz: Paulo Santos Cabelos: Carlos Feio Sonoplastia: Gustavo Rodrigues (MetalBox.pt) Produção: Buzico! Produções Artísticas Produtor Executivo: Ruy Malheiro  
                   

Passatempo TORGA - Teatro Experimental de Cascais

O Blog Cultura de Borla em parceria com o Teatro Experimental de Cascais  tem bilhetes duplos para a peça Torga para os dias 13 a 16 de Maio aos leitores que de 5 em 5 participações:

 

 Enviem um email para o culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver TORGA com o Cultura de Borla" com nome, BI e nº de telefone:

18230705_1o7Iz.jpg

 

 
TEC está a celebrar 50 anos.
Celebra-se também 20 anos da morte de Miguel Torga.
 
TORGA vem a ser o novo espectáculo do Teatro Experimental de Cascais e tem um grande elenco. 
 
 
O espectáculo TORGA vai estrear dia 9 de Abril e fica em cena até 30 de Maio com caras conhecidas da televisão e do Teatro.
 
O grande Carlos Avilez é o encenador e director da Companhia. 
São os actores de TORGA: António Marques | Bruno Bernardo | Cláudia Semedo | Fernanda Neves | Filipe Abreu | João Cachola | Luiz Rizo |Raquel Oliveira | Rodrigo Tomás | Sérgio Silva | Teresa Côrte-Real
 

9 ABR a 30 MAI

4ª a Sábado às 21.30h | Domingo às 16.00h

Teatro Municipal Mirita Casimiro

Av. Fausto de Figueiredo, Monte Estoril

 

 

encenação Carlos Avilez

cenografia | figurinos Fernando Alvarez

dramaturgia Miguel Graça

saxofone Eduardo Abreu

fotografia Ricardo Rodrigues

direcção de montagem Manuel Amorim

assistência de ensaios | operação de luz Jorge Saraiva

sonoplastia | vídeo Hugo Reis

 

 

interpretação

António Marques | Bruno Bernardo | Cláudia Semedo | Fernanda Neves | Filipe Abreu | João Cachola | Luiz Rizo |Raquel Oliveira | Rodrigo Tomás | Sérgio Silva | Teresa Côrte-Real

 

M/ 12 anos

Alfredo Batista apresenta "Segredo Meu" na Biblioteca de Pinhal Novo

Segredo%20Meu.jpg

 

No dia 16 de maio, sábado, às 16 horas, a Biblioteca Municipal de Pinhal Novo é palco da apresentação de "Segredo Meu", livro de estreia de Alfredo Batista.

Natural do Barreiro, Alfredo Batista tem 53 anos e reside no Pinhal Novo. Ligado, desde cedo, aos mundos do desporto e do associativismo, o autor é, também, radialista na Popular FM, assinando o programa "Portugalíssimo".

Neste seu primeiro livro, apresenta, em verso, histórias da sua vida, dos seus sentimentos e emoções.

A entrada é livre.

 

Running | Corrida Avenidas Novas Regressa a Monsanto

corrida%20avenidas%20novas.jpg

 

Junta de Freguesia de Avenidas Novas

CORRIDA AVENIDAS NOVAS REGRESSA A MONSANTO

A Junta de Freguesia de Avenidas Novas e a Associação dos Pupilos do Exército, em colaboração com o Instituto dos Pupilos do Exército e a Associação Jorge Pina, realizam este domingo - 17 de maio - a II Corrida das Avenidas Novas/III Corrida dos Pupilos do Exército.

 

 Este domingo, pelas 10h00, a Junta de Freguesia de Avenidas Novas e a Associação dos Pupilos do Exército organizam mais uma corrida. Este ano, que marca o segundo ano de participação da Freguesia nesta corrida conjunta, terá o apoio da Associação Jorge Pina e do Instituto dos Pupilos do Exército. O local de partida será no Cimo do Parque Eduardo VII (junto à bandeira Nacional), com chegada a Benfica, na 1ª seção dos Pupilos do Exército. Os percursos definidos são 3 (3, 5 e 10 km ’s), podendo os participantes escolher o percurso que melhor se adequa à sua condição física.

As inscrições devem ser efetuadas online no site www.weventual.com, até ao dia 13 de maio de 2015. O número limite de inscrições é de 600 atletas para os 10 km, 400 atletas para os 5 km e de 200 atletas para os 3 km. Para mais informações, consultar site oficial da prova, www.corridapean.pt.

Schubert, Turina e Dvořák pelos Jovens Solistas da ANSO | 17 Maio | 16.00 | Museu do Oriente | Gratuito

 

 

Os Jovens Solistas da Academia Nacional Superior de Orquestra (ANSO) apresentam-se em formação de quarteto de cordas para um concerto, no dia 17 de Maio, domingo, às 16.00, no Museu do Oriente. Do programa constam “La Oración del Torero”, de J. Turina, “Andante con moto”, de F. Schubert e, “Americano” de A. Dvořák.

 

Desenvolvendo uma ponte pedagógica inédita entre a prática e o ensino musical, a ANSO é a única escola do país que forma maestros, instrumentistas de orquestra e pianistas vocacionados para música de câmara.

 

Ao longo dos seus 22 anos, mudou o panorama musical em Portugal, tendo inúmeros dos seus alunos sido admitidos em exigentes instituições de ensino e formações internacionais. É a escola nacional mais premiada nesta área, lançando  novas gerações de intérpretes e directores musicais de reconhecida qualidade.

 

A música de câmara é uma das vertentes fundamentais da Academia Nacional Superior de Orquestra, que todos os anos apresenta o ciclo Jovens Solistas.

 

A entrada é livre, limitada à capacidade da sala, mediante levantamento do bilhete no dia do espectáculo, a partir das 10.00.

 

Concerto

Jovens Solistas da Academia Nacional Superior de Orquestra

17 de Maio

Horário: 16.00

Entrada livre

Duração: 75’, sem intervalo

M/6

 

Programa Quartetos de Cordas

  • Turina La Oración del Torero
  • Schubert Andante con moto, 2.º and. do Quarteto de Cordas n.º 14, D. 810

 

Solistas: João André Martins (violino), Rui Antunes (violino), Prof. Paul Wakabyashi (viola), Assunção Soeiro de Carvalho (violoncelo)

 

  • Dvořák Americano, Quarteto de Cordas n.º 12, Op. 96

 

Solistas: Francisco Lima Silva (violino), Gonçalo Repolho (violino), Miguel Sobrinho (viola), Ana Carolina Rodrigues (violoncelo)

 

 

Museu do Oriente, Avenida Brasília | Doca de Alcântara (Norte) | 1350-362 Lisboa

Tel.: 213 585 200 | E-mail: info@foriente.pt

www.museudooriente.pt

Teatro do Desassossego recebeu menção honrosa pela Culturgest

 Grupo de teatro juvenil prepara nova sessão destinada ao público escolar

image001 (2).jpg

 

No passado dia 5 de maio foram conhecidos os grupos selecionados para o Festival PANOS. O trabalho do Teatro do Desassossego mereceu uma menção honrosa por parte do júri de seleção e volta a subir ao palco com “Só há uma vida e nela quero ter tempo de construir-me e destruir-me”, de Pablo Fidalgo Lareo, no próximo dia 19 de maio, às 15h30, numa sessão para escolas.

 

Este ano foram apresentados 24 espetáculos no âmbito do projeto PANOS - Palcos Novos, Palavras Novas, a nível nacional. À semelhança das edições anteriores desta iniciativa da Culturgest foram selecionados seis espetáculos, dois por texto trabalhado. Os grupos de jovens intérpretes selecionados farão parte do Festival PANOS que decorre de 22 a 24 de maio, no Grande Auditório da Culturgest, em Lisboa.
Apesar de não ter sido selecionado, o Teatro do Desassossego foi distinguido com uma menção honrosa por parte da organização, por ter apresentado uma “proposta sólida” na encenação e interpretação de “Só há uma vida e nela quero ter tempo de construir-me e destruir-me”. Em 2014, o Teatro do Desassossego fez parte do programa do Festival PANOS com a peça “Os Anjos Tossem Assim”, de Sandro William Junqueira.
Na próxima terça-feira, 19 de maio, os alunos do 8º e 12º anos do Agrupamento de Escolas de Estarreja ocupam o CTE para assistir ao trabalho deste grupo de teatro, composto por 9 elementos com idades entre os 12 e os 18 anos, encenado por Teresa Arcanjo. O Teatro do Desassossego participa no PANOS há quatro anos consecutivos e conta com várias estreias no seu currículo: “The Grandfathers” (2012), de Rory Mullarkey, “Ester” (2013), de Rui Catalão, “Os Anjos Tossem Assim” (2014), de Sandro William Junqueira, e “Só há uma vida e nela quero ter tempo para construir-me e destruir-me” (2015), do espanhol Pablo Fidalgo Lareo.

 

TEATRO] TER 19 MAI 15H30| Sessão para escolas Só há uma vida e nela quero ter tempo para construir-me e destruir-me Pablo Fidalgo Lareo texto original Teresa Arcanjo encenação Bianca Oliveira, Cátia Azevedo, Gabriela Garcia da Silva, Henrique Rainho, Lucília Anjos, Mariana Ribeiro, Mariana Rodrigues, Sofia de Brito Tavares, Sofia Valente Bastos interpretação Cine-Teatro de Estarreja produção

 

 

Corrida Volkswagen 2015 | Palmela - 17 de maio

 

 

Decorre a 17 de maio a Corrida Volkswagen 2015, que ligará o Centro Histórico da vila de Palmela com as instalações da Autoeuropa, num percurso total de 12,5 Km. A partida desta prova de atletismo, em estrada, será no Miradouro junto ao Castelo de Palmela e está agendada para as 10 horas.

Paralelamente, será dinamizada uma caminhada de quatro quilómetros, dentro do Parque Industrial da Autoeuropa.

Apoiados pela Câmara Municipal de Palmela, os eventos são promovidos pela Volkswagen Autoeuropa, em parceria com a HMS Sports Consulting.

               Para mais informação e inscrições, consulte o site oficial da Corrida Volkswagen 2015 em http://www.corridavolkswagen.pt/site/index.html.