Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Câmara Municipal de Palmela | Primeiro Mercado da Riscadinha a 24 de agosto no Castelo de Palmela

Palmela.jpg

 

O primeiro Mercado da Riscadinha acontece a 24 de agosto, a partir das 17h00, na Praça de Armas do Castelo de Palmela, com entrada livre.

A proposta é um sunset no Castelo, com venda de Maçã Riscadinha fresca e lançamento de novos produtos à base de Maçã, animação e música ao vivo, com Gonçalo Ferreira.

Esta é a segunda iniciativa que os produtores locais, com o apoio da Câmara Municipal de Palmela, organizam este ano, com o objetivo de promover a Maçã Riscadinha, característica do concelho de Palmela.

Em julho, tiveram lugar as Jornadas Técnicas “O futuro da Maçã Riscadinha e da Fruticultura”, integradas no programa da Feira Comercial e Agrícola de Poceirão e bastante participadas. Com os contributos de várias/os profissionais deste setor, o objetivo foi transmitir informação técnica útil para a produção de fruta, especialmente, da Maçã Riscadinha, abordando todas as etapas do processo.

Mais informações: 939 193 005 (Paula Castro).

 

Programa

 

17h00

Venda de Maçã Riscadinha fresca e produtos derivados

Animação

 

19h00

Concerto de saxofone com Gonçalo Ferreira

 

 

 

PRINCE: AS NEVER SEEN BEFORE em setembro

EXPOSIÇÃO PRINCE: As Never Seen Before by Steve Parke

PRINCE EM MAIS DE 50 FOTOGRAFIAS,

TRIBUTO MUSICAL, LIVRO E FILME

ARRÁBIDASHOPPING (Piso 0)

Entrada gratuita

12.09 l 02.11.2019

1245ce27-9429-4c6a-8e70-b3b556b02618.jpg

Foto: Steve Parke©Iconic Images

PRINCE: AS NEVER SEEN BEFORE EM PORTUGAL

 

Prince sobe ao “palco” do ArrábidaShopping (Vila Nova de Gaia) em mais de 50 fotografias inéditas em Portugal naexposição PRINCE: As Never Seen Before by Steve Parker, de 12 de setembro a 2 de novembro. A exposição integra fotografias inéditas de Prince da autoria de Steve Parke, diretor de arte do músico durante 13 anos, numa parceria com a Iconic Images, uma das mais conceituadas agências de gestão de arquivos fotográficos do mundo,que após o sucesso da exposição Iconic Bowie, no ano passado, partilha agora, em imagens, alguns dos melhores momentos de Prince.

A exposição é composta por mais de 50 fotografias e conta com a curadoria de Cristina Carrillo de Albornoz Fisac, crítica de arte, autora de livros e curadora que trabalha com a Iconic Images, museus e galerias de todo o mundo, e de Ana Moura, fadista e artista amiga de Prince, que é também o destaque principal do cartaz musical paralelo da mostra, estando prevista uma atuação num registo de conversa cantada em tom intimista de algumas versões de Prince, assim como a partilha de histórias, no dia da inauguração da exposição, dia 12 de setembro.

Sobre a sua ligação a esta exposição, como co-curadora, Ana Moura afirma “O ArrábidaShopping vai ter um programa dedicado ao Prince. A partir de setembro vão poder ver a exposição, com uma seleção de fotografias raras e inéditas. Vão existir também momentos musicais, filmes, histórias e algumas surpresas preparadas por mim. Vamos celebrar esta grande lenda da história da música”.

As fotografias que integram a exposição são da autoria de Steve Parke e fazem uma “viagem” pelos férteis anos 90, apanhando alguns períodos mais icónicos da carreira de Prince Rogers Nelson.

"A exposição revela o lado mais íntimo e sedutor do lendário músico de Minneapolis: criativo, brincalhão, irreverente, extrovertido, mas também terno e um génio introspetivo. Este é o resultado da relação única entre Steve Parke e o cantor. Ele trabalhou lado a lado com Prince ao longo de 13 anos como diretor de arte no seu estúdio em Paisley Park ”, refere a curadora Cristina Carrillo de Albornoz.

Steve Parke
Steve Parke 
é um fotógrafo, ilustrador e designer premiado. Durante 13 anos trabalhou para Prince como seu diretor de arte na casa-estúdio Paisley Park, criando e desenhando tudo, desde capas de álbuns e guitarras de pintura manual, até merchandising e desenho de tours e vídeos, entre outras tarefas improvisadas. O trabalho fotográfico que realizou com Prince foi publicado em várias revistas reconhecidas internacionalmente, como aPeople, a Rolling Stone e a Vogue em livros como Prince Stories, do Purple UndergroundEm 2017, publicou o livro de sua autoria Picturing Prince: An Intimate Portrait. No dia da inauguração da exposição, dia 12 de setembro, Steve Parke estará presente para a apresentação e lançamento deste livro, em exclusivo, na Almedina em Portugal. (Mais informação sobre Steve Parke: www.steveparke.com).

Durante os dois meses da exposição PRINCE: As Never Seen Before by Steve Parke são vários os momentos de festa e celebração previstos no cartaz da programação paralela: Prince Tribute, uma festa e tributo de vários músicos com coordenação do baterista e produtor Fred Ferreira, numa co-produção com o HardClub Porto (dia 5 de setembro), lançamento do Livro/Catálogo Picturing Prince: An Intimate Portrait (livraria Almedina, ArrábidaShopping), com presença de Steve Parke, exibição em sala UCI Arrábida 20 de títulos com Prince que prometem fazer reviver filmes marcantes em grande ecrã, a par de momentos musicais com Ana Moura e outras surpresas.

Para Paulo Valentim, diretor do ArrábidaShopping, “após o enorme sucesso da exposição Iconic Bowie, continuamos apostados em surpreender os diversos públicos que nos visitam com experiências multissensoriais: fotografia, música e cinema. Durante dois meses, e sob o mote Prince, o ArrábidaShopping voltará a ser uma casa de “portas abertas” às múltiplas formas de arte e do espetáculo”.

 

Ficha técnica da exposição

Entrada gratuita
12.09 l 02.11.2019

Horário:
Segunda a domingo: 9:00 às 23:00
Sexta, sábado e véspera de feriados: 9:00 às 24:00

 

Iconic Images
A Iconic Images, uma das maiores agências de gestão de arquivos fotográficos no mundo. Trabalha com mais de vinte fotógrafos em todo o mundo, em todos os aspetos, incluindo vendas de arte, exposições em museus, licenciamento, publicação, merchandising e colaborações de design de interiores. Informações sobre a Iconic Images no site www.iconicimages.net.

 

 

 

Exposição itinerante “Padre Manuel Antunes, Sj: Pedagogo da Democracia (1918-1985)” para visitar em Loulé

Padre Manuel Antunes.jpg

 

Entre os dias 1 e 30 de agosto, vai estar patente ao público, na Biblioteca Municipal de Loulé, a exposição "Padre Manuel Antunes, sj: Pedagogo da Democracia".

De natureza aberta, inclusiva e criativa, esta é uma exposição itinerante, composta por doze painéis de grande interesse pedagógico, e concebida a pensar principalmente num público jovem. É uma exposição dividida em dez temas que acompanha o percurso biográfico do Padre Manuel Antunes e que dá a conhecer alguns passos da sua obra.

Senhor de uma grande cultura e de uma capacidade de ligar e analisar os grandes assuntos do passado em articulação com os momentos e as questões do presente, deixou uma obra escrita considerável.

Nascido há cem anos (1918-1985), formou-se na Companhia de Jesus, tornou-se padre jesuíta, foi professor de mais de 15 mil alunos na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Ensinou jovens que se tornaram grandes líderes, professores, poetas, escritores de Portugal, ajudou muitos com sabedoria e paciência revolucionária, aquando da perseguição política e da censura, de que também foi alvo.

Muitos dos seus alunos tornaram-se figuras conhecidas como Marcelo Rebelo de Sousa, Maria do Céu Guerra, Jaime Gama, Lídia Jorge ou Sophia de Mello Breyner Andresen, entre tantos outros. 

É, pois, o percurso e a obra desta figura fascinante, o Padre e Professor Manuel Antunes, sj, considerado um dos mais notáveis pensadores e pedagogos portugueses, que é dado a conhecer ao público nesta exposição.

A entrada é livre.

 

CML/GAP /RP

Os nomeados ao Grammy Latino, Yamandu Costa e Renato Borghetti atuam juntos pela 1ª vez em Portugal!!

AULA MAGNA 16 OUTUBRO

pjz3_BorghettiYamanduMarcosBorghetti02--1.jpg

 

 

© Marcos Borghetti

Yamandu Costa e Renato Borghetti apresentam-se em conjunto pela primeira vez em Portugal no dia 16 de Outubro na Aula Magna!!

O encontro destes dois artistas, que conta hoje com vários anos de história, e finalmente um álbum em conjunto, o tão aclamado “Borghetti Yamandu” nomeado ao Grammy Latino, traz-nos um som da música brasileira ainda por explorar, e, por isso, tão surpreendente. É a união de dois “gaúchos” que evidenciam no seu ritmo, os sons de Rio Grande do Sul e nos remetem para um tempo feliz.

 

Yamandu Costa, violinista e compositor nascido em Passo Fundo em 1980, começou a tocar violão aos sete anos de idade, e desde então que leva este instrumento pela sua vida fora tornando-se num dos maiores instrumentistas brasileiros do seu tempo. Conhecido como o PAGANINI do Violão de 7 cordas!!!

Renato Borghetti, músico e compositor, nasceu em Porto Alegre em 1963 e adotou a gaita ponto (ou Gaita de Botão, é um instrumento musical similar ao acordeão que possui botões em vez de teclas) como uma companheira para toda a vida. Para além de tocar géneros musicais como samba, jazz e música clássica, Borghetti nunca esquece as suas raízes do estado do Rio Grande do Sul.

IMPRENSA


                                   “Emoção na ponta dos dedos”                                     
Editorial do Jornal Correio da Paraíba /  João Pessoa (PB)  

               “No ritmo do Rio Grande , o sul do Brasil”                 
Editorial do Diário de Pernambuco / Recife  (PE) 

                                  “É um Brasil diferente aqui...”                                     
Editorial da Zero Hora /  Porto Alegre (RS) 

“Instrumentistas gaúchos exibem virtuosismo em viagem por música da terra deles”          
Thales de Menezes -   Folha de São Paulo / São Paulo (SP)

“Quando 2 dos maiores nomes da música instrumental brasileira se unem em um projeto totalmente embebido na tradição gaúcha, o resultado só pode ser único”    
Thales de Menezes / Folha de São Paulo
 

Bilhetes à venda em exclusivo na https://bit.ly/2SsGyNk e no dia 16 Outubro na Aula Magna a partir das 20h.

https://www.instagram.com/yamandu.costa.oficial/

Espelho de Cultura

www.espelhodecultura.pt

www.facebook.com/espelhodeculturaagencia

www.instagram.com/espelhodecultura

 

Fundação AFID Diferença - exposição ‘Grande, Pequeno, Maior’ na Casa Museu Medeiros e Almeida em Lisboa

UljL6fABF0259.jpg

 

Exposição estará patente até 31 de julho
 
A Fundação AFID Diferença, que apoia jovens com deficiência, crianças e idosos no concelho da Amadora, inaugura no próximo dia 16 de julho às 17 horas a exposição ‘Grande Pequeno Maior’, na Casa-Museu Medeiros e Almeida.

Depois das exposições “Sem Filtro” e “InTempo – Sempre a mesma história”, a Fundação AFID Diferença volta a mostrar os trabalhos dos seus clientes, pela terceira vez este ano, com a exposição ‘Grande Pequeno Maior’.

"‘Grande Pequeno Maior’ convida-nos a repensar o significado destes termos a partir do confronto entre obras de escalas opostas e conjuntos de trabalhos que se somam e estendem cumulativamente", explica o monitor do Atelier de Pintura do nosso CAO Nuno Lacerda.

A mostra de trabalhos com a chancela dos ateliers artísticos do papel, cerâmica, tecelagem, pintura e costura, do Centro de Atividades Ocupacionais (CAO) da Fundação AFID, será inaugurada na próxima terça-feira, dia 16, a partir das 17 horas na Casa-Museu Medeiros e Almeida, em Lisboa.

A exposição estará de portas abertas de 17 a 31 de julho.

Local: Museu Medeiros e Almeida
Morada: R. Rosa Araújo 41, 1250-008 Lisboa;
Inauguração: 17h00 de 16 de julho;
Entrada: Gratuita;
 
 
Sobre a Fundação AFID Diferença:  
A AFID – Associação Nacional de Famílias para a Integração da Pessoa com Deficiência celebrou em 2018 33 anos de existência. Ao longo do seu vasto percurso criou também a Fundação AFID Diferença, que por sua vez comemorou 11 anos, uma instituição particular de solidariedade social que se dedica a iniciativas de reabilitação, educação, formação e inserção socioprofissional de pessoas com deficiência. Desenvolve igualmente um conjunto de atividades de apoio à comunidade e serviços de proximidade nos domínios da assistência e solidariedade social, apoio à infância e à terceira idade. É a primeira Instituição da área social, em Portugal, certificada pelas Normas ISO 9001:2008, pela Marca ISS, Nível A e pelo EQUASS Excellence.   

Passatempo OIÇAM OITENTAMENTE - Casino do Estoril - Arfeist

O Blog Cultura de Borla em parceria com ARTEFEIST tem bilhetes duplos para o espectáculo OIÇAM OITENTAMENTE no CASINO DO ESTORIL para os dias 2 e 3 de Agosto (21h45) e 4 de Agosto (18h) aos primeiros leitores que de 5 em 5 participações:

 

- enviem um mail para culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver OIÇAM OITENTAMENTE com o Cultura de Borla" com nome, BI e nº de telefone e sessão pretendida.

 

Só é aceite uma resposta válida por endereço de e-mail e por concorrente pelo que não adianta enviar mais do um e-mail.

Excepto em casos de força maior que deverão ser atempadamente comunicados através do email culturadeborla@sapo.pt, contamos que os participantes aproveitem os bilhetes que ganharam, portanto concorra apenas se tem a certeza que pode estar presente.

 

21510057_dHzBz.jpeg

A ArtFeist estreou no dia 17 de Julho o novo musical que segue a linha dos anteriores sucessos de bilheteira, Esta Vida é Uma Cantiga e Let The Sunshine In - Anos 60. Inspirado nos êxitos dos anos 80, chegou em pleno Verão de 2019 Oiçam Oitentamente, um espetáculo de Henrique Feist onde se juntam Mariana Pacheco, Diogo Leite e Valter Mira em palco com a companhia de Nuno Feist na direção musical deste espetáculo que é cantado e tocado ao vivo no Auditório do Casino Estoril.

 

 

Pág. 14/14