Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

ALEGRO ALFRAGIDE TEM 50 BILHETES PARA OFERECER PARA O NOS ALIVE´23

ALEGRO ALFRAGIDE_NosAlive_cartaz.jpg

Os festivais de verão estão de regresso com os melhores cartazes e no Alegro Alfragide há bilhetes para agarrar. Este sábado, dia 1 de julho, ao fazer 20€ em compras no Alegro Alfragide pode habilitar-se a ganhar 1 entrada para o NOS Alive`23. Há 50 entradas para oferecer!

 

20€ em compras = 1 participação na máquina de prémios

 

Se ainda não tem bilhete para um dos festivais mais aguardados do ano, esta pode ser “a” oportunidade de garantir a sua presença e ganhar um dos últimos bilhetes disponíveis para o NOS Alive`23, incluindo bilhetes para os dias 6 e 7, que já se encontram esgotados.

 

Para tentar a sorte basta efetuar compras no dia 1 de julho, nas lojas do Alegro Alfragide no valor igual ou superior a 20€*, validar os talões de compra junto ao balcão de apoio ao Cliente e receber 1 crédito para 1 jogada na máquina de prémios. Depois, basta usar as melhores skills de destreza para agarrar um dos bilhetes premiados em 20 segundos.

 

Além disso, para quem tem passes de 2 e 3 dias pode antecipar-se e trocar pela pulseira (obrigatória para entrar no recinto) junto ao balcão de apoio ao cliente do Alegro Alfragide a partir do dia 3 de julho.

 

Faça compras no Alegro Alfragide e não deixe voar esta oportunidade!

50 ANOS DA APE CELEBRADOS NA BIBLIOTECA JOSÉ SARAMGO E MUSEU DO ALJUBE

 

 

2023_06_28_50 APE_FB.png

 

A Associação Portuguesa de Escritores celebra hoje, às 21h00, na Biblioteca José Saramago, em Loures, o seu Cinquentenário, com uma sessão de leitura de textos do Autor Nobel da nossa Literatura desde há um quarto de século, procedida de uma exposição sumária de História da Sociedade Portuguesa de Escritores, nove anos até à vandalização pelo regime ditatorial em 1965, e do que vem sendo a trajectória da nossa Associação.

 

Amanhã, 28 de Junho, no Museu do Aljube, pelas 18h00, em contexto dos 50 anos do 25 de Abril, proceder-se-á à leitura de textos da Resistência ao Fascismo e conquista da Democracia escritos, no decurso do tempo, por relevantes personalidades da História cultural, cívica e política do país que somos.