Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

29º Aniversário da Biblioteca Municipal do Vale da Amoreira

29º Aniversário da Biblioteca Municipal do Vale da Amoreira

 

“Palavras cruzadas”, “Está na Hora da Leitura”, Internet sem Mistérios”, “Leituras às Quintas”, Encontro com Adriano Reis, são algumas das iniciativas que compõem o programa comemorativo do 29º aniversário da Biblioteca Municipal do Vale da Amoreira. De 1 a 10 de junho, são várias as atividades, dirigidas a diversas faixas etárias, com entrada gratuita, com destaque para a Apresentação do livro “Finka Pé: O Feitiço do Batuque: a Cultura e o Inconsciente Coletivo dos Povos Colonizados”, pela Associação Cultural Moinho da Juventude.

 

Programa

1 de junho | 20:30h às 11:30h de dia 2

“Biblioteca Fora D´Horas”

Nesta noite vem divertir-te e participar no ateliê com “Os Zecas”. Na manhã seguinte conversa com João Gregório sobre o projeto“Moita Património do Tejo”.

Destinatários: Crianças dos 8 aos 12 anos

 

1 a 5 de junho | Exposição “A Biodiversidade e Nós”

Disponibilizada pela Sociedade Portuguesa do Estudo das Aves

 

4 de junho | 9:30h às 10:30h e das 11:00h às 12:00h

                    14:00h às 15:00h e das 15:00h às 16:00h

“Palavras cruzadas”, com Paulo Freixinho

Fez artesanato, tocou baixo numa banda e foi desenhador gráfico... os dicionários mudaram-lhe o rumo. Desde 1990 que é cruciverbalista (autor de Palavras Cruzadas), pinta e voltou à música. Elabora palavras cruzadas para várias revistas. É adepto das Redes Sociais e saúda os leitores do seu blogue com amplexos e ósculos. Aos 40, redescobriu um prazer: ler... Durante a leitura vai anotando palavras. Tem uma palavra preferida: Xurdir. Significa: fazer pela vida. Aos 45, gravou um disco. É baixista da banda Bon Sauvage.

Destinatários: Alunos do 1º, 2º e 3º ciclos

 

5 e 12 de junho | 10:00h

“Internet sem Mistérios”

Um projeto de apoio à iniciação da internet, dirigido ao público em geral que visa combater a infoexclusão e criar melhores serviços centrados na satisfação das necessidades específicas do munícipe. Atividade gratuita, sujeita a inscrição prévia, presencialmente ou através do T: 212020021

Destinatários: Adultos

 

5 e 12 de junho | 17:00h

“Liga dos Livros”

Liga dos Livros é um desafio à leitura! A partir de uma escolha individual, cada participante entra num mundo de personagens e aventuras que são palco para novas viagens e descobertas. Neste espaço há lugar para jogos de escrita criativa, discussão de leituras e apresentação de livros recém-chegados à biblioteca. Não percam esta aventura!

Destinatários: Crianças e jovens dos 6 aos 13 anos

 

6 de junho | 10:00h

“Histórias de Colinho”

Teatro para bebés “Mozartini”, pela Associação II Acto

Destinatários: Amas da Voz do Operário

 

6 de junho | 21:00h

Leituras às Quintas

Apresentação do livro “Finka Pé: O Feitiço do Batuque: a Cultura e o Inconsciente Coletivo dos Povos Colonizados”, editado pelo Centro Tomkiewicz da Associação Cultural Moinho da Juventude.

Com a presença de Minga, Batucadeira e responsável pelo grupo Finka Pé, Reginaldo Spínola, animadore Joana Quintino, psicoterapeuta.

O grafismo deste livro e as belíssimas fotografias, no seu colorido e pujança, transmitem a alegria e a energia inerente ao batuque.

Finka Pé: O feitiço do Batuque tem três partes distintas e interligadas: a primeira é constituída por uma série de narrativas de vida na primeira pessoa, contada por cada batucadeira. Cada narrativa é acompanhada pelo retrato desenhado á lápis pela artista plástica Lut Caenen.

A segunda parte diz respeito às comunicações do Colóquio sobre o batuque que se realizou em abril de 2016. E a terceira é uma reportagem do evento “O Feitiço do Batuque” que, na sequência do Congresso, reuniu vários grupos de batuque “oriundos de Portugal, Espanha, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe”.

As histórias de vida das batucadeiras são a parte mais valiosa do livro. As suas autoras, simultaneamente dançarinas e escritoras, são Dunda, Nha Ida, Totta, Fáfá, Mariazinha, Quiminta, Cisa, Virgínia, Maria Filomena, Tereza, Domingas, Minga, Nelly, Ângela, Sandra, Maria Olinda, Tchuca, Emília e Diva. Têm entre 80 e 13 anos e conciliam as suas identidades de batucadeiras com um quotidiano difícil, de trabalho árduo, numerosos filhos e netos e circunstâncias de vida por vezes inimagináveis para quem nasceu em relativo bem-estar social. Todas elas transmitem um sentido de vida abrangente, sem filtros, sem proteção a não ser a da família e da comunidade, uma vida plena, uma vida que segundo Domingas “é tristeza, mas é uma imensa alegria”. O batuque é “ESTAR NA VIDA”.

Destinatários: Público em geral

 

6 de junho | 22:30h

Inauguração de Exposição de Fotografia “Rostus y identidadi”, de Kuny Mendes

Patente até dia 29 de junho

Através desta exposição o autor retrata os rostos e a identidade do povo cabo-verdiano, as relações intergeracionais e as suas vivências.

Destinatários: Público em Geral

 

7 de junho | 10:00h às 14:30h

Encontro com Adriano Reis, o contador de histórias de Cabo Verde

A paixão e o amor pelas histórias cativaram-no para a partilha da sua identidade crioula, africana, e das vivências, costumes, tradições, saberes, sabores, sons e tons étnicos. Filho de pais cabo-verdianos, nasceu em Luanda, Angola, por um acaso. Com apenas um ano de idade, viajou para Cabo Verde com os pais, obteve a nacionalidade cabo-verdiana. Vive e trabalha em Portugal desde 2003 e leva ambos os países no coração para onde se desloca. Desenvolve atividades como Técnico da Juventude, Ator, Contador de ‘Stória de Lá’, Palhaço Crioulo e Animador Sociocultural. É também Formador, Facilitador e Dinamizador de atividades não-formais e atividades extracurriculares nas escolas, diretor Artístico do Aqu'Alva Stória - Encontro Internacional de Narração Oral da Lusofonia, dirigente associativo e, finalmente, um ser humano, um cidadão do mundo que vive para melhorar o mundo pela Cultura e a Educação Intercultural.

Destinatários: Alunos do 1º e 2º Ciclos

 

8 de junho | 15:00h

“Festa da Liga dos Livros”

Encontro de crianças da Liga dos livros, com a participação de Hugo e Norberto VA, na apresentação de rap sobre a Obra de Cacimbué, e mais surpresas…

Destinatários: Participantes na Liga dos Livros

 

10 de junho | 15:00H

Festa do 29º Aniversário

“A menina que detestava livros”, pela Umbigo Companhia de Teatro

Esta é a história de Mina, uma menina que vive rodeada de livros em casa, mas que detesta ler. Max, o seu gato, também não suporta livros e, no dia em que faz cair uma pilha deles, várias personagens começam a sair do interior dos livros, obrigando Mina a lê-los, para os devolver às páginas. Depois disto continuará a detestar livros…

Destinatários: Crianças e público em geral

 

10 de junho | 16:30h

Vamos Cantar os Parabéns à Biblioteca

Vem participar e cantar bem alto os parabéns ao 29º aniversário da nossa biblioteca.

Destinatários: Público em Geral

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.