Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Festival ExpressArte em Palmela

APPACDM de Setúbal promove XI Encontro de Teatro e Dança

 

Entre 3 e 11 de Dezembro, o concelho de Palmela recebe um conjunto de espectáculos inseridos no Festival ExpressArte – XI Encontro de Teatro e Dança, promovido pela APPACDM (Associação Portuguesa dos Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental) de Setúbal/ Clube de Animação Jovem, com o apoio da Câmara Municipal de Palmela.

Os espectáculos, protagonizados pelos utentes da associação – que celebrou, este mês, quarenta anos de existência – no âmbito do trabalho desenvolvido pelo Clube de Animação Jovem, favorecem o contacto e o intercâmbio com outras instituições culturais e educativas da região e celebram a igualdade de oportunidades para todos, fruto da qual vamos poder aplaudir, mais uma vez, o talento, o humor e o empenho destes jovens artistas.

O programa abre no dia 3 de Dezembro com a inauguração, às 14 horas, no Foyer do Cine-Teatro S. João, da exposição colectiva “40 Anos de História”, que reúne trabalhos realizados nas diversas valências da APPACDM. “Cinderela”, “As Viagens de Gulliver” e o “Príncipe Sapo” são algumas das histórias de sempre que inspiraram novas abordagens, a apresentar ao público em Palmela.

O Festival assinala o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, 3 de Dezembro, e prolonga-se entre 12 de Novembro e 15 de Dezembro, com espectáculos nos concelhos de Palmela, Setúbal e Moita.

 

 

Programa Palmela:

 

Dia 3 de Dezembro - Sexta-feira

                      

14h00 Foyer do Cine-Teatro S. João

“40 anos de História”

No âmbito do 40º aniversário da APPACDM de Setúbal

Exposição colectiva (Trabalhos realizados nas valências da APPACDM de Setúbal)

Estará patente de 3 a 15 de Dezembro

 

14h30 Cine-Teatro S. João

“Cinderela”

“Esta peça é um musical do conto infantil “Cinderela”, cujos actores são alunos da escola de ensino especial (Centro Sócio-Educativo da APPACDM de Setúbal) e alguns deles deslocam-se em cadeira de rodas. Partindo da máxima, “Empresta-me a tua voz, as tuas mãos e os teus pés e eu farei maravilhas”, pretende-se valorizar as capacidades dos alunos com multideficiência.”

Grupo Rodança – APPACDM de Setúbal

Público-alvo: Escolas / Crianças dos 3 aos 14 anos

 

Dia 6 de Dezembro - Segunda-feira

 

10h30 Cine-Teatro S. João

 

“À procura da sabedoria perdida…”

“Professor Fé é um estudioso que gosta de viajar pelo Mundo. Batuta é um Mestre Musical à procura de novos instrumentos para levar para o seu país. Tótóca e Maçaroca vieram do País das Bolinhas de Sabão e decidiram explorar para lá das fronteiras do seu país. Amora Silvestre vê-os chegar e, passado anos depois de ter deixado o pais do Arco-Íris por se ter apaixonado pela cor rosa choc, descobre um novo amor… Todos eles procuram a Sabedoria perdida entre o Mundo dos Homens e o Mundo dos Palhaços.”

Trupe do Arco-Íris – “Era uma vez… Teatro” – APPC – Porto

Público-alvo: Escolas / Crianças dos 3 aos 14 anos

 

14h00 Cine-Teatro S. João

“As viagens de Gulliver”

“As viagens de Gulliver – co-produção entre Serviço Educativo e Cultural do Centro de Artes de Sines e o grupo de teatro da CERCISIAGO – Cooperativa para a Educação e Reabilitação de Crianças Inadaptadas de Sines, Santiago do Cacém e Odemira. Gulliver era um médico aventureiro que vivia insatisfeito com a sua rotina. Certo dia, decide partir para salvar todos os doentes do mundo. Deixa a família e a Inglaterra para desbravar novas terras. A meio da viagem ocorre um acidente. Gulliver é o único sobrevivente da sua tripulação. Após o naufrágio acorda em Lilliput, uma terra de homenzinhos que o consideraram um gigante e na qual tudo poderá acontecer. Adaptação do clássico da literatura irlandesa, com linguagem acessível e um dinamismo coreográfico que decerto agradara a todos. Este espectáculo assume-se como factor de inclusão numa sociedade marcada pela diversidade e tem como principal objectivo promover a arte como meio de inclusão. Concretizar a inclusão pela arte como forma de combater o preconceito social e a discriminação face à diferença são apostas deste projecto de modo mais acentuado neste ano de 2010, no qual se assinala o “Ano Europeu do Combate à Pobreza e Exclusão social”

Co-produção entre Serviço Educativo e Cultural do Centro de Artes de Sines e o grupo de teatro da CERCISIAGO – Cooperativa para a Educação e Reabilitação de Crianças Inadaptadas de Sines, Santiago do Cacém e Odemira

Público-alvo: Escolas / Crianças e jovens com mais de 6 anos

 

Dia 7 de Dezembro - Terça-feira

                                                            

10h30 Centro Cultural do Poceirão

“O Príncipe Sapo”

“ Os contos de fadas ainda fazem sentido!? Sim, porque não!? O grupo Puzzle Teatro apresenta: O Príncipe Sapo, um clássico conto infantil escrito pelos Irmãos Grimm, que nos conta a história do Príncipe Leandro, que é transformado em sapo e para voltar a ser o príncipe Leandro terá que … bem, isso é o que vocês vão ver na nossa companhia!”

Puzzle – Grupo de Teatro e Animação do CAJ – APPACDM de Setúbal

Público-alvo: Escolas / Crianças dos 3 aos 14 anos

 

14h Centro Cultural do Poceirão

 

“Cinderela”

“Esta peça é um musical do conto infantil “Cinderela”, cujos actores são alunos da escola de ensino especial (Centro Sócio-Educativo da APPACDM de Setúbal) e alguns deles deslocam-se em cadeira de rodas. Partindo da máxima, “Empresta-me a tua voz as tuas mãos e os teus pés e eu farei maravilhas”, pretende-se valorizar as capacidades dos alunos com multideficiência.”

Grupo Rodança - APPACDM de Setúbal

Público-alvo: Escolas / Crianças dos 3 aos 14 anos

 

Dia 11 de Dezembro - Sábado

 

15h00 Salão da Associação de Moradores do Lau

Tarde de Folclore

Grupo de Danças e Cantares da APPACDM de Soure

Rancho Folclórico “Os Académicos” do Bairro Margaça

Rancho Folclórico Danças e Cantares do Passil – Alcochete

Grupo de Dançares da APPACDM de Setúbal

Público-alvo: Público em Geral

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.