Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Uma Pintura na Padaria

Até 31 de Dezembro de 2010

 

Padaria

Rua da Rosa 190

Um gajo é feito de hábitos. E das coisas que mais conforto dão aos hábitos para existir são os nomes - a nomenclatura das coisas permite marcar fronteiras e perceber limites, e sem qualquer dificuldade, perceber e cumprir hábitos. Um gajo diz que vai ao café e vai beber café, vai-se à taberna para beber, à tasca botar cartas, aos correios a carta, ao clube para dançar e à padaria para o pão. Quando se baralha e se voltam a dar as cartas dos nomes das coisas, aqui o Ladino baralha. Onde já se viu expôr em sítio de pão e de farinha? Assim alucina - tarda nada peço supositório na merceria e tinto na tabacaria! No entretanto de confusao é espreitar a pintura de Martinho Costa n'a Padaria da Rosa e aproveitar e comprar um de mafra e um cacete. / Ladino Pino

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.