Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

The Gift

3 de Abril de 2011

19h30

 

Fnac (Vasco da Gama)

Avenida Dom João II, Lote 1.05.02
Lisboa

 

Os fãs dos Gift não têm feito outra coisa senão suspirar... Por um novo trabalho. Ainda não chegou aos escaparates, mas já circula online pelo preço certo: o que o fã quiser dar. E assim "Explode" novamente a banda de Alcobaça.

 

"Explode" traz consigo a promessa de ser um álbum capaz de inaugurar uma nova fase no trajecto dos Gift. É essa, pelo menos, a crença da banda. Mesmo para quem não comprou o disco online, na página oficial, as conclusões podem começar a ser tiradas com base no single de avanço, "RGB". Aponta para um registo mais cru, mas nem por isso foge totalmente aos arranjos em camadas.

 

O último álbum lançado pelos Gift foi "Fácil de Entender", um disco ao vivo em que as canções encontravam novos formatos, novos arranjos, novas vidas. O registo surgiu como um verdadeiro "best of" da música produzida pela banda de Sónia Tavares. Pegava em clássicos como "My lovely mirror" ou "Ok! Do you want something simple?" (de "Vinyl", 1998), em bandas sonoras como "Five minutes of everything" ou "Front of" (de "Film", 2001) e em sintonizações como "Music" ou "Driving you slow" ("AM-FM", 2004). Incluía também dois inéditos: "Nice and Sweet" e "645".

 

S.Pe. (PÚBLICO)