Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

RECITAL DE HARPA E PERCUSSÃO

 

 

 


26 Novembro
17.00
Auditório
RECITAL DE HARPA E PERCUSSÃO
SOLISTAS DA METROPOLITANA

Stéphanie Manzo (harpa), Fernando Llopis (vibrafone)
Concerto comentado por Rui Campos Leitão

Imagine-se numa tarde de domingo, em pleno Outono, à hora do lusco-fusco, escutando os sons de uma harpa, de uma marimba e de um vibrafone. Uma hora de música à mistura com uma amena conversa em torno de três instrumentos muito especiais, que nos transportam para «longe daqui», como se um poder mágico possuíssem. Para ajudar, junta-se uma mão cheia de música escrita por quatro grandes compositores franceses e espanhóis cujas melodias têm igualmente encantando tanta gente desde há mais de um século. É o caso de Panis Angelicus, de César Franck, original para tenor, órgão, harpa, violoncelo e contrabaixo. «O pão dos anjos que se tornará no pão dos homens» dá assim início a este recital tão propício a estados contemplativos. É o que garantem Recuerdos de la Alhambra, de Granados, fazendo recordar na marimba os trémulos da guitarra, e algumas das mais belas peças para piano de Debussy, em versão adaptada ao dedilhado da harpa e a quatro baquetas nas mãos de um percussionista.

PROGRAMA
César Franck, Panis Angelicus
Claude Debussy, Três prelúdios
Claude Debussy,
Clair de Lune
Francisco Tárrega,
Recuerdos de la Alhambra
Enrique Granados, Excertos das
Valsas poéticas

Preço: Entrada livre
Duração: 75’, sem intervalo
M/3

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.