Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Zombie Walk Lisboa

 

31 de Outubro de 2011

 

Ponto de encontro na Praça do Camões

A partir das 18h, marcha arranca às 19h30

 

 

Lisboa está sitiada. As ruas e praças que outrora reflectiam a vivacidade pulsante da cidade estão vazias. Os cacos das janelas partidas, as terras removidas e portas enguiçadas são agora a banda sonora da cidade onde os mortos se arrastam. O som dessa movimento descoordenado, anca quebrada e ombro descaído. O nevoeiro que adensa esse cemitério que a Praça de Camões se tornou. O ponto de encontro para os sedentos da vida que se lhes esvaiu saírem em busca de novas presas, os mortais que num momento de canibalismo imortal ganham esse estatuto de zombie. A marcha morta viva que sitia e faz de Lisboa a cidade apocalíptica do Halloween Zombie. / Von Rau Pipiska

Fonte: LeCool

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.