Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Passatempo DANÇA DE RODA

O Blog Cultura de Borla em parceria com o TEATRO MUNICIPAL DE ALMADA tem bilhetes duplos para a peça DANÇA DE RODA no TEATRO MUNICIPAL DE ALMADA para os dias 29, 30, 31 de Março e 1 de Abril às 21h30 de 4ª a sábado e às 16h aos domingos aos primeiros leitores que enviarem um e-mail até ao dia 16 de Março para culturadeborla@sapo.pt com a frase "EU QUERO IR VER DANÇA DE RODA COM O CULTURA DE BORLA" indicando nome, BI e sessão a que pretendem assistir.

 

DANÇA DE RODA
de Arthur Schnitzler // encenação de Rodrigo Francisco
DANÇA DE RODA
// COMPANHIA DE TEATRO DE ALMADA //

Bilheteira Online

Em Dança de roda, Schnitzler quis levar para o palco a roda-viva das relações instáveis e permissivas entre homens e mulheres, numa frenética dança de casais, com pares que se formam e se desfazem de cena para cena, abordando de forma surpreendente as teorizações de Freud acerca dos impulsos sexuais e dos jogos de poder. A publicação da peça causaria grande controvérsia, tal como a sua primeira representação, em 1920, levando a que, no ano seguinte, um tribunal de Berlim a considerasse ofensiva da moral pública e Schnitzler viesse a proibir a sua apresentação em palcos europeus até à data da sua morte.

Arthur Schnitzler (1862-1931) começou a escrever ainda durante a infância: a sua primeira grande tentativa autoral data de 1872, quando escreveu Aristokrat und demokrat (Aristocrata e democrata), provavelmente influenciado pela peça Tempestade e tensão, de Schiller. Antes da publicação de Anatol (o seu primeiro livro, em 1893), Schnitzler tinha já escrito cerca de trinta peças, quinze fragmentos dramáticos e um largo número de poemas. Formado em Medicina em 1885 pela Universidade de Viena, começa a inte-ressar-se pelo estudo da psiquiatria e corresponde-se com Sigmund Freud. A partir de 1894, Schnitzler dedica-se à literatura, tendo deixado uma vasta, multiforme e significativa obra literária em língua alemã.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.