Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

SOLISTAS DA METROPOLITANA ao vivo na apresentação de «Os Fidalgos da Casa Mourisca» > 16 OUT. Cinemateca | 17 OUT. Coliseu Porto

transferir (12).jpg

Esta sessão de OS FIDALGOS DA CASA MOURISCA, de Georges Pallu (1920), assinala o centenário da estreia do filme (a 14 de janeiro de 1921, no cinema Condes, em Lisboa) com a primeira apresentação pública da nova cópia digital e da partitura original composta por Armando Leça, que será interpretada ao vivo por um octeto de solistas da Orquestra Metropolitana de Lisboa, dirigido pelo Maestro Cesário Costa, após um trabalho de reconstituição levado a cabo pelos musicólogos Manuel Deniz Silva e Bárbara Carvalho, da NOVA FCSH.

Trata-se da continuação de uma parceria estabelecida em 2019 entre a Cinemateca, a Metropolitana e a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, através do INET-md, e agora renovada com novos parceiros – o Coliseu Porto Ageas e a Ágora – Cultura e Desporto E.M. – tendo como objetivo a reconstituição, interpretação ao vivo e gravação das três partituras originais compostas por Armando Leça para filmes da Invicta Film: A ROSA DO ADRO (G. Pallu, 1919), apresentada em 2019; OS FIDALGOS DA CASA MOURISCA (G. Pallu, 1920), apresentados este mês; e AMOR DE PERDIÇÃO (G. Pallu, 1921), que será apresentado no próximo mês de novembro. Combinando investigação inédita sobre cinema e música, este projeto aumentou o conhecimento sobre a história do cinema mudo português e, em particular, sobre a história da música escrita para cinema, ao mesmo tempo que permitiu a redescoberta de três filmes mudos portugueses de uma forma o mais aproximada possível ao modo como terão sido originalmente vistos e ouvidos, há exatamente 100 anos.

No caso de OS FIDALGOS DA CASA MOURISCA, a partitura original de Armando Leça foi recuperada por uma equipa de musicólogos da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, no contexto de um projeto de investigação do Instituto de Etnomusicologia – Centro de Estudos em Música e Dança (INET-md). Nesta sessão, a partitura será interpretada pelos Solistas da Metropolitana, com direção musical do Maestro Cesário Costa. A imagem digitalizada e a música ao vivo, que será oportunamente gravada, resultarão depois numa cópia digital de alta-definição (DCP) para projeção em sala, assim como numa nova edição DVD da Cinemateca Portuguesa que dará continuidade à coleção de títulos do cinema mudo português.

 

OS FIDALGOS DA CASA MOURISCA
[CENTENÁRIO DA ESTREIA]

16 OUTUBRO, 17H00, CINEMATECA PORTUGUESA
17 OUTUBRO, 17H30, COLISEU PORTO AGEAS

de Georges Pallu
com Pato Moniz, Erico Braga, Mário Santos, Duarte Silva, António Pinheiro
Portugal, 1920 - 195 min (a 18 imagens por segundo)
mudo, com intertítulos em português | M/12

com música ao vivo pelos Solistas da Metropolitana

Filipe Freitas
 oboé
Alexêi TolpygoJosé Teixeira violinos
Irma Skenderi viola
Ana Cláudia Serrão violoncelo
Vladimir Kouznetsov contrabaixo
Coral Tinoco harpa
Paulo Oliveira piano

Cesário Costa maestro

 

“Outubro - Mês da Música”: “A Garota Não” atua no Coreto, em Pinhal Novo

transferir (10).jpg

 

 

“A Garota Não” atua no Coreto do Largo José Maria dos Santos, em Pinhal Novo, a 4 de outubro, às 21h30, num concerto integrado na programação “Outubro - Mês da Música”.  

Este é o projeto da cantautora Cátia Mazari Oliveira, que vai apresentar o seu álbum de estreia “Rua das Marimbas n.º7”, um disco onde fala de forma crítica e, ao mesmo tempo, sonhadora de assuntos que nos tocam a todas/os: perdas, amor, recibos verdes, monstros ou desigualdade de oportunidades. Com produção de Sérgio Mendes, “Rua das Marimbas n.º 7” conta com Cátia Oliveira na voz e guitarra, Sérgio Mendes nas guitarras e Diogo Sousa na bateria e percussão.

Cátia Oliveira nasceu em Setúbal, em 1983 e, antes deste projeto próprio, surgido em 2019, o seu percurso musical passou pelo jazz e pela música popular brasileira.

Organizado pela Câmara Municipal de Palmela, o concerto em Pinhal Novo tem entrada gratuita, mediante levantamento de bilhete (lotação de 200 lugares). Mais informações: 212 336 630 ou cultura@cm-palmela.pt.

Para comemorar o Dia Mundial da Música (1 de outubro), o Município e o Movimento Associativo local promovem a iniciativa “Outubro - Mês da Música”, com vários espetáculos ao longo do mês, por todo o concelho. Consulte o programa completo em www.cm-palmela.pt.

Baixa da Banheira: Blues Pic-Nic no Parque José Afonso adiado para 5 de outubro

blues 5 de outubro.jpg

 

Devido à possibilidade de ocorrência de precipitação no domingo, dia 3 de outubro, o Blues Pic-Nic foi adiado para dia 5 de outubro, a partir das 15:00h, no Parque José Afonso, na Baixa da Banheira. O Blues Pic-Nic, inserido no BB Blues Fest, tem entrada gratuita mediante reserva antecipada em www.bbbluesfest.com. Stonebones & Bad Spaghetti, Mojo Hand, Catman & the Blues Doozers, BBBF All Stars são os nomes para o Blues Pic-Nic.

Depois dos espetáculos a 23, 24 e 25 de setembro, no Fórum Cultural José Manuel Figueiredo e no recinto do Mercado Mensal, na Moita, o BB Blues Fest regressa à Baixa da Banheira com o Blues Pic-Nic. Recorde-se que a 10ª edição do BB Blues Fest iniciou a 23 de setembro com o concerto, no Fórum Cultural, do Grupo Dixieland da Banda da Armada.

Nos dias 24 e 25 de setembro, subiram ao palco do recinto do Mercado Mensal na Moita Tail Dragger, Richard Ray Farrell, The Black Mamba e Rick Estrin & The Nightcats.

STONEBONES & BAD SPAGHETTI (PT)

Muito provavelmente a única banda portuguesa de bluegrass, que se distingue pela incrível energia da sua música e a entusiástica performance em palco. Ao vivo, apresentam canções originais, compostas ao estilo do bluegrass, cantadas em português e, também, uma grande coleção de músicas tradicionais. A influência mediterrânica portuguesa está fortemente presente, resultando numa banda única, onde não há um oceano a separar ambas as culturas. Já conhecidos do público do BB Blues Fest, regressam para celebrar a décima edição do Festival.

 

MOJO HAND (PT)

Joe Mac é um cantor e escritor de canções norte-americano a viver em Portugal. A sua carreira musical começou no final dos anos 80, tocando Blues Rock em diversos palcos no continente americano e na europa. Em conjunto com o Holandês Gerrit Ekelenkamp, harmonicista e vocalista, também a viver em Portugal, formaram este duo Mojo Hand. Esta singular junção forma um projeto que vai à raiz do blues buscando os sons mais originais. Tocam no Blues Pic-Nic, numa recriação virtual de uma sessão de alpendre, com uma brisa do Oeste… português.

 

CATMAN & THE BLUES DOOZERS (PT)

Formado em 2005, o projeto Catman and The Blues Doozers nasceu no antigo espaço Catacumbas Jazz Bar, no Bairro Alto, em Lisboa, fruto da paixão de Manuel Pais (Catman) pelo Blues. Até ao seu encerramento (2013), a banda foi presença regular no Catacumbas tendo começado por essa altura a marcar presença no Alface Hall (também no Bairro Alto), bar onde se mantém como banda fixa até aos dias de hoje. Após algumas entradas e saídas de vários elementos, a banda estabilizou-se há cerca de seis anos: Catman – Voz, Teclas e Harmónica; Mr. Bo – Clarinete, José Luís Ferreira – Guitarra; Luís Varatojo – Bateria. Este tipo de formação, algo "sui generis", proporciona a possibilidade da banda apresentar, através de arranjos personalizados, um reportório de Blues influenciado quer pelo Swing, quer pelo Jazz.  Assim, para além de originais, Catman and The Blues Doozers apresentam temas de autores que vão de Louis Jordan a Fats Waller, passando por clássicos como Willie Dixon ou Albert King. Regressam ao BB Blues Fest, depois de terem participado no warm-up em 2014.

 

BBBF ALL STARS (PT)

A tarde do Blues pic-nic encerra em clima de festa com mais uma atuação da BBBF All Stars. Sob a batuta de Fast Eddie Nelson, será mais uma reunião aberta numa celebração do Blues e do espírito do BB Blues Fest.

 

O BB Blues Fest resulta de uma parceria entre a Associação BB Blues Portugal, a Câmara Municipal da Moita e a União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira e tem trazido à vila da Baixa da Banheira e ao concelho da Moita os melhores nomes do blues nacional e internacional. À semelhança de anos anteriores, o BB Blues Fest tem como parceiro na divulgação a Antena 3.
Visando a segurança de todos, o Blues Pic Nic irá seguir medidas rigorosas, cumprindo todas as normas da Direção Geral de Saúde e garantindo todas as condições para uma experiência segura.
Mais informações em www.bbbluesfest.comwww.cm-moita.ptwww.ufbbva.ptwww.bbbluesportugal.comhttps://www.instagram.com/bbbluesportugal/www.facebook.com/bbbluesfest e www.facebook.com/cmmoita

 

Cinema concerto “Charlie Chaplin” com orquestra ao vivo para ver no MaiaShopping

O espetáculo gratuito está marcado para dia 3 de outubro.

 

image002 (3).png

 

O MaiaShopping tem um programa irrecusável para este domingo, dia 3 outubro: assistir ao Cinema-Concerto “Charlie Chaplin” com orquestra ao vivo. Numa iniciativa que une a música ao cinema, a Orquestra da Costa Atlântica associa-se ao maior nome do cinema mudo para trazer um momento inesquecível aos visitantes do centro.

 

O espetáculo de entrada livre acompanha dois divertidos filmes de Charlie Chaplin — “O Imigrante” e “A Loja de Penhores”. A Orquestra com a direção do maestro Luís Miguel Clemente é constituída por 16 músicos com instrumentos de cordas, sopros e percussão.

 

O Cinema Concerto “Charlie Chaplin” irá decorrer na Sala 1 do Cinema NOS do MaiaShopping, no Piso 2, às 11h30, e dirige-se a maiores de quatro anos. Embora o evento seja gratuito, requer inscrição em maiashopping.pt.

 

“Este evento é mais um passo do MaiaShopping no sentido de democratizar a cultura, trazendo mais momentos de lazer para a nossa comunidade local, enquanto dá palco a vários artistas”, afirma Emanuel Lemos, diretor do MaiaShopping.

 

O cine-concerto integra a iniciativa “Cultura no Centro”, o projeto da Sonae Sierra criado para apoiar artistas e entidades nacionais de âmbito cultural. Ao longo de 2021, serão realizadas várias atividades e eventos artísticos nos centros comerciais geridos pelo grupo, de forma a tornar a cultura acessível a todos.

 

Data: 3 de outubro, domingo
Horário: 11h30
Local: MaiaShopping, Piso 2, Cinemas NOS
Entrada: Espetáculo gratuito

Reservas online emwww.maiashopping.pt (limitação da sala: 123 lugares)
Idade: A partir dos 4 anos

Palmela comemora Dia Mundial da Música

Mês da Música.jpg

 

 

Para comemorar o Dia Mundial da Música (1 de outubro), a Câmara Municipal de Palmela e o Movimento Associativo local promovem o programa “Outubro - Mês da Música”, com vários espetáculos ao longo do mês, por todo o concelho.

Integrado no “Palmela é Música”, o programa abre no dia 1, com o espetáculo “Marta Menezes - Piano Solo e Piano e Orquestra”, no Cine-Teatro S. João.

Assista também aos “Concertos Promenade! Música na Praça”, ao “Concerto Música no Património”, à Noite de Ópera “Amanti Costanti”, a uma Noite de Fados, à “Benfesta” e aos espetáculos com A Garota Não, Alexandre Miguel e Outubro Pop Rock.

Destaque ainda para os concertos comemorativos dos aniversários da Sociedade Filarmónica Humanitária e da Sociedade Filarmónica Palmelense “Loureiros”. Os Clarinetes de Santiago vão levar a música às estruturas residenciais para idosos, na 2.ª edição da iniciativa “Vem à Janela”.

A fechar o programa, o Cine-Teatro S. João recebe a Festa de Encerramento do “Outubro MAIOR” 2021: “Celebrar a Longevidade” - Concerto com João Mendonza.

Mais informações: 212 336 630 ou cultura@cm-palmela.pt.

 

Programa

 

1 de outubro | 21h30 | Cine-Teatro S. João, Palmela

Marta Menezes - Piano Solo e Piano e Orquestra

Em versão de câmara

Marta Menezes - piano, Rui Cristão e Manuel de Almeida-Ferrer - violino, Joana Tavares - viola, Ricardo Mota - violoncelo e Margarida Afonso - contrabaixo

Entrada gratuita, mediante levantamento de bilhete

Org.: Câmara Municipal de Palmela

 

2 e 3 de outubro | 21h30 | Praça da Independência, Pinhal Novo

Concertos Promenade! Música na Praça

Entrada gratuita - lugares limitados

Info./ reservas: 960 317 046 | geral@onguitarras.com

Org.: Associação Amigos Juntos pela Orquestra Nova de Guitarras

Apoio: Câmara Municipal de Palmela

 

4 de outubro | 21h30 | Coreto do Largo José Maria dos Santos, Pinhal Novo

Concerto A Garota Não

Lotação: 200 lugares

Entrada gratuita, mediante levantamento de bilhete

Org.: Câmara Municipal de Palmela

 

4 de outubro | 21h00 | Sociedade Filarmónica Humanitária, Palmela

Noite de Ópera - “Amanti Costanti”

Pela Classe de Canto da Professora Isabel Biu

Org.: Sociedade Filarmónica Humanitária

 

5 de outubro | 16h30 | Palmela (local a definir)

Concerto Música no Património

Pela Banda dos “Loureiros”

Org.: Sociedade Filarmónica Palmelense “Loureiros”

 

6 de outubro | 15h00 | Fundação COI, Pinhal Novo

7 de outubro | 15h00 | Residencial dos Ferroviários, Pinhal Novo

8 de outubro | 15h00 | Santa Casa da Misericórdia de Palmela

“Vem à Janela” - com Clarinetes de Santiago

Música nas estruturas residenciais para idosos - 2.ª edição

Os Clarinetes de Santiago convidam a tecer novas e velhas memórias, a partir da música que acontece em espaço exterior. Deixe-se contagiar por um momento inspirador e reconfortante.

Divulgação em formato online nos Centros de Dia das IPSS e nos canais web da Autarquia.

Org.: Câmara Municipal de Palmela

 

8 de outubro | 21h00 | Sociedade Filarmónica Humanitária, Palmela

Concerto pela Banda e Coro da SFH

Sessão Solene Comemorativa do 157.º Aniversário da SFH

Org.: Sociedade Filarmónica Humanitária

 

9 de outubro | 21h00 | Centro Cultural de Poceirão

Noite de Fados

Lugares limitados

Org.: Associação “Os Amigos” de Lagameças

Apoio: Câmara Municipal de Palmela

 

15 de outubro | 21h00 | Cine-Teatro S. João, Palmela

“Benfesta”

Noite de Música com João Afonso, Rogério Charraz, Rui Rocha/Sandra e Maria Casal

Bilhete: 10€

Org.: Casa do Benfica de Palmela

Apoio: Câmara Municipal de Palmela

 

16 de outubro | 21h00 | Centro Cultural de Poceirão

Outubro Pop Rock

Concerto com as bandas Imperial Stones e Paper Hearts

Entrada gratuita - lugares limitados

Info./reservas (obrigatórias): 935 321 218

Org.: Câmara Municipal de Palmela

 

23 de outubro | 21h00 | Auditório Municipal de Pinhal Novo

Concerto Alexandre Miguel

Lançamento do EP “O Meu Sonho”

Info./ reservas: 913 332 607

Org.: Associação Juvenil Odisseia

Apoio: Câmara Municipal de Palmela e Associações

 

25 de outubro | 16h30 | Sociedade Filarmónica Palmelense “Loureiros”, Palmela

Concerto Comemorativo do 169.º Aniversário da SFP “Loureiros”

Pelo Grupo Coral e Banda dos “Loureiros”

Org.: Sociedade Filarmónica Palmelense “Loureiros”

 

31 de outubro | 15h00 | Cine-Teatro S. João, Palmela

“Celebrar a Longevidade” - Concerto com João Mendonza

Festa de Encerramento do “Outubro MAIOR” 2021

Entrada livre, mediante levantamento de bilhete

Org.: Câmara Municipal de Palmela

Espetáculo com Marta Menezes abre programa do “Outubro - Mês da Música”

Marta Menezes.jpg

 

O espetáculo “Marta Menezes - Piano Solo e Piano e Orquestra”, em versão de câmara, a 1 de outubro, às 21h30, no Cine-Teatro S. João, em Palmela, abre o programa do “Outubro - Mês da Música”.

Vencedora do 1.º Prémio no Concurso Beethoven no Royal College of Music, em Londres, e no Concurso Internacional de Piano de Nice Côte D’Azur, Marta Menezes conta ainda com outros prémios em concursos internacionais em Portugal, Espanha e França. Recebeu, em 2014, a Medalha de Prata de Valor e Distinção, pelo seu percurso enquanto pianista, atribuída pelo Instituto Politécnico de Lisboa.

Apresenta-se regularmente em concertos a solo, em música de câmara e com orquestra, tendo atuado em diversos países na Europa, Estados Unidos, Cabo Verde e China.

Marta Menezes tem um papel ativo na divulgação da música portuguesa. Fez a encomenda e estreia de várias obras de compositores contemporâneos e desenvolveu vários projetos dedicados a este repertório.

Fez os seus estudos na Escola Superior de Música de Lisboa, terminando o mestrado com classificação máxima. Em Londres, fez um segundo mestrado no Royal College of Music. É doutorada pela Universidade de Indiana, nos Estados Unidos.

Organizado pela Câmara Municipal de Palmela, o espetáculo tem entrada gratuita, mediante levantamento de bilhete. Mais informações: 212 336 630 ou cultura@cm-palmela.pt.

Para comemorar o Dia Mundial da Música (1 de outubro), o Município e o Movimento Associativo local promovem a iniciativa “Outubro - Mês da Música”, com vários espetáculos ao longo do mês, por todo o concelho. Consulte o programa completo em www.cm-palmela.pt.

 

Programa

 

  1. V. Beethoven (1770-1827)

Variações e Fuga em Mi Bemol Maior, op. 35, "Variações Eroica"

Marta Menezes - piano

 

  1. V. Beethoven (1770-1827)

Concerto para Piano n.º 4 em Sol Maior, op. 58 (versão para piano e quinteto de cordas, por V. Lachner)

Marta Menezes - piano

Rui Cristão - violino

Manuel de Almeida-Ferrer - violino

Joana Tavares - viola

Ricardo Mota - violoncelo

Margarida Afonso - contrabaixo

 

  1. Gato (n. 1979)

128 Bits

Estreia mundial

Ciclo Bach-Schubert - Lisboa, Setúbal e Lourinhã

 

transferir.jpg

 

 

Orquestra Metropolitana de Lisboa
CICLO BACH-SCHUBERT


O acordeão está muito conotado com tradições populares. Seja em situações festivas ou de pendor nostálgico, o seu timbre penetrante faz com que nunca passe despercebido. Tal como os sopros e o piano, beneficiou de importantes melhoramentos técnicos no século XIX, mas só mais recentemente se afirmou como instrumento de repertório. Justifica-se assim recuar no tempo, atender obras emblemáticas da História da Música e emprestar-lhes uma leitura diferente. É nesse sentido que o acordeonista João Barradas nos propõe revisitar uma obra de J. S. Bach que conhecemos do cravo, mas que até foi originalmente composta para oboé d’amore. Dando início a um ciclo de concertos que coloca em diálogo as músicas de Bach e de Schubert, neste programa temos ainda a oportunidade de ouvir o quarto dos concertos dedicados ao Marquês de Brandeburgo e uma sinfonia a que chamamos Trágica em virtude dos contrastes expressivos que atravessa.
 

Quinta-feira, 30 de setembro, 18h00 , Fundação Calouste Gulbenkian
[Prémio Jovens Músicos]


Sexta-feira, 1 de outubro, 21h00, Fórum Municipal Luísa Todi, Setúbal
[Dia Mundial da Música]


Sábado, 2 de outubro, 21h00, AMAL - Associação Musical e Artística Lourinhanense
 

J. S. Bach Concerto Brandeburguês N.º 4
J. S. Bach Concerto para Tecla N.º 4, BWV 1055 (transc. acordeão)
F. Schubert Sinfonia N.º 4, Trágica

João Barradas acordeão
Pedro Neves maestro

 
PRÓXIMOS CONCERTOS
 
NIELSEN-SCHUBERT
Orquestra Académica Metropolitana


17 de outubro, 17h00
Fórum Municipal Luísa Todi, Setúbal

 

Prémio Jovens Músicos - Novo horário

transferir (57).jpg

 

O Concerto de Abertura do Prémio Jovens Músicos foi antecipado para as 18:00 e, felizmente, vai poder contar com a presença de público! A entrada é gratuita mediante levantamento de bilhete na Fundação Calouste Gulbenkian a partir do dia 28 de setembro às 10:00. Máximo de 2 bilhetes por pessoa.

 

PRÉMIO JOVENS MÚSICOS
Orquestra Metropolitana de Lisboa

Quinta-feira, 30 de setembro, 18h00 , Fundação Calouste Gulbenkian

J. S. Bach Concerto Brandeburguês N.º 4
J. S. Bach Concerto para Tecla N.º 4, BWV 1055 (transc. acordeão)
F. Schubert Sinfonia N.º 4, Trágica

João Barradas acordeão
Pedro Neves maestro