Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Duetos Crossover de Yolanda Soares e Bruno Correia sobem ao palco do Casino Estoril já no próximo Domingo, dia 10 de Janeiro.

Duetos Crossover de Yolanda Soares e Bruno Correia sobem ao  palco do Casino Estoril já no próximo Domingo, dia 10 de Janeiro.

transferir (8).jpg

 

SOBRE O ESPETÁCULO

A Ópera e a música Pop/rock juntam-se neste espectáculo para uma apresentação arrebatadora e única no país. Duas das melhores vozes nacionais , dois dos artistas mais carismáticos em Portugal, unem-se para criar momentos arrebatadores junto do público com alguns dos temas mais conhecidos do mundo!

Yolanda Soares e Bruno Correia regressam para mais um espectáculo com interpretações extraordinárias, num espectáculo especial de Natal que traz ao público outro olhar sobre a música clássica.

 

João Farinha | 6 Janeiro às 18h00 ao vivo na Rádio Amália [entrevista e mini concerto]

Em Dia de Reis o fadista de Coimbra vai estar na rádio da "Rainha"

Dia 6 de Janeiro, a partir das 18h00, João Farinha é a "Estrela da Tarde" na Rádio Amália, com Ana Meixedo. O fadista de Coimbra vai marcar presença para entrevista e mini concerto ao vivo. O destaque será o novo álbum, "Solto" (Disco Antena 1), que foi lançado no dia 4 de Dezembro.
João Farinha promete ainda homenagear Carlos do Carmo, um dos mais reconhecidos, premiados e aclamados fadistas de sempre.

Em "Solto", o segundo álbum a solo de João Farinha e, como tantos projetos artísticos e criações, condicionado pela pandemia em que vivemos, o fadista apresenta 11 temas em que desbrava novos caminhos para uma música que é (ainda) fado: através da fusão com outros instrumentos, mas também da colaboração com artistas que admira. Neste "Solto", juntam-se a João Farinha as guitarras de Hugo Gamboias e Diogo Passos, o baixo de Ricardo Melo, a percussão de Quiné Teles e instrumentos como o ukulele e a guitarra elétrica. 
 
Entre os convidados, para além de José Rebola [Anaquim], que escreveu a letra do tema que dá título ao disco - "Solto" -, João Farinha conta com Tiago Nogueira [Os Quatro e Meia] na interpretação de "Pepa", tema com o qual regressa à poesia de Antero de Quental. Também Viviane [Entre Aspas] marca presença a cantar "Entre o sono e o sonho", mais uma revisitação, agora à obra imensa de Pessoa. Do lado de lá do Atlântico, surge o artista brasileiro Betto do Bandolim a participar no tema "Vira dos Desamores". Por fim há ainda o belíssimo "Embalando o Menino", com música de António Fragoso.

transferir (7).jpg

 

TRICKY COM DOIS CONCERTOS EM PORTUGAL EM 2021

O artista referência do trip-hop inglês regressa a Portugal no próximo ano para dois concertos: 30 de novembro no Porto (Hard Club) e 01 de dezembro em Lisboa (LAV). 

Bilhetes disponíveis a partir de amanhã em www.houseoffun.pt e nos locais habituais.

 

transferir (3).jpg

 

Falar da cena trip-hop dos anos 90 e não falar de Tricky é praticamente impossível. O artista referência de Bristol, cuja última visita a Portugal data de 2018, vai visitar as cidades do Porto e Lisboa para dois concertos que já se anteveem arrebatadores. A 30 de novembro Tricky sobe ao palco do Hard Club, no Porto, reservando a noite de 1 de dezembro para um espetáculo no Lisboa ao Vivo.   

Nestes concertos, o artista irá apresentar o seu 14.º álbum - Fall to Pieces -, lançado no passado mês de setembro, depois de em março ter lançado o EP 20 20. O seu mais recente trabalho, que aborda essencialmente auto reflexões do artista e explora as suas visões em determinados tópicos, foi gravado em Berlim e conta com a colaboração de Marta Złakowska na voz, cantora que Tricky conheceu durante uma das suas tours europeias, depois de ficar sem vocalista no dia de estreia.

Os bilhetes para os concertos de Tricky em Portugal ficam disponíveis amanhã, em: 
www.houseoffun.pt
www.masqueticket.com
https://www.meoblueticket.pt/Event/5324 (Hard Club, Porto)
https://www.meoblueticket.pt/Event/5325 (Lisboa)
Bem como nos restantes locais habituais.

Viva o Samba - 17 de Janeiro - Coliseu dos Recreios

transferir.png

 

É já em janeiro que o projecto Viva o Samba celebra seis anos de existência. Nasceu pelos músicos

 

Cícero e Humberto Mateus e teve sempre como objectivo promover a cultura musical brasileira de excelência. O Samba marca o ritmo e o projecto Viva o Samba todos os domingos na sua residência artística sediada junto ao Rio Tejo, juntava mais de 600 pessoas e animavam as noites dos lisboetas, turistas e contava sempre com convidados surpresa, como Carminho, Vanessa da Mata, Mariza, entre muitos outros...

 

transferir (2).jpg

17 de Janeiro
Celebração do 6ª aniversário
 
Um concerto grandioso, que junta no mesmo palco 13 músicos, desde voz, percussão, viola, banjo, bandolim, cavaquinho, violino e harmónica que une através da alegria contagiante do Samba, com o poder da inclusão e solidariedade. O Samba, enquanto património cultural imaterial da humanidade pela Unesco é culturalmente rico e alegre que cativa e enobrece. É objectivo reservar e difundir a tradição do Samba em Portugal. Este ano o projecto Viva o Samba celebra 6 anos de existência.
 
 
 

QUEM TOCA SEUS MALES ESPANTA

 

transferir.jpg

 

 Colheres de pau e panelas marcam o ritmo na Passagem de Ano  

Áurea, Catarina Furtado, Fernando Mendes, Filomena Cautela
e João Baião dão o tom
 
Com muita esperança para 2021, lançamos um desafio para a meia-noite de 31 de dezembro: tocando inesperados instrumentos a partir de utensílios de cozinha e de outros objetos domésticos, num festejo inspirado na antiga tradição de bater tampas de panelas à janela para afugentar os maus espíritos do ano que passou, convidamos todos a criarem um momento musical único, a partir de suas casas.
 
Como inspiração estamos a partilhar nas páginas de Facebook da Câmara Municipal de Lisboa e da EGEAC - Cultura na Rua pequenos vídeos com convidados especiais. A cantora Áurea e os apresentadores Catarina FurtadoFernando MendesFilomena Cautela e João Baião mostram-nos instrumentos domésticos e, com o apoio do Maestro Cesário Costa e do percussionista Marco Fernandes, ajudam-nos a encontrar o ritmo certo. No dia 31, a partir das 14h, nas nossas redes sociais, vai ser revelada a apresentação conjunta destas cinco figuras públicas ­– em jeito de ensaio geral para a passagem de ano e de convite para que todos façam o mesmo em suas casas.
 
Com colheres de pau, panelas, baldes e até frigideiras, queremos afugentar 2020 com um grande festival doméstico de música que contagie todos ao soar das doze badaladas.
 
Desafiamos ainda as pessoas a partilharem connosco as suas atuações (e, também, os eventuais ensaios) através das redes sociais (Facebook e Instagram Cultura na Rua) ou do e-mail info@culturanarua.pt, porque iremos preparar uma surpresa no final. 

 

Espectáculos, Rafael Alvarez em 2021

Novas Criações / Estreias
 
- "UN TSUGI" de Rafael Alvarez | BODYBUILDERS & Plural_Companhia de Dança
12 e 13 Março_Carpintarias de São Lázaro, Lisboa
 
- "FŪ TSUGI" de Rafael Alvarez | BODYBUILDERS 
 
*com 25 intérpretes maiores de 55 anos de Lisboa e Paris
11 Junho_Festival Faits Maison/Micadanses, Paris
Setembro (data a anunciar), Carpintarias de São Lázaro, Lisboa
 
*com intérpretes maiores de 55 anos da região de Ílhavo (em co-produção com 23 Milhas - Ílhavo)
Outubro (data a anunciar), Fábrica das Ideias, Gafanha da Nazaré
 
- "CHOREO-SOLO-PORTRAITSlab" de Rafael Alvarez | BODYBUILDERS
29 Maio, Ryogoku BEAR, Tóquio
 
Circulação 
 
- "WAVE"
com intérpretes maiores de 55 anos e seniores 
Agosto (data a anunciar), Cultura em Expansão, Assoc. da Pasteleira, Porto
 
- "NA ONDA DA DISTÂNCIA" de Rafael Alvarez | BODYBUILDERS 
com Noeli Kikuchi e Rafael Alvarez
2 e 3 Julho, BACC - Bangkok Art and Culture Center, Banguecoque/Tailândia
Dezembro (data a anunciar), FMK International Dance Festival, Vientiane/Laos

UN TSUGI de Rafael Alvarez_BODYBUILDERS_© Elisabe

 

The Twist Connection | A pandemia não consegue parar o rock em Portugal

transferir (4).jpg

 

 
 
Apesar dos tempos difíceis que vivemos há quase um ano, a comunidade musical portuguesa não tem parado de nos surpreender! Uma das bandas que mais tem feito por um 2020 com música são os The Twist Connection.

Singles, álbum e alguns concertos ao vivo foram a receita dos The Twist Connection para o ano de 2020. Mas, como ainda faltam alguns dias para o fim de 2020, existem novidades, claro!

Em primeiro lugar, os The Twist Connection foram a banda escolhida para um dos últimos FNAC Session do ano. O evento é online através do Facebook e YouTube da FNAC e estreia dia 31 de dezembro às 19:00.

Em segundo, os The Twist Connection tem um novo single chamado Young Kid que já roda em algumas rádios nacionais. O videoclipe tem data de estreia a 8 de janeiro. Mesmo dia em que o tema estará disponível em todas as plataformas digitais.

FNAC Session
Dia 31 de dezembro
19:00
[Facebook e YouTube da FNAC]

The Twist Connection

Os The Twist Connection são compostos por Carlos "Kaló" Mendes (bateria e voz), Samuel SIlva (guitarra) e Sérgio Cardoso (baixo). Banda de Coimbra, tem nas suas raízes o rock n' roll de outros tempos mas, sem nunca negar, novas influências, novas sonoridades. 

Tanto nos discos editados até este momento (singles e álbuns) como nos concertos ao vivo (em Portugal e no estrangeiro), os The Twist Connection destacam-se dos demais por algo tão simples e importante como: a honestidade da sua música e uma fé inabalável no poder do rock’n’roll.

Discografia:

Live at Studio 239 - Single Fevereiro 2016
They are coming - Single Março 2016
Nite Shift - Single Outubro 2016
Stranded Downtown - Álbum Outubro 2016
Who Are These People? - Single Janeiro 2018
Twist Connection - Álbum Agosto 2018
Sweet Little Diamond - Single Novembro 2018
Bring Me The Storm - Single Novembro 2019
Fake - Single Março 2020
Is it real? - álbum Março 2020
 

 

 
 
 

Concertos de Ano Novo - Lisboa, Barreiro, Santarém e Setúbal

transferir (1).jpg

 

CONCERTO DE ANO NOVO
Orquestra Metropolitana de Lisboa
 

O Concerto de Ano Novo da Metropolitana é um precioso ramalhete de joias orquestrais que enfeitiçam. Mas quem já assistiu sabe bem que se trata de muito mais do que isso. O estonteio das valsas convoca purificações rituais que recuperaram sentido nas cambalhotas do tempo. A animosidade das marchas enaltece conquistas e conforta a inquietude das dificuldades. O ponteio das polcas expulsa maus agouros e vulnerabilidades, incentiva atitudes determinadas que conduzem à mudança. Os momentos de transição têm uma importância que nem sempre a matemática alcança, pois multiplicam-se nas bolsas da esperança e da vontade. Por isso, são assinalados em todo o mundo com a aparente futilidade dos brindes, dos cumprimentos e das borbulhas do espumante. Celebramos, enterramos o passado – mas nem todo o passado, porque ao olharmos para trás caminhamos em frente, renovamos compromissos. Um dos compromissos que se propõe aqui celebrar é, precisamente, o da Música, cujo valor se calcula todos os dias na escuta de cada um de nós. Neste início de 2021, ela traz um sorriso. E há tantas formas de sorrir!

Sexta-feira, 1 de janeiro, 11h00, Grande Auditório do Centro Cultural de Belém
Sábado, 2 de janeiro, 11h00, Auditório Municipal Augusto Cabrita, Barreiro
Sexta-feira, 8 de janeiro, 20h00, CNEMA, Santarém
Domingo, 10 de janeiro, 16h00, Fórum Municipal Luísa Todi, Setúbal 

G. Rossini Abertura da ópera L’Italiana in Algeri
J. Strauss II Polca rápida Expresso, Op. 311
J. Strauss I Galope Chinês, Op. 20
J. Strauss II Polca rápida Sangue Ligeiro, Op. 319
J. Strauss II Polca francesa Postillon d’amour, Op. 317
J. Strauss II Polca Ana, Op. 117
P. I. Tchaikovsky 3 peças da suíte do bailado O Quebra-Nozes, Op. 71
F. Mendelssohn Scherzo da suíte Sonho de uma Noite de Verão, Op. 61
F. Mendelssohn 3.º and. do Concerto para Violino e Orquestra, Op. 64 (*)
J. Strauss II Nova Polca Pizzicato, Op. 449
H. C. Lumbye Galope O Comboio A Vapor de Copenhaga
J. Strauss II Perpetuum mobile, Op. 257
J. Strauss II Polca Comboio do Prazer, Op. 281
J. Strauss II Polca Tritsch-Tratsch, Op. 214

 

Ana Pereira violino *
Sebastian Perłowski maestro