Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

"A Dança da Vida", romance de Gustavo Santos

500_9789897417405_a_danca_da_vida.jpg

 

A Oficina do Livro relançou este mês o terceiro romance de Gustavo Santos, A Dança da Vida. A nova capa remete para o ambiente do romance, que, bem ao estilo do autor, nos fala da importância do agora, de como devemos valorizar o presente. A Dança da Vida é uma história comovente de uma família, dos seus conflitos e de como ela se reconstrói, um livro sobre segundas oportunidades e primeiras escolhas e que nos questiona: e se o amanhã não fizer parte do destino de quem mais ama? Na sessão de lançamento do livro, realizado esta semana na Feira do Livro de Lisboa, o autor não escondeu que há no livro uma forte componente autobiográfica.

 

Sobre o livro

João é o filho mais velho de Jaime e Magali, portenha, amante de milongas. Em Sintra, onde vive com a família, João manifesta desde menino o gosto pela dança. O sonho de ser bailarino envergonha o pai, que quer ver o filho seguir-lhe os passos na engenharia. Para a mãe, a vocação do filho é motivo de orgulho, uma extensão da sua própria paixão pelo tango. Como todos os sonhadores, João não tem a vida facilitada. Entre lutar pelo seu sonho ou abandoná-lo definitivamente, opta por ouvir o coração. E é quando o faz que descobre o verdadeiro amor ao lado de Íris, com quem cria uma relação de cumplicidade eterna. Esta é uma história que ilustra a falta de entendimento e comunicação entre filhos – o eterno conflito de gerações –, a distância entre as expectativas de uns e os desejos de outros e o poder do perdão na hora de acordar para a vida. É um romance sobre a importância do «agora», que ajuda a compreender como é fundamental viver o presente, sem adiar os sonhos e o amor. Em A Dança da Vida, Gustavo Santos revela-se um escritor corajoso que explora, numa escrita acessível e dinâmica, a profundidade de muitas vidas, conduzindo o leitor entre a acção e o medo, o infortúnio e a redenção, com a perícia de um bailarino experiente.

 

Sobre o autor

Gustavo Santos nasceu em 1977, na cidade de Lisboa. Define-se como um homem de pessoas, palavras e afectos. Ao longo da vida, tem-se dedicado a diversas áreas profissionais, desde a representação à escrita, passando pela dança e, mais recentemente, pelo coaching. Na TV, participou em novelas como Floribella, Chiquititas, Vingança, Rebelde Way e Espírito Indomável; nas séries juvenis Morangos com Açúcar e Clube das Chaves, entre outras, e em programas de humor, como Camilo, o Presidente, Os Malucos do Riso, Câmara Café e Maré Alta. Estreou-se na peça “Aqui Há Fantasmas”, encenada por Rita Ribeiro. Foi campeão mundial de hip-hop, como bailarino, com o grupo Hexa, na cidade de Los Angeles (2001). Um ano depois, sagrou-se campeão nacional como coreógrafo, com o grupo UBK. Em 2009, concluiu o Certificado em Coaching Life & Business, na International Coach Federation. Actualmente apresenta o programa Querido, Mudei a Casa!, na TVI. No ano passado lançou Ama-te. Na Oficina do Livro editou Carta Branca e Os Laços Que nos Unem. A Dança da Vida foi o seu terceiro romance.

 

“A Dança da Vida”

Editora: Oficina do Livro

224 páginas

PVP 15,50€

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.