Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

a partir de 19 janeiro: Taguspark recebe Passado-Presente da fotojornalista Patrícia de Melo Moreira

Inauguração a 19 de janeiro, às 18H00, no Núcleo Central

 

 

Taguspark recebe Passado-Presente da fotojornalista Patrícia de Melo Moreira

 

©Patricia_de_Melo_Moreira01.jpg

Passado-Presente é a primeira exposição de fotografia a título individual, em Portugal, da fotojornalista Patrícia de Melo Moreira e vai estar em exposição no Núcleo Central do Taguspark, de 19 de janeiro a 18 de fevereiro. A entrada é gratuita.

 

A exposição que retrata o percurso feito pela fotojornalista, desde 2010 até ao presente, enquanto correspondente da Agence France Presse em Portugal, tem curadoria de Mário Cruz e é apresentada em parceria com a CC11 e Narrativa.

 

Nas palavras de Patrícia, o facto de Portugal não estar nas notícias da atualidade mundial permite-lhe focar-se em histórias com mais profundidade e que são menos mediáticas. Muitas, acabam por revelar um presente menos visível, não deixando de mostrar tradições e o legado histórico do país. A recente pandemia de Covid-19 evidenciou os pontos fortes e fracos da sociedade portuguesa: um povo unido e resiliente, mas que vive num país que ainda tem muito a evoluir no panorama europeu.

 

O curador da exposição Passado-Presente, Mário Cruz, refere que “as 31 fotografias nesta exposição ultrapassam a sua utilidade e função noticiosa na medida em que perduram no tempo, tendo, por isso, uma leitura intemporal e desprendida de acontecimentos noticiosos. Um dos desafios maiores que a fotografia enfrenta é o de permanecer na memória e dessa forma ser parte da história. Aqui, Patrícia de Melo Moreira dá o seu contributo através de fotografia cuidada, atenta e distinta”.

 

De entrada gratuita, a exposição insere-se na programação do MAU – Mudei de Arte Urbana, que tem por objetivo promover o pensamento crítico e contribuir para o bem-estar de quem visita e trabalha na Cidade no Conhecimento.

 

Notas biográficas: Patrícia de Melo Moreira nasceu em 1983, em Lisboa. Estudou fotojornalismo na ETIC. Em 2006 começou a trabalhar para revistas e jornais nacionais como freelancer e pouco depois tornou-se colaboradora da Agence France Presse (AFP). Em 2018 foi a primeira mulher a receber o Prémio Estação Imagem com o trabalho “Verão Negro”. Dois anos mais tarde foi nomeada para Fotógrafa do Ano de Agência pelo The Guardian e em 2021 apresentou no festival de fotojornalismo “Visa Pour l’Image, Perpignan, França, a exposição individual “My Portugal”. Passado-Presente é a sua primeira exposição individual em Portugal.

 

FICHA TÉCNICA

Título da exposição: Passado-Presente

Autora: Patrícia de Melo Moreira

Local: Núcleo Central do Taguspark

Data da Exposição: 19 de janeiro a 18 de fevereiro (de segunda-feira a sábado, entre as 9H00 e as 19H00)

Curador: Mário Cruz

Observações: Entrada gratuita