Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

abraham laboriel em Portugal / baixista de Michael Jackson

Abraham Laboriel em Portugal

Workshop | 7 de Outubro | 19H30

Abraham Laboriel, o baixista que colaborou com Michael Jackson, Aretha
Franklin, Ray Charles e uma lista inigualável de muitos outros nomes da
música, vem a Portugal!
Num evento inédito, o artista marca presença na Escola Superior de Música
de Lisboa, às 19H30, no próximo dia 7 de Outubro, para uma Workshop
imperdível promovido pela YAMAHA Music. A entrada é livre. Os lugares são
limitados, pelo que se requer uma pré-inscrição online.
Laboriel é um verdadeiro artesão do som, um músico que, entre o jazz e
fusão, trabalhou com um enorme conjunto de artistas e realizou milhares de
participações em gravações ao longo da extensa e extraordinária carreira.
Como exemplo, o inesquecível álbum de Michael Jackson, “Dangerous” (1991),
contou com o dedilhado de Laboriel em “Gone Too Soon”. Também “I’m
Breathless” (1990) de Madonna apresenta a marca do baixista veterano.
A lenda viva, cujo nome incontornável deixou a sua marca em mais de 4.000
discos ao longo de uma carreira épica, trocará ideias e ensinamentos com
os presentes. Em simultâneo, será apresentada a nova Série TRBX500 de
baixos YAMAHA.
Inscrições na página oficial da loja Musifex, parceira do evento:
http://www.musifex.pt/workshop_laboriel

Mais sobre Abraham Laboriel
Laboriel nasceu no México, em 1947, e estudou na Berklee School of Music.
Começou por estudar guitarra clássica mas, no início dos estudos na
Berklee, mudou para o baixo, o instrumento que masterizou até ao presente.
Realizou a primeira gravação com apenas 10 anos de idade juntamente com um
grupo de rock’n’roll da cidade onde nasceu e cresceu. Durante os primeiros
anos enquanto músico, ainda na adolescência, actuou por todo o país,
demonstrando, não só, o talento na música mas também na representação.
Em 1972, obteve um diploma em composição. Gravou, durante o curso, com o
vibrafonista e colega Gary Burton. Johnny mathis e michel Legrand foram
nomes com quem realizou digressões neste período. Mudou-se para Los
Angeles em 1976, persuadido pelo maestro e compositor Henry Mancini.
A mudança para Los Angeles ditou o início de uma carreira de sucesso em
estúdio, com colaborações com Aretha Franklin, Ella Fitzgerald, Elton
John, Dolly Parton, Billy Cobham, Herbie Hancock, Chris Isaak, Madonna,
Quincy Jones, Michael Jackson, Paul Simon, Ray Charles, Stevie Wonder e
muitos mais artistas de renome internacional.
A carreira de Laboriel, galardoada em 2005 pela Berklee College of Music
com um Doutoramento Honorário, conta, ainda, com a gravação de cinco
álbuns a solo e a fundação das bandas Friendship e Koinonia. O destaque do
percurso lendário do baixista é, no entanto, marcado como session player
de Michael Jackson e de uma interminável lista de nomes míticos da música.

Mais informações sobre o evento:
http://pt.yamaha.com/pt/news_events/artists/abraham_laboriel_em_lisboa_a_7_de_outubro/