Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Abril - programação AMAC

 

 

O Auditório Municipal Augusto Cabrita recebe, em abril, várias iniciativas culturais, tais como inauguração de exposições, cinema e música. O programa é o seguinte:

 

11 abril | sábado | 11h00 | Filminhos Infantis à Solta pelo País [Zero em Comportamento]

filminhos%20abril.JPG

 

Faixa Etária M/4

Duração – 50m

Ingresso - 2,00€

 

11 abril | sábado | 16h00 | Inaugurações simultâneas de exposições |Piso 1 

 

I_MATERIAL, Fotografias de Carlos Gote Matoso

Vencedor do Concurso do Mês da Fotografia 2014

Galeria Amarela

 

CGMatoso%20-%20OBJETOS%20I.jpg

 

I_Material é um projeto fotográfico desenvolvido em 2 séries de imagens e pequenos textos, que aborda as relações entre um Eu (sujeito) e a Matéria, explorando o subtil transformativo que as enlaça. Tem-se como ponto de partida a interrogação: "O que será realmente nosso?". Prevê-se a participação do interlocutor, com imagens e textos, para a ligação das 2 séries.

No final, o nome do projeto deverá ser descodificado para I MATERIAL IMMATERIAL, numa relação triangular dos 3 termos.

 

No Mundo das Fadas, Fotografias de Nuno Cabrita

Menção Honrosa do Concurso do Mês da Fotografia 2014

Galeria Branca

 

"Como fotógrafo, se é que o sou, nem tudo tem que estar perfeito e bem exposto, ou até mesmo imaculadamente visível e completo. “No mundo das fadas” nasce da observação do mundo imaginário das brincadeiras e livros das minhas filhas, onde existem seres, atmosferas e momentos mágicos. Aqui, onde imperam as silhuetas e o contra-luz, pretendo mostrar pequenos recantos, ambientes e instantes de uma área em concreto, a Reserva Natural do Barreiro. Desejo através de “No Mundo Das Fadas”, demonstrar que mesmo ladeado por uma forte pressão humana, ainda persistem locais que possuem uma atmosfera mágica, repletos de vida selvagem e com a capacidade de nos transportar para um mundo de fantasia, onde compensa desacelerar do ritmo quotidiano, e prestar atenção a pequenos pormenores que nos rodeiam, mas que, e tantas vezes nos passam despercebidos. "

Nuno Cabrita

 

O evento contará com a apresentação de ambos os projetos e com a presença do júri (Bruno Sequeira, José Soudo e José Manuel Ribeiro) que presidiu o concurso inserido na 1ª edição do Mês de Fotografia, que decorreu em novembro de 2014.

 

12 abril | domingo  | 16h00 | Boomwhackers | Oficina de Música

Os boomwhackers são tubos de plástico de diferentes tamanhos cores e de fácil manuseamento. A oficina consiste na aplicação do improviso, intuição musical e orquestração de diferentes ideias melódicas concretas vindas de outras sonoridades.

Faixa Etária M/7

Duração - 1h

Ingresso - 3,00€

 

21 abril | terça-feira | 10h00 | Cinema “O Super-Formiga” | Zero em Comportamento

o%20super-formiga.jpg

 

Ask Hasselbalch, Ficção, Dinamarca, 2013, Duração: 77’               

Faixa Etária – Alunos do 2º ciclo

Entrada livre, mediante marcação prévia

Inscrições: 212 068 230 ou cultura@cm-barreiro.pt

 

Pelle é um rapaz tímido de 12 anos que acidentalmente é picado por uma formiga e desenvolve super-poderes inimagináveis. Com a ajuda do seu amigo Wilhelm, nerd da BD, Pelle cria uma identidade secreta: O Super-Formiga, e torna-se num combatente do crime local. Quando um super-vilão, o Pulga, entra em cena, o Super-Formiga tem de estar à altura do desafio!

 

22 abril | quarta-feira | 10h00 | Cinema “O Mito Americano de Dormir Fora” | Zero em Comportamento

o%20mito%20americano%20de%20dormir%20fora2.jpg

 

David Robert Mitchell, Ficção, EUA, 2010, Duração: 93’

Faixa Etária – Alunos do 3º ciclo e secundário

Entrada livre, mediante marcação prévia

Inscrições: 212 068 230 ou cultura@cm-barreiro.pt

 

Esta história segue quatro jovens que procuram amor e aventura numa última noite de Verão: Maggie, Rob, Claudia e Scott atravessam caminhos à medida que exploram a América encantada dos subúrbios perseguindo primeiros beijos, paixonetas esquivas, a popularidade e festas. Andam à procura da icónica experiência da adolescência, mas em vez dela descobrem

os momentos tranquilos que mais tarde se hão de tornar a face da juventude que vão olhar com nostalgia.

 

Até 17 de maio | Das 14h00 às 20h00 | “Um Homem ao Acaso”, Exposição de pintura de Carlos Farinha |PISO 0 – Galeria Azul

 

um%20homem%20ao%20acaso_web.jpg

 

Carlos Farinha, natural de Santarém, nasceu em 1971. Vive e trabalha em Lisboa.

Licenciado em Artes Plásticas, vertente escultura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade Clássica de Lisboa, expõe regularmente desde 1990.

Representado em diversas coleções públicas e privadas, Carlos Farinha realiza e produz, continuamente, cenografias para o Festival de Banda Desenhada da Amadora, desde 1998. Co-fundador de "EPIPIderme, encontros a volta da Performance", em 2010 e pratica regularmente performances. Ganhou diversos prémios, sendo o último, uma Menção Honrosa na "Bienal Internacional de Artes Plásticas da Marinha Grande", em 2010.

De momento participa na exposição intitulada Kurdistan, em Dyiabakur, na Turquia

 

CMB

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.