Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Agostinho Santos leva grandes figuras da literatura portuguesa ao Espaço Miguel Torga

 

“Chamamento/Entre a escrita e a arte” é a exposição individual de Agostinho Santos que chega ao Espaço Miguel Torga, em São Martinho da Anta, Sabrosa, a 12 de Outubro. Desenho, pintura, escultura e livros de artista materializam a experiência de leitura e interpretação de grandes vultos da literatura portuguesa.

 

Até 31 de Dezembro, Vila Real recebe um conjunto de obras que expressam José Saramago, Fernando Pessoa, Valter Hugo Mãe, Miguel Torga, Manuel António Pina, Gonçalo M.Tavares, entre outros escritores e poetas, e que ganham corpo no traço de Agostinho Santos.

 

Com curadoria de Humberto Nelson, a exposição “Chamamento/Entre a escrita e a arte” resulta da experiência solitária de leitura do autor, num caminho de nuances de cores e formas que se manifestam em diferentes registos: “Um livro é também isto: o sumo, que me faz interpretar e me dá asas e me faz voar. Estes desenhos, estas pinturas foram construídas, criadas pela acomodação e pelos incómodos da leitura. Eis, então, o que resta das minhas subversivas memórias de leitura”, destaca Agostinho Santos.

 

Para António Manuel de Sousa Ribeiro da Graça, Vereador da Cultura da Câmara Municipal de Sabrosa, “a dinâmica cultural do município de Sabrosa passa muito por conseguirmos atrair ao Espaço Miguel Torga exposições que nos qualifiquem, que satisfaçam as pessoas que nos visitam e nos consolide nos roteiros culturais regionais e nacionais. Agostinho Santos e a sua obra, apreciada pela generalidade do público, tem também a particularidade de nos mostrar uma vertente mais pedagógica que poderá ser apreciada pelos nossos jovens e pela população escolar”, refere.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.