Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Arquitetura e Religião: Primeira Capela em formato de tenda

O novo templo foi construído para o Campo Nacional de Atividades Escutistas (23º ACANAC)

 

image001.jpg

 

O projeto da autoria do atelier Plano Humano Arquitetos, que conta com a assinatura dos arquitetos e antigos escuteiros Helena Vieira e Pedro Ferreira, pretende valorizar o ambiente intimista do local, aliado ao espírito escutista de comunhão com a natureza.

A nova capela encontra-se no Campo Nacional de Atividades Escutistas (CNAE) em Idanha-a-Nova e teve a sua cerimónia de dedicação durante o 23º ACANAC.

 

“Para além do formato de tenda, as formas apontam também para o próprio lenço escutista e o modo como este assenta no pescoço”, explica Helena Vieira, que sublinha também os sentimentos potenciados pelo lugar - “A proteção, o encontro, o silêncio perante a paisagem, tudo é espetacular perante este sistema de vistas tão interessante”.

 

 

Pedro Ferreira, que partilha a autoria do projeto, valoriza o ambiente criado sempre que a noite cai. “A luz, que parte de baixo e se projeta no conjunto e na grande cruz, valoriza estas dimensões”. Salienta também o trabalho de toda a equipa do seu atelier, e de todos os intervenientes que possibilitaram a concretização da Capela.

 

Para o padre Luís Marinho, a capela tem também uma simbologia especial - “Quisemos dotar esta capela dos símbolos que são próprios do escutismo e da liturgia católica e a forma de tenda com que ela se apresenta. A forma de uma tenda canadiana é muito reconhecível para qualquer escuteiro como para qualquer cristão, porque de facto nós dizemos o verbo de Deus encarnou ou acampou entre nós. Uma tenda de portas abertas também nesta linguagem própria de um espaço aberto, não só polivalente mas que possibilita entrarmos a qualquer dia, a qualquer hora e de aqui encontrarmos um momento de encontro com Deus e com a fé cristã.”

 

 

Este novo templo, dedicado a Nossa Senhora de Fátima, assenta numa estrutura de madeira, símbolo também das construções dos escuteiros, protegida apenas por um revestimento em zinco escuro. 

 

Sobre o atelier Plano Humano Arquitectos

 

O Plano Humano Arquitectos é um atelier de arquitetura fundado em 2008, pela dupla de arquitetos Helena Vieira e Pedro Ferreira, e está sediado em Lisboa, detendo atividade de norte a sul de Portugal, e também em Angola.

A materialidade é desde sempre uma das mais marcadas características da sua prática profissional, que continuadamente procura e explora novos materiais, técnicas e sistemas, no intuito de caracterizar os edifícios e os espaços, e aliá-los à vanguarda das novas técnicas e tecnologias.

A sua equipa jovem e determinada, firma-se no compromisso de entrega e investimento nos sonhos e projetos dos clientes desde o primeiro momento.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.