Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

BRAGA: ANTÓNIO GUTERRES, MARÇAL GRILO E LABORINHO LÚCIO EM ENCONTRO SOBRE EDUCAÇÃO, COM MAIS DE 1000 NA PLATEIA

A Arquidiocese de Braga aguarda a presença de mais de 1000 pessoas para assistir, amanhã, sexta-feira (21h00), à 2ª sessão do II Ciclo de Conferências "Olhares Sobre...", que contará com as presenças do ex-primeiro-ministro e actual candidato a secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, e dos ex-ministros da Educação e da Justiça, Eduardo Marçal Grilo e Álvaro Laborinho Lúcio, numa reflexão e debate sobre o estado actual e o futuro da Educação em Portugal, com moderação da jornalista Fátima Campos Ferreira.

Devido ao elevado número de inscrições (gratuitas) registadas no site do evento (www.novaagora.pt), este passará a ter lugar no Grande Auditório do Parque de Exposições de Braga, em vez do Auditório Vita, tal como inicialmente previsto.

Face ao crescente interesse que estas Conferências têm suscitado, a NOVA ÁGORA, plataforma criada pela Arquidiocese de Braga com o objectivo de promover discussões autênticas e abertas a toda a sociedade civil sobre as temáticas que mais influenciam a actualidade, tem disponibilizado a sua transmissão online, também a partir do endereço www.novaagora.pt, onde se mantêm depois disponíveis, para acesso em diferido.

Recorde-se que na sessão inaugural deste Ciclo de Conferências, realizada na passada sexta-feira, o Auditório Vita, em Braga, lotou por completo, tendo mais de 500 pessoas assistido a um encontro sobre as grandes questões do mundo laboral, que contou com a moderação do ex-líder do PSD, Luís Marques Mendes, e com as participações do ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, do ex-sindicalista Carvalho da Silva e de Gonçalo Lobo Xavier, vice-presidente do CESE (Conselho Económico e Social Europeu).

O II Ciclo de Conferências "Olhares Sobre..." encerra na semana seguinte, a 11 de Março, com o último debate a incidir sobre o estado da Arte em Portugal, tendo como convidados o escultor Rui Chafes, vencedor do Prémio Pessoa 2015, o escritor Mário Cláudio e Pedro Sobrado, dramaturgista do Teatro Nacional S. João, com moderação da jornalista Maria João Costa.