Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Câmara Municipal de Palmela | Palmela e Silves celebram protocolo

 

_%20043.jpg

 

 

    Os Municípios de Palmela e de  Silves vão colaborar na concretização de uma estratégia promocional e de um programa de atividades conjuntas para o desenvolvimento turístico. O protocolo de cooperação entre os dois municípios foi celebrado dia 26 de fevereiro, na Bolsa de Turismo de Lisboa.

    Na ocasião, o Presidente da Câmara Municipal de Palmela, Álvaro Balseiro Amaro, enquadrou a formalização desta parceria, realçando o facto de que ambos os Municípios dispõem de «riquíssimos recursos naturais, culturais e humanos, reconhecidos nos planos nacional e internacional, capazes de se constituírem como verdadeiros produtos turísticos, dinamizadores das nossas economias», além de partilharem «grandes afinidades históricas e culturais, e uma visão estratégica sobre a importância do desenvolvimento turístico». Convicto de que este protocolo é um bom documento estratégico, o Presidente revelou que será, agora, operacionalizado através de um plano de ação, a construir pelos Municípios, mas também pelos diversos agentes dos seus territórios.

    A permuta de conhecimento e experiências, no âmbito do Turismo Cultural, Turismo de Natureza, Gastronomia, Vinhos e Golfe, em áreas como a gestão de produtos turísticos, a organização e promoção de eventos, a organização de certames ou a criação de roteiros turísticos são alguns dos objetivos centrais desta parceria, que se concretizará, desde já, no intercâmbio de participações nos principais certames dos seus calendários turísticos e culturais.

    Incentivar a cooperação entre agentes turísticos públicos e privados, fomentar sinergias no plano da comunicação e do marketing turístico e desenvolver projetos conjuntos, com vista a candidaturas a fontes de financiamento, são mais alguns dos objetivos da cooperação entre os dois municípios, que pretendem potenciar a sua atratividade enquanto destinos turísticos privilegiados e obter vantagens no intercâmbio entre as duas maiores regiões turísticas nacionais: o Algarve e a Área Metropolitana de Lisboa.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.