Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Casa do Coreto - Março 2017

 

 

image004.jpg

 

CONTA-ME UMA HISTÓRIA

11 e 12 Março

Sábado 16h00

Domingo 11h30

Reservas: 938018777 | 966046448 

 

image003.jpg

 

Conta-me uma história

M/4 Teatro

Conta-me uma História é o que nos pedem as crianças quando se vão deitar. E também foi, com certeza, o que pedimos aos nossos pais quando éramos crianças. O espetáculo quer refletir esse presente, o momento de comunhão em que todos são atores e espetadores, contadores de histórias e personagens, relembrando à família o seu importante papel na relação  do momento.

Conta-me uma História é feito, pois,  das histórias que a Inês vai co(a)ntando, com o apoio dos seus brinquedos e objetos, em que  envolve as crianças-público de uma forma viva e dinâmica, fazendo até com que se confundam os lugares e os papéis cénicos! Quem são os atores e quem serão os espetadores? Onde estamos, afinal? Num teatro a ouvir histórias ou no meio de um naufrágio perigoso? Sentados numa almofada confortável ou num tapete que nos transporta para dentro de um desenho? Calados e a sorrir pela janela da narrativa ou fazendo parte da canção, criando os mundos sonoros da fantástica infância?

 

Texto: Pedro Branco e Inês Fouto

Interpretação: Inês Fouto

Músico intérprete: Pedro Branco

Colaboração cenografia: Mafalda Milhões

Desing Gráfico: Rita Rosa Pico

Produção: CENAS teatro e animação

 

 

STÓRIAS DE CÁ!

11 Março

Sábado 21h30

Reservas: 938018777 | 966046448 

 

image006.jpg

 

Stórias de cá!

Contos

Duração: 45 minutos

 

Adriano Reis, para além de trazer-nos  stórias de lá com sabor a ink´menda D´Terra d´Sódade,  contar-nos-à também storias de Cá.

 

São stórias curtas, verídicas e cómicas que retratam a da comunidade imigrante em Portugal e não só...os tais excêntricos figuras de fazer rir até cair ou lado.  Eis a questão que juntos vamos descobrir ouvindo a verdadeira storia dos imigrantes ex-milionários...eu posso conta-los e vocês? arriscam?

 

ADRIANO REIS é Actor, Trabalhador Socio Cultural e Contador de Storias de Lá…Cá! que a paixão e o amor pelas a estórias cativou-lhe a transmissão da palavra, partilhando a sua identidade crioula (Africana) é neste caminho que encontrou para trabalhar a educação e integração pela a diversidade e diálogo intercultural nas escolas e comunidades no geral.

 

 

 

GARGALHADAS NA LUA.

17, 18 e 19 Março

Reservas: 938018777 | 966046448 

 

image007.jpg

 

 

Gargalhadas na Lua - Mostra de Humor e Comicidade

De 16 a 19 de Março espetáculos, oficinas e conversas marcarão esta primeira edição de um evento que pretende trazer o humor e a boa disposição à comunidade da freguesia lisboeta.

 

O PROGRAMA

 

17 - Sexta-feira

21h00 - Gargalhadas Curtas

21h15 - Espetáculo 60 minutos (maiores de 12)/ palco: MADAME KILL com Eva Ribeiro

 

18 - Sábado

Manhã - Divulgação com os palhaç@s nas ruas de Carnide

15h00 - Espetáculo público familiar/ na Rua: Cia Bipolar "A Maquina dos Desejos"

16h00 - Espetáculo público familiar/ na Rua: Mica Paprika "Paprika Gourmet"

21h00 - Gargalhadas Curtas

21h15 - Espetáculo (maiores 12)/ palco: A Cadeira com Anabela Mira

 

19 - Domingo

11h30 - Espetáculo público familiar/palco: Em directo TV Show com Oli&Mary

16h00 - Gargalhadas Curtas

16h15 - Espetáculo público familiar/palco: Chou! com Catarina Mota

17h30 - Conversa "O humor e a comicidade em Portugal: que territórios, que questões?" com artistas da mostra, convidados e público.

 

Encerramento da Mostra

 

Atividades paralelas

Oficina de Comédia – Clown e Improviso

com Eva Ribeiro

para alunos do ensino secundário – datas e local a definir

Visita ao lar de idosos pelo projeto A Visita;

Quinta-feira, 16 de Março, 10h30

 

Organização: Lua Cheia teatro para todos em parceria com Eva Ribeiro e Catarina Mota.

 

 

CANTO DO CISNE… OU TALVEZ NÃO

24, 25, 31 Março 1 Abril

Sextas e Sábados às 21h30

Reservas: 938018777 | 966046448 

 

 

Canto do Cisne… ou talvez não

Demonstração dramática

M/16 Teatro         

Duração: 45 minutos

 

image008.jpg

 

Um palco vazio é o cenário da adaptação realizada por Álvaro Cordeiro do conto “O canto do cisne” de Anton Tchekov.

Certa noite um actor de idade avançada acorda sozinho no palco e começa a recordar décadas de carreira e percebe que o seu tempo já passou. Assombrado pela misteriosa figura do “ponto”, alterna o seu estado de espírito entre o medo, a confusão, nostalgia e paixão pelos textos e personagens de Shakespeare onde reencontra o fulgor de antigamente… ou talvez não.

 

Adaptação livre de “O Canto do cisne” de Antón Tchekov, por Álvaro Cordeiro

Encenação e interpretação: Paulo Vaz

Direcção de actores e produção: Vicente Morais

Grupo Flor na Boca Projectos

 

 

 

À PROCURA DO Ó-Ò PERDIDO

26 Março

Domingo 11h30

Reservas: 938018777 | 966046448 

 

image005.jpg

 

À Procura do Ó-Ó Perdido

M/1 Para todos os públicos Teatro

Duração: 45 minutos

 

Um bebé adormece no pequeno jardim. Durante o sono, um passarinho apodera-se do seu ó-ó branco e macio e leva-o para longe no céu.

Quando acorda, o bebé não fica nada contente. Propõem-lhe outros ó-ós, mas um ó-ó não se substitui.

Com a ajuda do ar, da água, do fogo e do contador de histórias, o bebé, depois de várias aventuras, reencontra o seu querido ó-ó.

 

EQUIPA ARTÍSTICA e TÉCNICA

Texto e Encenação PascalSanvic Assistência de Encenação Maria João Trindade Interpretação Catarina Mota Música Cristiano Barata Desenho de Luz Ana Sofia Montez Programa e Cartaz Danuta Wojciechowska Fotografia Niza de Melo Falcão Divulgação Ana Enes Produção Lua Cheia teatro para todos