Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Cendrev | teatro, uma linguagem universal | Outubro

CICLO DE TEATRO ESPANHOL

cabecalhoOUTUBRO.jpg

 


No âmbito do Circuito Ibérico de Artes Cénicas, o Ciclo de Teatro Espanhol está de regresso ao Teatro Garcia de Resende.
O circuito conta com o envolvimento de companhias portuguesas e espanholas e visa desenvolver as relações teatrais no espaço ibérico, contribuindo dessa forma, para aproximar estas duas realidades, através de um maior conhecimento da produção teatral do país vizinho e da circulação do nosso trabalho em Espanha, numa manifestação clara e inequívoca do interesse nas relações transfronteiriças.


 Dia 10, às 21h30 - “María Zambrano La palabra danzante”, Karlik Danza Teatro 

A Companhia Karlik Danza Teatro, no âmbito do seu 25.º aniversário, decidiu homenagear a filósofa espanhola María Zambrano, a primeira mulher a receber o prémio Miguel de Cervantes da Literatura (1988). Esta Companhia convida-nos a conhecer a figura de María Zambrano como mulher, pensadora, criadora da palavra dançante, da imagem e da metáfora.

encenação e dramaturgia Cristina D. Silveira | interpretação Elena Sánchez Nevado e Lara Martorán


 Dia 12, às 21h30 - “La otra mano de Cervantes”, Teatro La Fundición 

Almas em movimento. Realidade, humor, ironia e fantasia. Setembro de 1597, dezanove anos antes da sua morte, Cervantes é preso no Cárcel Real de Sevilha, onde segundo a sua própria voz, engendrou Don Quijote de la Mancha. 
Esta obra de Blasco Vilches é uma aproximação aos espectadores de hoje da figura mais importante da literatura espanhola, através da encenação de Pedro Álvarez-Ossorio.


encenação Pedro Álvarez-Ossorio | interpretação Sebastián Haro, Jasio Velasco e Carmen García Moreno

 Dia 14, às 21h30 - “Un encuentro con Miguel Hernandez”, Teatro Guirigai 

Como mestres de cerimónia, três actores convidam o espectador a encontrar-se com momentos vitais da vida de Miguel Hernandez, um dos poetas mais conhecidos do público espanhol e que acompanhou diferentes gerações nas décadas mais obscuras do franquismo até à transição para a democracia.

encenação e dramaturgia Agustín Iglesias | interpretação Magda Gª – Arenal, Raúl Rodriguez e Jesús Peñas

BILHETEIRA
preço normal: 6€ | Sócios do Sindicato dos Professores da Zona Sul (SPZS): 4€ | até aos 12 anos, Estudantes, + 65 anos, Reformados/Pensionistas, Funcionários da C.M.Évora, Grupos Escolares e outros de + de 12 pessoas: 3€
Funciona o Cartão PassaporTeatro e Cartão PassaporTeatro Sénior


ESPECTÁCULOS EM DIGRESSÃO

Naque.jpg

 _ ÑAQUE, OU SOBRE PIOLHOS E ACTORES

Uma comédia sobre o teatro em si mesmo, uma divertida peça que retrata a relação dos actores com o público, que faz valer a pena ser público no teatro.
A peça mostra-nos Rios e Solano que arrastando uma velha arca que guarda todo o aparato teatral, chegam ao “aqui” e “agora” da representação, procedentes de um longo vagabundear através do espaço e do tempo. Hão-de apresentar perante o público um tosco espectáculo, mas o cansaço, as dúvidas e os temores atrasam, interrompem uma e outra vez a actuação, num diálogo deliberado que os aparenta a Vladimiro e Estragón, os amigos clowns de Samuel Beckett.


 6 de Outubro – às 21h30 
 Auditório do Teatro das Beiras, Covilhã 

 

_ BONECOS DE SANTO ALEIXO

BONECOS.jpg

 



Os Bonecos de Santo Aleixo, são títeres de varão manipulados por “uma família”, constituída por actores profissionais, que garantem a permanência do espectáculo, assegurando assim a continuidade desta expressão artística alentejana.

 7 de Outubro – às 21h30 
 Centro de Artes de Águeda, no âmbito do Festival “O Gesto Orelhudo” 

 15 de Outubro – às 11h30 
 Teatro Rivoli, no âmbito do FIMP -  Festival Internacional de Marionetas do Porto