Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

“Cinzento e Negro” selecionado para o Festival Caminhos do Cinema Português

 

A longa-metragem “Cinzento e Negro”, produzida pela Fado Filmes, com realização de Luis Filipe Rocha, foi selecionada para integrar o Festival Caminhos do Cinema Português que se realiza entre 27 de novembro e 5 de dezembro, em Coimbra.

A história vulcânica de “Cinzento e Negro” integra a 21ª edição do festival que apenas exibe filmes portugueses, na competição Seleção Caminhos.

O filme regressa assim ao distrito de Coimbra onde, em setembro, foi o grande vencedor do Festival de Cinema Figueira Filme Art (FFA), recebendo os prémios de melhor longa-metragem, melhor realização ex-aequo e melhor argumento (Luís Filipe Rocha), melhor atriz principal (Joana Bárcia) e melhor fotografia (André Szankoski).

A nível internacional a longa-metragem esteve em concurso no Festival dos Cinemas do Mundo de Montreal, no Canadá, e na 39ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, no Brasil, país co-produtor do filme.

Para a Fado Filmes a participação no Festival Caminhos do Cinema Português não é uma estreia, tendo recebido prémios do público noutras edições do festival pelos filmes Elas, Dot.com, Nha Fala.

“Cinzento e Negro” é uma co-produção da Fado Filmes com a Luz Mágica Produções (Brasil) que contou com o apoio do ICA, do Governo Regional dos Açores, da ANCINE, da Ibermedia, e ainda da Lisboa Film Commission/Câmara Municipal de Lisboa, da Câmara Municipal da Horta e da SATA.

Veja o trailer em http://www.fadofilmes.pt/greyandblack/

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.