Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Coliseu Porto agora é “Coliseu Porto Ageas”

image010.jpg

 

O Grupo Ageas Portugal estabeleceu uma nova e importante parceria com o Coliseu Porto, que entre várias outras vertentes, adquire a partir de hoje o nome “Coliseu Porto Ageas”.

O Grupo Ageas Portugal tem apostado fortemente na Cultura e Artes como eixo estratégico de posicionamento de marca, aliando objetivos de notoriedade, a um forte contributo para o desenvolvimento da sociedade, especificamente neste campo.

São várias as parcerias que têm sido estabelecidas nesse sentido: a Escola de Belas Artes para desafiar jovens talentos a expor no espaço Cultura Ageas (no edifício do Parque das Nações), a Casa da Música para o lançamento do “prémio Novos Talentos Ageas” - que culminará no dia 5 de maio com um grande Concerto Ageas -, ou a presença ativa em festivais de música e de artes de referência nacional (ex. Festival das Artes de Coimbra e Festival de Marvão). Constantemente buscamos novas oportunidades para que possamos reforçar ainda mais esta nossa aposta e marcar a diferença no mercado.

A parceria foi apresentada esta manhã em Conferência de Imprensa no Coliseu, onde estiveram presentes Rui Moreira, Presidente da Câmara Municipal do Porto, Eduardo Paz Barroso, Presidente do Coliseu, e Steven Braekeveldt, CEO do Grupo Ageas Portugal.

 

“Ter o Coliseu como parceiro, presente e futuro, foi uma escolha óbvia. Pelo simbolismo e pela diversidade, mas também pela evolução e visão futura que se pretende para este espaço, pelo que achamos que será a união perfeita. Orgulhamo-nos muito desta parceria e estamos fortemente empenhados em contribuir para que o Coliseu continue a ser uma referência na cultura nacional”. Referiu Steven Braekeveldtdurante a apresentação.

“O mais importante associado privado fundador do Coliseu, a Ageas, reconheceu e apreciou todo o trabalho, estratégia, resultados e qualidade da programação que este teatro tem desenvolvido desde 2014 com evidente sucesso”, disse esta manhã Eduardo Paz Barroso, presidente do Coliseu, em conferência de imprensa. A ligação entre as duas instituições “é fruto da importância do Coliseu e do bom trabalho que está a ser feito, e é vital que ele continue”. Esta solução contou com a ajuda empenhada do presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira.

 

O Grupo Ageas Portugal alia-se assim a um projeto e a uma visão futura que se pretende para este espaço, estando fortemente empenhado em contribuir para que o Coliseu seja cada vez mais, uma referência na cultura nacional e um motivo de orgulho para a população do Porto.

 

SOBRE O GRUPO AGEAS

A Ageas é um grupo segurador internacional, sediado em Bruxelas, com 190 anos de experiência. Presente em 15 países da Europa e da Ásia, a empresa propõe soluções de seguros de Vida e Não Vida a milhões de clientes particulares e empresas. A Ageas ajuda os seus Clientes a gerir, antecipar e proteger-se contra os riscos através de um conjunto alargado de seguros concebidos para responder às suas necessidades, presentes e futuras. A Ageas é um dos maiores grupos seguradores europeus e encontra-se entre as principais seguradoras na maioria dos países onde se encontra, contando com mais de 13.000 Colaboradores.

A Ageas é uma das empresas líderes no ranking segurador português, operando desde 2005 através de marcas conhecidas como a Ocidental e a Médis, de uma joint venture com o Banco Millennium BCP, tendo-se juntado também à Ageas Seguros e à Direct – Seguro Directo em 2016.

           

SOBRE O COLISEU PORTO

Construído pela companhia de seguros Garantia, o Coliseu Porto abriu as suas portas ao público pela primeira vez a 19 de dezembro de 1941 com um Sarau de Gala. Desde logo a programação deu particular atenção à ópera, ao ballet e aos espetáculos de variedades. Um ecletismo que faz parte do ADN desta sala. Desde 1996 que é propriedade da Associação dos Amigos do Coliseu do Porto, sem fins lucrativos e com estatuto de utilidade pública. Em 2017, o Coliseu recebeu 83 espetáculos e 240 sessões, num total de 240 mil espectadores.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.