Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Conceitos e Dispositivos de Criação em Artes Performativas

view.jpg

 

Conceitos e Dispositivos de Criação nas Artes Performativas (novembro 2015 a julho 2016) coloca simultaneamente no campo da criação e da reflexão um tema que define de modo crescente a arte contemporânea e as artes performativas em particular. Conceitos e dispositivos são hoje um poderoso motor de criação artística, marcado pela transdisciplinaridade, pela dinâmica intermédia, pela valorização de suportes e materiais, presente ainda em expressões artísticas como o teatro, a dança, a performance, a instalação, a arte digital e as artes plásticas. O Ciclo inclui a estreia, apresentação e reposição de criações de artistas emergentes (Urândia Aragão; Frederico Dinis), e a apresentação de autores consagrados (Patrícia Portela, Jorge Andrade, Chris Thorpe). Integra ainda a reflexão sobre a criação local e internacional, a edição em livro, a gravação de dez entrevistas de referência e a partilha direta de experiências em regime de seminário.

 

Destacamos o Congresso Internacional com o mesmo nome do Ciclo, a acontecer entre os dias 26 e 28 de novembro.

 

Coprodutores Teatro Académico de Gil Vicente / Pensamento Voador

Parceiros Centro de Dramaturgia Contemporânea/TAGV, Universidade de Évora, Festival Alkantara, PACT Zollverein Essen, Anneblume Editora, Imprensa da Universidade de Coimbra, Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX – CEIS20, Sonoscopia, Galeria Santa Clara

Apoio direto pontual Direção-Geral das Artes (DG Artes)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.