Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Concurso Internacional de Ideias – Europan 13 | Projetos vencedores para estação Ferro-Fluvial no Barreiro, Mercado Municipal em Santo Tirso e Azenha do Mar em Odemira, em exposição no Auditório Municipal Augusto Cabrita

 

 

Concurso%20Internacional%20de%20Ideias-Europan%201

 

Projetos vencedores para estação Ferro-Fluvial no Barreiro, Mercado Municipal em Santo Tirso e Azenha do Mar em Odemira, em exposição no Auditório Municipal Augusto Cabrita

 

Foram muitas as personalidades que marcaram presença na inauguração da exposição final Europan 13, durante a tarde de ontem, segunda-feira, 22 de fevereiro, no Auditório Municipal Augusto Cabrita (AMAC), no Barreiro, com trabalhos submetidos a este Concurso Internacional de Ideias, dirigido a equipas de arquitetos e outros profissionais com menos de 40 anos. Ainda durante o período da manhã, dezenas de personalidades convidadas já se encontravam no Concelho da margem sul do Tejo, para visita à área de projeto a concurso. À tarde, os presentes visitaram a mostra, guiada pelo Presidente da Associação Europan Portugal, Pedro Brandão, após o que se procedeu à apresentação das respetivas áreas.

 

A Exposição está patente ao público até 28 de fevereiro, com as 25 propostas apresentadas para o Barreiro, assinadas por jovens arquitetos de diversas nacionalidades, e as melhores propostas selecionadas pelo júri para Odemira e Santo Tirso, os restantes municípios portugueses a concurso.

 

O Barreiro colocou a concurso a área da Antiga Estação Ferro-Fluvial do Sul e Sueste e espaços contíguos. Odemira, o lugar da Azenha do Mar e Santo Tirso, o Mercado Municipal. Para o sítio do Barreiro, foi atribuído um Prémio, a uma equipa de arquitetos de Paris/França, uma Menção Honrosa, a equipa de Roma/Itália, e uma Citação Especial, a equipa de Almada/Portugal. Na Azenha do Mar/Odemira: Prémio (Bari, Itália); Menção Honrosa (Bonarcado, Itália) e Citação Especial (Atenas, Grécia). Santo Tirso: Prémio (Amsterdão, Holanda); Menção Honrosa (Cocentaina, Espanha); e Citação Especial (A Coruña, Espanha).

 

Desafios de grande dimensão

 

“O Barreiro tem desafios de grande dimensão nos próximos tempos”, reconheceu o Vereador da Câmara Municipal do Barreiro (CMB) com o Planeamento, Ambiente e Mobilidade no lançamento dos trabalhos do período da tarde. Rui Lopo falou da redução em cerca de vinte mil dos habitantes do Concelho – que, durante muito tempo, foi um polo atractor de mão-de-obra –, e a consequente necessidade de dinamização de espaços que foram sendo desocupados – “espaços que, no passado, cosiam a cidade”. O responsável disse, ainda assim, não considerar esta questão um “problema” mas, mais, um “desafio”.

 

O Presidente da Associação Europan Portugal anunciou, já, o tema do Concurso do próximo ano (14), que será “A Cidade Produtiva”, lançando o repto aos municípios portugueses participantes este ano: “Também diz muito às três cidades que aqui estão”. Foram cinquenta as cidades europeias participantes nesta edição, oriundas de 15 países, sendo que Portugal esteve em nove das 13 edições. Pedro Brandão sublinhou o “ambiente de intercâmbio que caracteriza esta iniciativa”.

 

Uma das mais-valias da participação no Concurso, na opinião do Chefe da Divisão de Gestão e Regeneração Urbana da CMB, é permitir a atenção e reflexão sobre o espaço, – no caso do Barreiro, que perdeu o seu uso inicial –, e pensar na melhor forma de o reabilitar. No que se fizer, acrescentou Luís Araújo, que seja com “qualidade, que seja qualificador e ajude o processo requalificativo a ganhar força para atingir os objetivos estratégicos”.

 

“As cidades existem para as pessoas e só as pessoas são a razão de existência das cidades e não o inverso”, portanto, referiu o Presidente da CMB, o urbanismo não se pode desligar das pessoas. Carlos Humberto de Carvalho reiterou as palavras de Rui Lopo sobre as consequências nefastas da queda de população e os “esqueletos” das respetivas habitações e antigas fábricas que ficaram. Emprego e acessibilidades são, para o responsável, questões nucleares. Uma, disse, leva à resolução ou atenuação da outra.

 

A Diretora de Departamento da Câmara Municipal (CM) de Santo Tirso, Conceição Melo, e o Vereador da CM de Odemira, Pedro Ramos, apresentaram as respetivas áreas a concurso, assim como os projetos distinguidos, tendo a equipa italiana de Bari, que obteve o Prémio da localidade alentejana, apresentado as suas ideias para o local.

 

Inserido no calendário de atividades da exibição da Exposição Final “Europan 13”, realizam-se, ainda, também no AMAC, hoje, terça-feira, 23 de fevereiro, pelas 21h00, uma reunião do Conselho Local Reabilitação Urbana e, amanhã, dia 24, igualmente pelas 21h00, uma sessão no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano.

 

 

CMB

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.