Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Conferências do Trindade | Bárbara Bulhosa - 20 de Setembro 18h30 Teatro da Trindade

image003.jpg

 

A EDIÇÃO DE LIVROS EM PORTUGAL

por Bárbara Bulhosa

20 set Ter - 18:30       ENTRADA LIVRE 

 

image004.jpg

 

O que é que se passa no campo da edição em Portugal? Bárbara Bulhosa, fundadora da Editora Tinta da China,   irá  trazer-nos a sua perspetiva.

 

A próxima sessão das Conferências do Trindade,  que em 2016,  na sua terceira edição, promove um  ciclo dedicado à arte, cultura e conhecimento, é dedicada à literatura e muito especificamente ao mercado editorial.

Temos assistido nos últimos anos a profundas modificações na área da edição de livros, com a disputa de grandes grupos editoriais tentando lutar por posições hegemónicas, em paralelo com a capacidade de afirmação de novos projectos editoriais independentes. Pela forma muito singular como conhece o mercado editorial e livreiro em Portugal, desafiámos Bárbara Bulhosa a trazer-nos a sua perspectiva pessoal sobre esta efervescência editorial.

Lembramos que nas anteriores sessões deste ano contámos com a presença de Tiago Rodrigues, Alexandre Quintanilha, Jorge Silva e Mário Caeiro e depois de Bárbara Bulhosa ainda teremos  Maria Filomena Molder (Novembro) e Ana Pais (Dezembro)


Bárbara Bulhosa nasceu em 1972, em Lisboa. É licenciada em História pela Universidade Nova de Lisboa e tem uma pós-graduação em Técnicas Editoriais pela Universidade de Lisboa. Durante oito anos trabalhou na Bulhosa Livreiros, uma das maiores cadeias de livrarias em Portugal, onde foi directora de recursos humanos, relações públicas e responsável pela importação de livros estrangeiros. Em 2005 fundou a Tinta-da-china e, em 2010, a Tinta-da-china Brasil, dirigindo ambas desde então.

PRÓXIMAS CONFERÊNCIAS

Maria Filomena Molder O HOMEM  QUE NÃO SE CONSEGUIA ESQUECER 22 Novembro
Ana Pais ATIVAR, ESCUTAR E SURFAR OU O TEATRO COMO PRÁTICA DE SENTIR 13 Dezembro 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.