Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

"De Abril a Abril"

cartaz De Abril a Abril.png

De Abril a Abril

Um homem, demasiado jovem para assistido ao 25 de Abril, ensaia um solilóquio sobre o que a revolução significa para ele hoje, enquanto escuta músicas de tributo à liberdade, interpretadas por Piano e Voz (Tiago Barbosa), Percussão (Ricardo Daniel) e guitarras (Pedro Soares). Surge outra personagem a quem a música desperta emoções e perspectivas antagónicas e enceta o diálogo: Uma, vive apaixonadamente as conquistas de Abril; a outra, cínica e desencantada, não entende nem se interessa. Será preciso reinventar Abril?

 

O público selecciona então de um baú as últimas músicas, canções que nos fazem lembrar Abril… e antes do cair do pano, sozinho em cena, a personagem inicial recria um texto histórico: O genial F.M.I. de José Mário Branco, interpretado com a força, a urgência e a importância de quem acredita que Abril tem de ser hoje, amanhã e sempre!

Datas:

25 e 27 de Abril às 21h30 e 28 de Abril às 16h00 no Auditório Carlos Paredes, Benfica

1, 2 e 3 de Maio às 21h30 no Palácio Flor da Murta, Oeiras.

Ideia Original: RevolutionArt

Texto Original: Liberto Luso

Actores: Helena Ávila, José Coelho

Direcção de Actores: Carlos Paiva

Banda Baú: Tiago Barbosa, Ricardo Daniel, Pedro Soares

Direcção Musical: Tiago Barbosa

Produção Executiva: Maria Ramires

Produção: Cenas&Quê / RevolutionArt

Informações e Reservas: cenaseque@gmail.com

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.