Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

DOC REGRESSA AO AXN COM SEGUNDA TEMPORADA

Dr. Fanti trouxe-nos, em 2020, uma história de resiliência ímpar, baseada num acontecimento real, onde um médico perde as suas memórias dos últimos 12 anos após um acidente. Em 2022, o Doutor italiano mais cobiçado do AXN está de volta, juntamente com a sua equipa, para a estreia da segunda temporada de “DOC” 

A partir de dia 1 de fevereiro, a consulta AXN está marcada para todas as terças-feiras, pelas 22h50, no Policlinico Ambrosiano de Milão, com o Dr. Andrea Fanti (Luca Argentero), acompanhado da Dra. Giulia Giordano (Matilde Gioli), Dr. Lorenzo Lazzarini (Gianmarco Saurino), Dr. Riccardo Bonvegna (Pierpaolo Spollon), Dr. Gabriel Kidane (Alberto Boubakar Malanchino) e a Dra. Alba Patrizi (Silvia Mazzieri). 

Na primeira temporada, assistimos a um crescimento de Dr.Fanti onde, passo a passo, redescobriu o seu amor pela medicina, abandonando a atitude pouco empática que lhe era tão característica. Apesar de ser um simples assistente, devido à sua condição de paciente com amnésia, acaba por se tornar crucial em certos casos clínicos, fazendo a diferença no diagnóstico final de alguns pacientes.  

O final da primeira temporada ficou marcado pela sua indecisão entre duas mulheres -  Agnese, a esposa de quem ele não se lembrava de se ter divorciado e que continua a amar, e Giulia, a assistente com quem descobriu que tinha iniciado uma relação esquecida com o acidente – mas também pelo impasse em que, acusado injustamente de forma estratégica por um dos seus colegas da Direção do Hospital, terá de abandonar o Policlinico e parar de exercer medicina. 

 

Para esta segunda temporada, voltamos a encontrar Andrea Fanti no hospital, numa fase de resiliência e de esperança após um período mais conturbado para todos. É uma temporada carregada de emoções, onde o principal mote é cuidar. Nesta nova fase, cada um dos protagonistas irá deparar-se com escolhas decisivas para o seu percurso, relativas não só à vida profissional como à vida pessoal. 

Após o regresso a uma nova normalidade, não só o futuro de DOC se encontra ameaçado, como a de todo o departamento, que vê a sua existência posta em causa. Depois de descoberta a verdade e de Marco Sardoni ser detido, há uma nova médica encarregue do departamento. Esta nova aparição vai obrigar Doc a defender a sua equipa e o seu método de trabalho, baseado na relação empática com os pacientes e contrariando as novas ordens da sua superior, enquanto tenta tornar-se médico chefe outra vez. Isso significa que terá de voltar a estudar quais os avanços da medicina nos últimos 12 anos, lidar com a sua falta de capacidade para filtrar ideias e, ainda, tentar guardar com um segredo grave que permanece guardado durante toda a temporada.  

 

AS NOVAS PERSONAGENS 

Cecilia Tedeschi (Alice Arcuri) chega a Milão como como especialista em doenças infeciosas. Ganha um papel de destaque tornando-se a principal rival de Doc, na luta pela posição de chefe de departamento. Com uma atitude completamente contrária à de Fanti, Cecilia acredita que o contacto com os pacientes deve ser o mínimo possível, para evitar contágios ou possíveis ligações emocionais. Percebemos também, aos poucos, que há uma ligação passada entre Cecilia, Agnese e Andrea, que vem dos tempos de faculdade e que em muito vai influenciar a história. 

Damiano Cesconi (Marco Rossetti) é um dos novos internos que encara o hospital como o sitio onde exerce a sua profissão e nada mais. É desapegado e não tem a confiança do restante grupo de internos devido às suas atitudes. No entanto, a personalidade de Giulia e a sua dedicação à medicina não o deixam indiferente e vão testar o cinismo após anos de trabalho e, especialmente, após os longos intensos meses de pandemia. 

Edoardo Valenti (Gaetano Bruno) é o novo cirurgião do hospital e que encara a medicina como ela é – um trabalho prático sem sentimentos à mistura. Confiante e com um grande espírito prático, vê toda a sua visão alterada após ter trabalhado durante o período pandémico. É esta atitude de que “um cirurgião não salva vidas, apenas conserta corpos” que vai fascinar Carolina, filha de Andrea, para qual Edoardo se tornará um ídolo inesperado. 

 - Lucia Ferrari (Giusy Buscemi) é a nova psicóloga contratada para ajudar os médicos nas perturbações de stress pós-traumático e tentar, aos poucos, ajudar todos a voltar à normalidade. Braço direito de Enrico Sandri, perceve que os pacientes precisam de se sentir protegidos e escutados na sua dor. É numa consulta com Gabriel que vê a sua vida dentro do hospital mudar pois, além de o ajudar a retomar a sua vida, ele vai ajudá-la a descobrir o amor por si própria e a enfrentar fantasmas. 

Umberto Caruso (Massimo Rigo) advogado, chega até ao Policlinico Ambrosiano de Milão para se tornar Diretor Administrativo, encarregue de encontrar todo o financiamento indispensável para o hospital. Vai ser o responsável pela investigação que irá decorrer devido aos meses pandémicos, colocando-se contra o facto de Doc vir a tornar-se médico-chefe. 

Massimo Gentile (Lorenzo Frediani) foi um dos pacientes de Elisa durante a pandemia, com o qual esta manteve um contacto depois da sua recuperação. Numa amizade que poderá ser mais do que isso existe um pequeno pormenor: Elisa nunca viu Massimo em pessoa, visto que todas as suas consultas se realizaram por videochamada.  

 

DOC é uma história de sucesso em Itália, tendo sido líder no prime time, com uma média de mais de oito milhões de espectadores. Além disso, foi aclamada pela crítica por ser uma “reconciliação com a instituição (hospital)” e comparada positivamente a sucessos norte-americanos, como The Good Doctor, sem deixar de ter o seu cunho italiano tão característico. 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.