Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Dois concertos dos GNR no TMJB

GNR, no TMJB, dias 17 e 18 de Outubro

 

GNR-780x470.jpg

TMJB image001 (1).JPG

 

Os GNR vão estar no Teatro Municipal Joaquim Benite, para dois concertos, dias 17 e 18 de Outubro, sábado, às 21h, e domingo, às 16h.

 

O Grupo Novo Rock constitui-se oficialmente em 1980. Em 1981, surgia o primeiro single – vocábulo da era analógica, que designava um disco de vinil de 45 rotações, geralmente com um tema em cada face, sendo estes escolhidos pelo seu potencial comercial, e que serviam para promover mediaticamente um outro disco maior, este com 33 rotações e com mais faixas, designado por LP, isto é, Long Play. O disco incluía o lendário tema Portugal na CEE, e venderia mais de 15.000 exemplares. Ainda em 1981, o grupo lançava Sê um GNR, que venderia ainda mais cópias do que o primeiro single. Nesse ano, entrava para a banda o vocalista Rui Reininho, que viria a tornar-se não apenas o rosto como também a alma e a memória viva de um projecto musical que rompeu com tudo o que tinha até então existido em Portugal em matéria de música pop rock, construindo uma obra de grande singularidade e elegância, na sonoridade como nas letras.

 

Entre os discos eternos (para referir os que alcançaram a condição de clássicos), contam-se Independança (1982), Os Homens Não Se Querem Bonitos (1985), Psicopátria (1986), Video Maria (1988, maxi single, de palavras muito polémicas, consideradas heréticas), Valsa dos Detectives (1989), ou ainda Rock in Rio Douro (1992).

 

 

GNR (Sala Principal, dias 17 e 18 de Outubro, sábado às 21h, e domingo às 16h) 1h30 | M/6

 

Voz Rui Reininho
Guitarras e teclas Tóli César Machado
Baixo Jorge Romão
Bateria Samuel Palitos
Teclados e Guitarras Rui Maia

 

Todas as informações em ctalmada.pt

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.