Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Dom Quixote ensaio - Novidades rentrée 2017

 

Homens Sem Mulheres, de Haruki Murakami (Casa das Letras, 19 de Setembro)

Sete contos que dão forma ao mais recente livro editado em Portugal.

Pelo Mundo Fora, de Diana Pereira (Casa das Letras, 19 de Setembro)

_opt_VOLUME1_CAPAS-UPpelo_mundo.jpg

 

A cozinha, os cheiros e os sabores que a modelo/apresentadora partilha em casa com os dois filhos. Uma viagem pela China, Porto Rico, Índia, México, Turquia, EUA, Tailândia, Marrocos, Japão, Angola, Brasil, Rússia e Líbano

Abril e Outras Transições, de José Cutileiro (Dom Quixote, 12 de Setembro)

abril_e_outras_transicoes.jpg

 

Uma mistura entre livro de memórias e reflexão sobre o país e o mundo, marca o regresso de José Cutileiro aos livros. O articulista decano do Expresso e embaixador fala das suas origens e família, da sua juventude passada entre o Alentejo e Lisboa durante o Estado Novo, dos seus estudos em Oxford e da vida de escritor e de diplomata ao mais alto nível durante cerca de vinte anos.

Vinhos de Portugal 2018, de João Paulo Martins (Oficina do Livro, 19 de Setembro)

Depois de um ano de interregno, Vinhos de Portugal, o mais respeitado e antigo guia de vinhos do país está de volta com o seu 23.º livro. Poderá encontrar a análise de vinhos de todas as regiões, devidamente assinalados com classificações e notas de prova, assim como uma criteriosa selecção dos melhores vinhos do ano – e, ainda, um capítulo dedicado aos vinhos que custam entre 4 e 10 euros e que custam menos de quatros euros.

História Íntima da Humanidade, de Theodore Zeldin (Texto, 12 de Setembro)

_historia_intima_da_humanidade.jpg

 

A história das emoções humanas.

50 Marcos da História que precisa mesmo de saber, de Ian Crofton (Dom Quixote, 4 de Setembro)

Novo título, o oitavo editado em Portugal, de uma das Colecções internacionais de não-ficção mais bem sucedidas da última década em Portugal.

O Islão e o Ocidente, a Grande Discórdia, de Jaime Nogueira Pinto (Dom Quixote, 4 de Setembro)

Quinta edição com um novo prefácio escrito à luz dos recentes atentados. 

OUTUBRO

Luta Armada, de Isabel do Carmo (Dom Quixote)

As Brigadas Revolucionárias, a ARA e a LUAR contadas pelos próprios protagonistas. E os dias de fúria da Europa rebelde da segunda metade do século XX.

A Tragédia de Um Povo, A Revolução Russa 1891 – 1924 (Dom Quixote)

Edição do centésimo aniversário, de Orlando Figes.

Antologia do Pensamento Geopolítico e Filosófico Russo, do José Milhazes e João Domingues (Dom Quixote)

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.