Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

EM NOVEMBRO | TEATRO DA GARAGEM

39a6435e-c493-4b7c-b319-a8d176a2e4d0.jpg

 

A ÚLTIMA VIAGEM DO PRÍNCIPE PERFEITO
LISBOA E LUANDA

17 - 20 NOV | 21h30 | TEATRO TABORDA
25 - 27 NOV | 21h30 | ESPAÇO ELINGA TEATRO

86ª Criação de // 86th Theatre Production by Teatro da Garagem
Co-produção // Co-production Teatro da Garagem & Elinga Teatro
Encenação de // Directed by Carlos J. Pessoa
Texto de // Text by José Mena Abrantes
José Mena Abrantes 50 anos de actividade artística

Angola e Portugal são importantes na medida em que os angolanos e os portugueses forem importantes, todos e cada um. Pensamos que é fácil estarmos de acordo nisto. A oportunidade de colaborarmos, Elinga e Garagem, permite-nos falar de pequenas histórias privadas que cada um traz consigo, senhas de um imaginário, por vezes traumático, que nos possibilitam indagar a uma nova luz o que nos une e o que nos separa. E é assim, olhos nos olhos, a falar as palavras de Mena Abrantes, sem rebaixamentos, nem complexos de culpa, sem ostentação, nem vaidade, que embarcamos francamente, lealmente, em A Ultima Viagem do Príncipe Perfeito. Estes “exercícios dramáticos”, como lhes chamou o autor, constituem, a nosso ver, retratos esfumados, traços que se perdem no negrume de uma imperfeição latente, de um doar-se a esse entalhe caprichoso do destino, que é tão só o gesto que dá corpo aos mal-entendidos da História.
É a História comum, dos anos anteriores à independência de Angola, que nos revela episódios indiscretos, de certo modo desesperados, na clausura de um navio que é a clausura de um Estado, no tédio insuportável da navegação atlântica entre Lisboa e Luanda.

Carlos J. Pessoa

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.