Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

EMARP - Atividades culturais dezembro 2019

"AS MÃOS NÃO SÃO PARA BATER"

Exposição do Centro de Acolhimento A Catraia

 
Até 3 de janeiro 2020
Dias úteis das 8h30 às 17h30

58928a82-633d-4cad-9dfc-2b43c2d5adc7.jpg

 


 
Continua patente no Atendimento da EMARP, até ao dia 3 de janeiro próximo, a exposição “As Mãos Não São Para Bater”, onde se procura dar a conhecer as atividades da “A Catraia” uma casa de acolhimento para crianças e jovens em risco.
Recordando que o passado mês de abril foi dedicado à prevenção dos maus tratos infantis, recorrendo ao laço azul como símbolo, a exposição foi construída com o apoio de duas alunas do curso de Educação Social da Universidade do Algarve, a Margarida Duarte e a Rita Valejo, que se encontravam a cumprir estágio académico na Catraia, e que contaram com a colaboração dos alunos do pré-escolar e 1º ciclo do Agrupamento de Escolas Júdice Fialho.
O resultado deste trabalho traduziu-se na utilização de vários suportes que vão da pintura, com os miúdos a se inspirarem nas obras do artista Romero Britto passando por um estendal de roupas de criança com dizeres alusivos e terminando, entre outras coisas, com fotografias e variadas formas plásticas de intervenção.
As fotografias fazem refletir no uso que podemos dar a uma simples mão, amparando, segurando, afagando, protegendo, parando, brincando, aquecendo, sentindo, orientando, levantando, cuidando, alimentando, limpando, falando ou abraçando.
Esta exposição solidária, nesta época natalícia, vem fazer lembrar a todos nós um tema que muitas vezes é negligenciado, embora às vezes de forma inconsciente, que são os direitos da criança.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.