Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Entrega do Prémio Literário Nortear | 11 de fevereiro | Santiago de Compostela

Lara Dopazo Ruibal vence Prémio Nortear

 

Entrega do Prémio Literário Nortear dia 11 de fevereiro, pelas 12h (hora local), na

sede da Secretaria Xeral da Cultura, Santiago de Compostela.

 

A obra 'Clementina’, de Lara Dopazo Ruibal, venceu a primeira edição do prémio literário Nortear, uma iniciativa promovida pela Consellería de Cultura, Educación Y Ordenación Universitaria (Espanha), a Direção Regional de Cultura do Norte e o Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Galiza-Norte de Portugal, com o principal objetivo de incentivar a criatividade dos jovens escritores do Norte de Portugal e da Galiza.

À primeira edição deste Prémio Literário foram apresentados 60 trabalhos a concurso, de jovens residentes na Euroregião Norte de Portugal - Galiza, com idades compreendidas entre os 16 e os 36 anos.

O Júri do Prémio Literário Nortear para Jovens Escritores foi composto por valter hugo mãe, escritor, Carlos Lopes, diretor da editora “edita-me”, Ledicia Costas, escritora, e Carlos Arias, escritor, incluindo ainda um representante do Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Galiza-Norte de Portugal.

Para a distinção da obra ‘Clementina’, o Júri destacou a “beleza da história, através do uso marcadamente literário e pessoal da linguagem, do domínio seguro e original da técnica narrativa e do ritmo da obra, acompanhado de dimensão lírica”.

Para além do prémio Nortear, no valor de 2.000 euros, o Júri também decidiu conceder uma menção honrosa, pela sua qualidade, à obra ‘Coração cheio de nada', da autoria de João Maria Cardoso.

A cerimónia de entrega do Prémio Nortear vai decorrer no dia 11 de fevereiro, pelas 12h (hora local), na sede da Secretaria Xeral da Cultura, em Santiago de Compostela.

Projetos culturais comuns entre Galiza e Portugal

O certame literário Nortear, que nasce com os objetivos de promover o aparecimento de jovens escritores, de estimular a produção de obras inéditas no domínio da ficção e de favorecer a criatividade literária entre os jovens escritores residentes na Euro-região Galiza - Norte de Portugal enquadra-se no memorando assinado a 23 de abril 2015, Dia Internacional do Livro, entre a Consellería de Cultura, Educación Y Ordenación Universitaria (Espanha), a Direção Regional de Cultura do Norte e o Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Galiza-Norte de Portugal, com a finalidade de promover a criatividade, a promoção e a visibilidade de projetos culturais comuns entre o Norte de Portugal e a Galiza.

O diálogo literário entre Galiza e Portugal também se intensificou, no ano passado, com a iniciativa Conversas Nortear, que ofereceu na sua primeira edição dois encontros entre escritores galegos e portugueses, em novembro, em Santiago de Compostela, com Ledicia Costas e Pedro Guilherme-Moreira, e em dezembro, com Ana Luísa Amaral e Ramón Caride, no Porto.

 

Troca de fundos bibliográficos

Fruto do memorando, igualmente se materializou a troca de fundos bibliográficos destinados a nutrir a secção de língua portuguesa na Biblioteca da Galiza e de língua galega na Biblioteca da Direção Regional de Cultura do Norte de Portugal, instalada na Casa Allen, em Porto.

 

Fotógrafos portugueses expõem na Casa da Parra

O intercâmbio expositivo é uma das iniciativas que, também, se concretizou ao abrigo do referido memorando.

«Santiago Cidade Ilustrada» é um projeto expositivo que pretende mostrar o papel que a cidade de Compostela foi adquirindo na literatura infantil e juvenil e a história ao longo dos últimos anos. A mostra esteve patente no Mosteiro de Tibães, em Braga.

Simultaneamente, na Casa da Parra, em Santiago de Compostela, foi apresentada a Exposição de Fotografia «8 Espaços para 7 Olhares», inserida no projeto Rota das Catedrais do Norte de Portugal, com propostas de Egídio Santos - Concatedral de Miranda do Douro; Inês d’Orey - Sé de Viana do Castelo; Luís Ferreira Alves - Sé Catedral do Porto; Paulo Alegria – Sé Catedral de Lamego; Paulo Pimenta - Sé Catedral de Braga; Pedro Lobo - Sé de Vila Real; Rita Burmester - Antiga Sé de Bragança e Sé Catedral de Bragança (nova).

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.