Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Exposição 50 anos Ponte 25 de Abril: memórias em arquivo

sem nome (3).png

sem nome.png

sem nome (2).png

 

SINOPSE

 

"Em 6 de agosto de 2016 completam-se 50 anos sobre a data de inauguração da Ponte 25 de Abril.

Construída entre novembro de 1962 e agosto de 1966, a edificação da ponte e dos seus acessos urbanos, foi um empreendimento de enorme magnitude que comportou desafios tecnológicos de engenharia, planeamento, conceção e execução.

O envolvimento da Câmara Municipal de Lisboa tornou-se indissociável de todo o projeto, uma vez que o território por onde se prolonga a extremidade norte da ponte é o do município da capital. Se o impacto económico, social e cultural que a ponte provocou no tecido urbano de Lisboa foi inegável, também a importância da ligação rodoviária entre as duas margens do rio Tejo transformou e potenciou o desenvolvimento de toda a região, com um alcance que se estendeu a todo o sul do país.

Por estas razões o Arquivo Municipal de Lisboa entendeu assinalar o cinquentenário desta incontornável efeméride, através da realização de uma exposição, com a qual se pretende dar a conhecer ao público um segmento importante do seu espólio, recorrendo a imagens inéditas, fotografias, plantas e projetos vários em arquivo, acompanhados do necessário enquadramento histórico.

A riqueza da documentação a expor multiplica-se por diferentes dimensões, pois o envolvimento da CML no projeto da ponte implicou estudos e propostas de solução para questões relacionadas com os acessos rodoviários e ferroviários, construção de infraestruturas urbanas, expropriações de terrenos, realojamento de populações, arranjos paisagísticos, reorganização e utopias urbanas, entre outras questões paralelas.

Desta forma, a exposição servirá igualmente como plataforma para alertar o público para a importância, variedade e riqueza do espólio à guarda do Arquivo Municipal de Lisboa, indispensável para o estudo da história da cidade em diferentes disciplinas e áreas do conhecimento.

Neste âmbito irão ser também promovidas algumas visitas guiadas com os investigadores (Ana Saraiva, Denise Santos, Nuno Martins) assim como um ciclo de conferências, que terá lugar nos dias 20 e 27 de outubro, no auditório do CIUL."